! Cruzeiro bate o Santos por 3 a 1 na Vila Belmiro - 02/05/2004 - UOL Esporte - Futebol

UOL EsporteUOL Esporte
UOL BUSCA


  02/05/2004 - 17h53
Cruzeiro bate o Santos por 3 a 1 na Vila Belmiro

MBPress
Em São Paulo

O Cruzeiro venceu o Santos por 3 a 1 na tarde deste domingo, no estádio da Vila Belmiro, e instalou de vez a crise na equipe alvinegra. Com o resultado, o time mineiro foi a oito pontos. Os santistas continuam com apenas três pontos.

No primeiro tempo da partida, o Santos começou melhor e criando mais jogadas, mas foi o Cruzeiro que teve mais sorte e no seu primeiro ataque, aos 20min, conseguiu abrir o placar com gol de cabeça do zagueiro Cris.

Fotocom.net 
Robinho arma chute na derrota do Santos, em casa, para o Cruzeiro
Em desvantagem no placar, a equipe de Emerson Leão reagiu e passou a dominar o jogo depois dos 30min. No entanto, a falta de pontaria e objetividade dos seus atacantes impediram o gol de empate.

Na etapa final, o Santos continuou pressionando. Mas foi o Cruzeiro que mais uma vez chegou primeiro ao gol. O atacante Dudu aproveitou bom lançamento de Alex, aos 12min, e marcou o segundo do time mineiro.

O Santos só chegou ao tão esperado gol aos 17min. E de pênalti. Depois que o zagueiro do Cruzeiro interceptou a bola com a mão, o meia Diego bateu no canto esquerdo de Gomes e fez a alegria da torcida santista.

Apesar da reação, o time da baixada não conseguiu superar a zaga cruzeirense e sofreu seu terceiro gol aos 47min, com gol de Dudu.

As duas equipes voltam a campo na próxima quarta-feira, dia 5, pela Copa Libertadores da América. O Santos enfrenta a LDU, do Equador, em Quito. E o Cruzeiro pega o Deportivo Cali, da Colômbia, em Cali.

Pelo Campeonato Brasileiro, a equipe da Vila Belmiro enfrenta o Juventude, no estádio da Vila Belmiro, no próximo domingo, dia 9. O time mineiro, por sua vez, vai Curitiba, onde jogará com Paraná.

O jogo
Nos primeiros minutos da partida entre Santos e Cruzeiro, as duas equipes concentraram os lances no meio-de-campo e ficaram se observando. Nas poucas vezes que chegavam ao ataque, ambos os times arriscavam apenas de fora da área.

Foi assim com o atacante Robinho, do Santos, aos 10min. O jogador fez boa jogada individual pelo meio, driblou dois marcadores do Cruzeiro e chutou rasteiro. A bola saiu fraca e Gomes defendeu sem dificuldades.

Com o Cruzeiro foi diferente. Na primeira vez em que chegou à área santista, aos 20min, o time mineiro balançou as redes. Após cobrança de escanteio de Alex, o zagueiro Cris subiu mais que os zagueiros e cabeceou forte para o fundo do gol.

Após o gol, o time de Belo Horizonte melhorou em campo e passou a dominar a partida, o que permaneceu até os 30min. Depois disso, o Santos se encontrou e pressionou até o final do primeiro tempo.

A melhor oportunidade do time de Emerson Leão nesse período foi aos 33min, quando Elano fez boa jogada pela direita e tocou para o volante Renato, que, de frente para o gol, chutou por cima do gol.

Fotocom.net 
Alex ajuda na marcação durante a vitória do Cruzeiro fora de casa
No final da etapa, o Santos ainda perdeu o zagueiro Alex, que caiu de mau jeito após subir para cabecear e torceu o tornozelo direito. Pereira entrou no seu lugar.

Na segunda etapa, o Santos começou pressionando e quase chegou ao empate aos 5min. O atacante Robinho recebeu na esquerda, passou por dois marcadores e chutou cruzado. A bola passou à esquerda do goleiro Gomes e saiu pela linha de fundo.

Foi o Cruzeiro, porém, que marcou o segundo. Aos 12min, o atacante Dudu recebeu bom passe do meia Alex e chutou, de esquerda, na saída do goleiro Júlio Sérgio.

Mesmo assim, o time de Emerson Leão continuou pressionando e chegou ao primeiro gol aos 17min. O lateral-direito Marco Aurélio cruza e o zagueiro do Cruzeiro desvia com a mão dentro da área. Na cobrança do pênalti, o meia Diego balançou a rede.

O Santos chegou bem perto do empate aos 28min, quando Renato tocou por cobertura na saída do goleiro Gomes e Maicon chegou a tempo de salvar em cima da linha. A pressão continuou até o fim, mas o gol de empate não saiu, o terceio do Cruzeiro sim, com Dudu aos 47min.

SANTOS
Júlio Sérgio; Marco Aurélio (Lopes), Alex (Pereira), André Luís e Léo; Paulo Almeida, Daniel (Preto Casagrande), Renato e Diego; Robinho e Elano
Técnico: Emerson Leão

CRUZEIRO
Gomes; Edu Dracena (Schwenk), Cris e Wendell (Martinez); Maicon, Maldonado, Recife (Maurinho), Alex e Leandro; Dudu e Jussiê (Márcio)
Técnico: Paulo César Gusmão

Local: estádio da Vila Belmiro, em Santos
Árbitro: Leonardo Gaciba da Silva (RS)
Auxiliares: Sérgio Buttes Cordeiro Filho (RS) e Paulo Ricardo Silva Conceição (RS)
Cartões amarelos: Wendell (C), Marco Aurélio (S), Recife (C), Daniel (S), Preto Casagrande (S), Márcio (C)
Gols: Cris, aos 20min, do primeiro tempo; Dudu, aos 12min, e Diego, aos 17min, e Dudu, aos 47min, do segundo tempo.

Veja a página especial do Brasileirão 2004.

Veja as últimas notícias e leia sobre todos os jogos do Santos em 2004.

Veja as últimas notícias e leia sobre todos os jogos do Cruzeiro em 2004.


ÚLTIMAS NOTÍCIAS
03/09/2007
Mais Notícias