! São Paulo joga bem um tempo e vence o Grêmio - 12/06/2004 - UOL Esporte - Futebol

UOL EsporteUOL Esporte
UOL BUSCA


  12/06/2004 - 19h54
São Paulo joga bem um tempo e vence o Grêmio

MBPress
Em São Paulo

O plano funcionou durante apenas um tempo. O suficiente para o São Paulo vencer o Grêmio por 3 a 2, no Morumbi praticamente vazio, neste sábado à noite, e colocar o time na liderança do Campeonato Brasileiro após nove rodadas.

José Patrício/Folha Imagem 
Luís Fabiano comemora o segundo gol do São Paulo contra o Grêmio no Morumbi
Depois do frustrante empate por 0 a 0 com o Once Caldas, pela Copa Libertadores da América, o técnico Cuca confirmou as mudanças no São Paulo, com Gustavo Nery e Marquinhos assumindo a armação das jogadas do tricolor paulista.

Na etapa inicial, o plano são-paulino deu certo. Apesar de sair atrás, o São Paulo jogou bem e foi para o intervalo vencendo por 3 a 1. Marquinhos, que arriscou ao entrar em campo, foi bem, dando uma assistência para um gol e marcando outro, em belo chute.

O meia são-paulino completou seu sétimo jogo pelo tricolor neste Brasileirão. Assim, não pode se transferir para nenhuma outra equipe que disputa a competição. Seu contrato com o São Paulo vence dia 30 e, inicialmente, a diretoria do clube havia dito que não o renovaria.

Com a boa atuação, pelo menos no primeiro tempo, Marquinhos deve ter garantido sua vaga na equipe titular que enfrenta o Once Caldas, na próxima quarta, na Colômbia. Se o São Paulo se classificar à final da Libertadores, o meia deve ficar no clube.

Estréia
Pelo lado do Grêmio, o jogo marcou a estréia do técnico José Luiz Plein. O treinador abandonou o esquema com três zagueiros, voltando ao 4-4-2. No segundo tempo, Plein mudou sua equipe e o tricolor gaúcho foi melhor que o São Paulo.

Apesar da boa atuação no segundo tempo, o tricolor gaúcho criou poucas oportunidades de gol. Com a derrota, o Grêmio permanece mal colocado na tabela de classificação, somando apenas dez pontos.

Virada
O São Paulo começou o jogo com boa movimentação, tentando pressionar o Grêmio desde o início do jogo. Tocando bem a bola, o tricolor paulista conseguiu manter a equipe gaúcha em seu campo de defesa.

No entanto, o Grêmio logo aumentou sua marcação e conseguiu equilibrar o jogo. E marcou em sua primeira boa chegada ao ataque. Christian foi derrubado na área, cobrou o pênalti e abriu o placar.

Com o gol, o tricolor gaúcho fechou-se mais em seu campo, dificultando o trabalho da equipe são-paulina. Errando muitos passes, os donos da casa começaram a facilitar o trabalho de marcação da equipe adversária.

Numa saída de Luís Fabiano da área, o São Paulo conseguiu empatar. O centroavante tricolor deu belo passe para Cicinho, que invadiu a área e bateu cruzado. A bola desviou na zaga gremista e passou por cima do goleiro Tavarelli.

Pouco depois, aos 37min, a zaga do Grêmio tentou fazer uma linha de impedimento, mas Marquinhos conseguiu dar belo passe para Luís Fabiano. O atacante avançou livre e marcou na saída do goleiro paraguaio.

Com o sistema defensivo do Grêmio perdido, o São Paulo marcou mais um. Luís Fabiano começou jogada invididual aos 42min, passando por dois marcadores. O são-paulino dividiu com um terceiro e a bola sobrou para Marquinhos bater colocado e marcar belo gol.

O bom futebol no final do primeiro tempo foi esquecido no vestiário são-paulino. Após o intervalo, o Grêmio passou a dominar o jogo, adiantando sua marcação e mostrando mais determinação em campo.

Assim, logo aos 6min, o time gaúcho conseguiu diminuir. Após cruzamento na área, o zagueiro Rodrigo cortou mal, cabeceando para a frente, nos pés de Christian. O atacante pegou de primeira e acertou o canto direito de Rogério Ceni.

O time gremista continuou com total domínio do jogo, mas sem conseguir ameaçar efetivamente o gol de Rogério Ceni. O jogo ficou fraco, com muitos passes errados e impaciência da pequena torcida são-paulina no Morumbi.

O São Paulo só foi ameaçar o gol do Grêmio aos 33min. E aproveitando uma falha do zagueiro Magalhães, que tentou sair jogando e perdeu a bola para Luís Fabiano. O atacante são-paulino bateu para o gol, mas Tavarelli salvou o Grêmio.

Cinco minutos depois, novamente Magalhães, Marcelo nos tempos de Corinthians, perdeu a bola novamente ao tentar sair jogando. Danilo não aproveitou e perdeu a bola ao tentar driblar o goleiro Tavarelli.

SÃO PAULO
Rogério; Cicinho, Fabão (Lugano), Rodrigo e Fábio Santos; Alexandre, Fábio Simplício (Renan), Gustavo Nery e Marquinhos; Grafite (Danilo) e Luis Fabiano
Técnico: Cuca

GRÊMIO
Tavarelli; George, Magalhães, Claudiomiro e Michel Bastos; Leanderson (Thiago Prado), Leonardo Inácio, Bruno (Deivis Tiago) e Luciano Ratinho; Cláudio Pitbull (Marcelinho) e Christian
Técnico: José Luiz Plein

Local: estádio do Morumbi, em São Paulo
Árbitro: Wilson de Souza Mendonça (PE)
Auxiliares: Jossemmar José Diniz Moutinho (PE) e Erick Bandeira (PE)
Cartões amarelos: Fabão (SP), Rodrigo (SP), Bruno (G), Gustavo Nery (SP), Magalhães (G)
Gols: Christian, aos 22min, Cicinho, aos 33min, Luís Fabiano, aos 37min, e Marquinhos, aos 42min do primeiro tempo, Christian, aos 6min

Veja a página especial do Brasileirão 2004.

Veja as últimas notícias e leia sobre todos os jogos do São Paulo em 2004.

Veja as últimas notícias e leia sobre todos os jogos do Grêmio em 2004.


ÚLTIMAS NOTÍCIAS
03/09/2007
Mais Notícias