! Santos vence o Flamengo e assume a liderança - 13/07/2004 - UOL Esporte - Futebol

UOL EsporteUOL Esporte
UOL BUSCA


  13/07/2004 - 23h44
Santos vence o Flamengo e assume a liderança

MBPress
Em São Paulo

O Santos continua sua espetacular reação no Campeonato Brasileiro, enquanto o Flamengo segue ladeira abaixo. A equipe paulista venceu a carioca por 2 a 0, nesta terça-feira, na Vila Belmiro, pela 15ª rodada. O clube alvinegro assumiu a liderança e enviou o adversário rubro-negro para a lanterna da competição. Além disso, o Santos mantém um tabu de não perder há 28 anos para o Flamengo na Vila.

Folha Imagem 
Robinho não tinha boa atuação, mas decidiu a partida em dois lances no fim
Com a vitória, o Santos pulou para 28 pontos ganhos na tabela e ultrapassou Figueirense e Palmeiras. O time comandado por Vanderlei Luxemburgo completou oito jogos sem derrotas. O alvinegro paulista vive um momento invejável: venceu as últimas sete partidas no Brasileirão.

Já o Flamengo, que havia perdido o clássico contra o Vasco na última semana, caiu para a lanterna do Brasileirão. A equipe rubro-negra permaneceu com 12 pontos, agonizando na zona de rebaixamento.

Apesar de toda esta tensão, o Flamengo teve maior volume de jogo no primeiro tempo. No entanto, foi o Santos, nos contra-ataques, quem desperdiçou as melhores oportunidades. Por duas vezes, o atacante Deivid falhou e o placar ficou mesmo no 0 a 0.

Mais técnico, o Santos construiu a vitória na etapa final. Aos 35min, Robinho abriu o placar. Quase no fim, aos 43min, Basílio fez 2 a 0, garantido os três pontos.

As duas equipes voltam a campo pelo Campeonato Brasileiro no próximo sábado, dia em que serão realizadas todas as partidas válidas pela 16ª rodada. O Santos viaja ao Rio de Janeiro para enfrentar o Fluminense, às 20h30, no Maracanã. O Flamengo recebe o Juventude, às 18h, em Volta Redonda.

O jogo
Com o cargo ameaçado, o técnico Abel Braga tentou dar mais poder ofensivo ao criticado ataque do Flamengo. Whelliton foi escalado como titular no lugar de Marcelo. No Santos nenhuma novidade, somente a entrada do zagueiro Ávalos, que substituiu Domingos, convocado para a seleção sub-20.

O Flamengo teve a primeira oportunidade do jogo. Aos 2min, Jean fez boa jogada individual e abriu para Jônatas, que cruzou. Tapia saiu do gol e interceptou.

Sem se intimidar com a pressão da torcida santista, o rubro-negro carioca permaneceu no ataque. Aos 6min, Jônatas cobrou escanteio fechado, com muito perigo, e Bóvio cortou.

O Santos acordou aos 10min. Deivid recebeu livre, na frente do gol, e concluiu por cima da meta de Diego.

Embalado, o time paulista partiu para o ataque. Aos 18min, Robinho puxou contra-ataque, tabelo com Ricardinho e cruzou forte para o meio da área. Léo não conseguiu alcançar.

Folha Imagem 
Robinho comemora o primeiro gol, que abriu caminho para vitória por 2 a 0
O Santos continuou pressionando. Aos 25min, Robinho recebeu na pequena área, driblou o goleiro Diego e caiu ao se chocar com Reginaldo Araújo. O atacante pediu pênalti, mas o árbitro Evandro Rogério Roman nada marcou.

Aos 27min, em lance dentro da área rubro-negra, Reginaldo Araújo se machucou numa disputa de bola com Robinho. O lateral deixou o gramado com suspeita de fratura na perna, depois confirmada pelo departamento médico do Flamengo.

Mesmo com maior volume de jogo, o Flamengo errou muitos passes. O Santos aproveitou o erro do adversário e chegou com mais perigo nos contra-ataques.

Aos 34min, Deivid foi derrubado na entrada da área por Henrique. No prosseguimento do lance, Ricardinho cobrou mal a falta e a bola ficou na barreira.

Marcando mal, o Santos começou a ceder muitos espaços ao Flamengo. Aos 44min, Ibson apareceu livre, mas enrolou-se sozinho com a bola e desperdiçou a última chance do primeiro tempo.

O Flamengo voltou com a mesma determinação para a segunda etapa. O técnico Abel Braga pediu mais seriedade da equipe, falando para que seus jogadores evitassem lances de efeito.

Jean pareceu não ter ouvido os conselhos do treinador. Com 1min, o atacante deu um lindo balão em Flávio e sofreu falta. O lateral alvinegro foi punido com o cartão amarelo.

Sem ver poder ofensivo na equipe da casa, os torcedores santistas começaram a protestar. Os torcedores pediram o atacante Basílio na partida.

Os gritos despertaram o time santista. Aos 12min, Deivid dominou no peito cobrança de escanteio e perdeu o equilíbrio na hora da conclusão.

Aos 13min, Deivid recebeu pela direita, livrou-se da marcação e chutou forte no canto. O goleiro Diego fez excelente defesa.

Sem criatividade por parte das duas equipes, a partida esfriou um pouco, mas o Santos continuou melhor. Aos 26min, Marcinho chutou cruzado da esquerda e Diego novamente fez grande defesa, salvando o Flamengo.

O Flamengo respondeu aos 32min. Ibson foi derrubado longe da área, mas Roger resolveu arriscar. O lateral cobrou a falta de longe e Tapia não teve muita dificuldade para realizar a defesa.

Aos 35min, Basílio cabeceou com estilo na trave de Diego, mas o lance foi paralisado pela arbitragem, que marcou impedimento no lance.

O Santos abriu o placar aos 39min. Ávalos cabeceou com força para o gol e Diego fez ótima defesa. No rebote, o atacante Robinho completou para o fundo das redes.

Aos 43min, o Santos decretou a vitória. Basílio recebeu de Elano na direita e bateu cruzado, sem chances para Diego.

SANTOS
Tapia; Paulo César, Ávalos, André Luís e Léo (Flávio); Bóvio, Preto Casagrande (Basílio), Ricardinho e Elano; Robinho e Deivid (Marcinho)
Técnico: Vanderlei Luxemburgo

FLAMENGO
Diego; Reginaldo Araújo (Gauchinho), Henrique, Fabiano Eller e Roger; Da Silva, Ibson, Juliano e Jônatas (Vinícius); Jean e Whelliton
Técnico: Abel Braga

Local: estádio da Vila Belmiro, em Santos (SP)
Árbitro: Evandro Rogério Roman (PR)
Assistentes: Altemar Roberto Domingues (PR) e Francisco Aurélio Prado (PR)
Cartões Amarelos: Bóvio (S), Jônatas (F)
Gols: Robinho, aos 35min, e Basílio, aos 43 minutos do segundo tempo

Veja também


Leia mais


ÚLTIMAS NOTÍCIAS
03/09/2007
Mais Notícias