! Lugano salva o São Paulo em casa - 30/04/2005 - UOL Esporte - Futebol

UOL EsporteUOL Esporte
UOL BUSCA


  30/04/2005 - 20h03
Lugano salva o São Paulo em casa

MBPress
Em São Paulo

O São Paulo segue sem vencer no Campeonato Brasileiro. O time do Morumbi arrancou um empate com o Paraná Clube, neste sábado, no Morumbi, por 1 a 1, com direito a gol nos últimos minutos.

TROPEÇO NO MORUMBI

Paraná sai em vantagem em jogada aérea no 1º tempo


São Paulo joga mal e tem dificuldades para criar


Luizão desperdiça cobrança
de pênalti no 2º tempo


Mas, no fim, Lugano marca para salvar os paulistas
O time da casa perdia por 1 a 0 até os 45min do segundo tempo, quando a pressão desordenada do São Paulo funcionou. Cicinho não conseguiu dominar uma bola na área e ela sobrou para Lugano. De pé esquerdo, de bico, o uruguaio chutou de primeira e marcou o gol do atual campeão paulista.

Assim, o São Paulo conquistou seu primeiro ponto no Brasileiro. No entanto, o time do Morumbi segue sem vencer desde a última rodada do Campeonato Paulista, quando fez 2 a 1 sobre o Mogi Mirim. Desde então, empatou com o Universidad do Chile (1 a 1) e perdeu para o Fluminense (2 a 1), além do empate desta rodada.

Neste sábado, o empate do São Paulo foi acompanhado pelo novo técnico da equipe, Paulo Autuori, que esteve no Morumbi. O comandante se apresentou à imprensa antes do confronto com o Paraná e assistiu o jogo.

O São Paulo foi comandado, em campo, pelo interino Milton Cruz. No entanto, ele não teve a despedida ideal. Além do mau futebol apresentado, ainda foi expulso de campo no primeiro tempo, quando reclamou de um cartão amarelo recebido por Cicinho.

O fator que mais chamou atenção neste sábado foi a apatia do São Paulo, que pouco fez para ameaçar o gol defendido por Flávio. O time do Morumbi até desperdiçou um pênalti, cobrado por Luizão, aos 31min do segundo tempo.

Além disso, o ataque do São Paulo segue sem marcar no Campeonato Brasileiro. O time do Morumbi balançou as redes duas vezes nas duas partidas que disputou (uma contra o Fluminense e outra contra o Paraná) e os autores dos gols foram o meia Souza e o zagueiro Lugano.

Na próxima rodada do Campeonato Brasileiro, o Paraná entra em campo no sábado. O time dirigido por Lori Sandri recebe o Juventude em Curitiba, às 16h, e tenta obter o primeiro resultado positivo dentro de casa nesta temporada do torneio nacional.

O São Paulo só entra em campo no domingo, às 16h. O clube do Morumbi jogará contra o Corinthians, que ficou com o vice paulista, e tentará espantar o mau momento.

O jogo
Com mais qualidade na troca de passes e forte marcação sobre a saída de bola do Paraná, o São Paulo começou melhor no confronto deste sábado.

Prova disso é que o time da casa balançou as redes logo aos 3min. Júnior cruzou da esquerda, Flávio dividiu com Luizão e a bola sobrou para Danilo. O camisa 10 chutou de primeira, de pé esquerdo, e a bola ainda desviou no centroavante antes de entrar. No entanto, o árbitro Cléver Assunção Gonçalves anulou o lance alegando impedimento.

AUTUORI CHEGA
Apresentado neste sábado como novo treinador do São Paulo, Paulo Autuori chegou elogiando o grupo tricolor.

"O São Paulo tem um grupo muito forte e precisamos saber usar isso para conquistarmos os títulos", afirmou o ex-técnico da seleção peruana.

Autuori terá grande desafio logo na estréia, no clássico do dia 8 de maio contra o Corinthians.Leia mais
Porém, depois de um excelente início, o São Paulo diminuiu muito o ritmo. A equipe do Morumbi passou a trocar passes sem objetividade e pouco ameaçou o gol defendido por Flávio.

A única exceção na etapa inicial aconteceu aos 14min. Da Silva cortou uma bola de cabeça e a sobra ficou com Cicinho na intermediária. O camisa 2 arriscou de fora da área, no meio do gol. Flávio não conseguiu segurar e João Paulo afastou na seqüência.

Preocupado com a apatia do São Paulo, o técnico interino Milton Cruz resolveu alterar a equipe. Para isso, abriu mão do esquema com três zagueiros no intervalo e colocou o meia Souza no lugar de Edcarlos.

A resposta para isso, porém, foi a pior possível. Isso porque o Paraná inaugurou o marcador logo aos 3min. Edinho cobrou escanteio da direita, Daniel Marques cabeceou livre de marcação e acertou o canto direito alto de Rogério Ceni, que sequer se mexeu.

Este foi o primeiro gol de Daniel Marques pelo Paraná Clube. O zagueiro estreou na equipe paranaense neste sábado e só ganhou a oportunidade porque o titular Fernando Lombardi, expulso na estréia, estava suspenso.

ROGÉRIO DEFENDE LUIZÃO
Rogério Ceni tem cobrado os pênaltis para o São Paulo, mas neste sábado foi Luizão quem bateu para a equipe do Morumbi quando o placar marcava 1 a 0 para o Paraná. O centroavante desperdiçou a oportunidade, mas nem por isso o goleiro-artilheiro o atacou.

"O Luizão é um excelente cobrador. Ele treina muito bem e estava confiante. Pediu para bater e eu não tinha porque negar. Ele bate até melhor que eu", disse Ceni.Leia mais
O gol desnorteou o São Paulo, que se mostrou ainda mais apático do que na primeira etapa. O time do Morumbi só chegou aos 10min. Luizão recebeu dentro da área, girou para a esquerda e chutou cruzado. Danilo desviou e quase enganou o goleiro Flávio, que conseguiu agarrar.

O São Paulo ainda teve uma oportunidade excelente aos 31min, quando Grafite foi derrubado por Daniel Marques dentro da área. Luizão bateu a penalidade e mandou por cima do travessão.

Depois disso, o São Paulo pressionou o Paraná de maneira desarrumada, com cruzamentos altos para a área. A tática, que parecia sem futuro, funcionou aos 45min. Cicinho não dominou uma bola e ela sobrou para Lugano. O zagueiro uruguaio chutou de pé esquerdo, de bico, e marcou o gol de empate.

SÃO PAULO
Rogério Ceni; Fabão, Lugano e Edcarlos (Souza); Cicinho, Mineiro (Marco Antônio), Josué, Danilo e Júnior (Diego Tardelli); Grafite e Luizão
Técnico: Milton Cruz

PARANÁ
Flávio; Daniel Marques, Da Silva e João Paulo; Alex, Beto (Goiano), Ewerton César, Edinho (Mário César) e Vicente; André Dias e Borges (Thiago Neves)
Técnico: Lori Sandri

Local: estádio do Morumbi, em São Paulo (SP)
Árbitro: Clever Assunção Gonçalves (MG)
Auxiliares: Guilherme Dias Camilo e Edgard Salles Abreu (ambos de MG)
Cartões amarelos: Borges (P), Cicinho (S) e Daniel Marques (P)
Gols: Daniel Marques, aos 3min, e Lugano, aos 45min do segundo tempo

Veja também


ÚLTIMAS NOTÍCIAS
03/09/2007
Mais Notícias