! São Paulo empata e amplia agonia do Atlético-MG - 02/11/2005 - UOL Esporte - Futebol
UOL EsporteUOL Esporte
UOL BUSCA


  02/11/2005 - 22h24
São Paulo empata e amplia agonia do Atlético-MG

Da Redação
Em São Paulo

Sem grandes pretensões no Campeonato Brasileiro, o São Paulo se aproveitou do desespero do Atlético-MG e deixou o adversário ainda mais aflito com o empate por 2 a 2 desta quarta-feira, em partida realizada no estádio do Morumbi que inaugurou a 36ª rodada.

Folha Imagem
Rogério Ceni marca e salva o São Paulo da derrota para o Atlético-MG no Morumbi
Enquanto a equipe paulista fez mais uma etapa de seus testes visando o Mundial de Clubes da Fifa, em dezembro, o time mineiro encarou o jogo como um duelo decisivo. Afinal, lanterna do Nacional, o Atlético-MG tem apenas mais seis partidas para se livrar do fantasma do rebaixamento.

"Nossa equipe está oscilando muito. Nossa situação é difícil, mas vamos conseguir", comentou o otimista atacante Euller ao final do jogo. Agora com 34 pontos e na última posição da tabela, o clube alvinegro encerra a série de quatro derrotas consecutivas, mas continua sem triunfar na competição. A última vitória aconteceu sobre o Flamengo, por 2 a 1, no dia 11 de outubro, pela 31ª rodada.

O resultado marca ainda a conquista do primeiro ponto do Atlético-MG sob o comando de Lori Sandri. Contratado com a árdua missão de salvar o time da Segunda Divisão, o ex-treinador do Paraná estreou na partida anterior, quando perdeu por 3 a 1 para o Palmeiras, na capital mineira.

Pelos lados do São Paulo, o empate deixa os comandados de Paulo Autuori com 49 pontos na classificação, brigando por uma vaga na Copa Sul-Americana. Atual campeã da Copa Libertadores e já garantida na próxima edição do torneio, a equipe tricolor tem como único objetivo real se classificar para o torneio continental realizado no segundo semestre.

Quanto aos testes idealizados pelo treinador são-paulino, o atacante Roger, que entrou como titular na vaga de Christian, marcou um gol (o outro foi de Rogério Ceni) e segue na briga para aparecer entre os 23 atletas que disputarão o Mundial no Japão.

"Ele tem amadurecido, mostrou que aproveitou o tempo que ficou sem jogar e agora está tendo as oportunidades. Vejo com bons olhos tudo isso e fico satisfeito", elogiou o técnico Paulo Autuori. O jovem volante Denilson, substituto de Mineiro, poupado, também teve boa atuação. Pelos lados do time visitante, os gols foram anotados por Cáceres e Marques.

O São Paulo volta a campo no próximo sábado, quando abre a 37ª rodada no Morumbi, diante do Juventude. Um dia depois, o Atlético-MG também atua diante de sua torcida ao receber o Goiás no estádio Mineirão, em Belo Horizonte.

O jogo
Precisando desesperadamente do resultado positivo, o Atlético-MG começou a partida esboçando uma pressão na saída de bola adversária. Explorando principalmente a lateral esquerda, o time mineiro conseguiu se manter no ataque nos minutos iniciais, mas sem criar nenhuma chance clara.

JEJUM ATLETICANO
DataAdversárioPlacar
16/10Cruzeiro0 x 1
22/10Atlético-PR0 x 2
26/10Fortaleza2 x 3
30/10Palmeiras1 x 3
2/11São Paulo2 x 2
A primeira oportunidade, inclusive, foi do São Paulo. Com cinco minutos de bola rolando, Josué arriscou de fora da área e carimbou o travessão de Bruno. Aos 8min, foi a vez de Amoroso assustar os mineiros, cabeceando rente à trave direita depois de cobrança de escanteio.

O troco mineiro foi em grande estilo, aos 18min. Cáceres puxou contra-ataque e abriu a jogada na esquerda. Marques levantou a bola na área, Rodrigo Fabri ajeitou e o próprio Cáceres, de cabeça, completou a jogada para colocar os visitantes em vantagem no placar.

O São Paulo não se intimidou e logo empatou a partida. Aos 27min, Cicinho cobrou escanteio da direita e o atacante Roger subiu mais que a defesa para, também de cabeça, estufar as redes do goleiro Bruno.

Mas os anfitriões tiveram pouco tempo para comemorar, já que, três minutos mais tarde, o Atlético-MG voltou a surpreender. Após disputa aérea na intermediária vencida por Vinicius, a bola sobrou para Marques na entrada da área. O atacante finalizou com firmeza e mandou à direita de Rogério Ceni, fazendo 2 a 1.

Após o intervalo, o São Paulo voltou do vestiário mostrando maior disposição. E quase empatou novamente o duelo aos 7min, em bela virada de Roger defendida pelo goleiro Bruno. No rebote, Cicinho chutou nas redes, pelo lado de fora.

ROGÉRIO VOLTA A MARCAR
Artilheiro do São Paulo na temporada 2005, o goleiro Rogério Ceni marcou nesta quarta-feira seu 19º no ano, o nono no Campeonato Brasileiro, do qual é vice-artilheiro da equipe (perde apenas para Amoroso, com 12).

O camisa 1 são-paulino não fazia um gol desde o dia 21 de setembro, quando marcou de pênalti na vitória sobre o Cruzeiro por 3 a 2. O último de falta aconteceu no dia 28 de agosto, nos 4 a 0 sobre o Paraná.
Se o lateral errou o alvo, o mesmo não aconteceu com Rogério Ceni. O camisa 1 são-paulino cobrou falta com perfeição aos 10min e colocou a bola no ângulo esquerdo de Bruno, obtendo nova igualdade na partida e animando o time anfitrião.

Aos 23min, Roger fez bela jogada pela direita, dentro da área, e cruzou na direção de Amoroso, mas o passe acabou interceptado pelo goleiro. Cheio de disposição, o camisa 12 criou outra chance pouco depois para Danilo, que não conseguiu completar para o gol.

O Atlético-MG também levou perigo à meta de Rogério Ceni. Aos 31min, Cáceres recebeu livre na grande área, mas demorou a concluir e chutou para fora.

Vinicius, em disparo de longe, foi outro que tentou sem sucesso, pegando muito mal na bola. No São Paulo, Denilson ainda acertou o travessão no final. O placar, porém, não sofreu mais alterações.

SÃO PAULO
Rogério Ceni; Fabão, Lugano e Edcarlos; Cicinho, Denilson, Josué, Danilo (Christian) e Junior; Roger e Amoroso (Davi)
Técnico: Paulo Autuori

ATLÉTICO-MG
Bruno; Castan, Henrique e Cáceres; Edílson, Rafael Miranda, Vinícius, Rodrigo Fabri (Euller) e Thiago (Catanha); Marques e Uéslei (Ramon)
Técnico: Lori Sandri

Local: estádio do Morumbi, em São Paulo (SP)
Árbitro: Wilson de Souza Mendonça (PE)
Auxiliares: Erick Bandeira (PE) e Irani Pinto (PE)
Cartões amarelos: Castan (AM), Amoroso (SP), Denilson (SP), Cicinho (SP)
Gols: Cáceres, aos 18min, Roger, aos 27min, e Marques, aos 30min do primeiro tempo; Rogério Ceni, aos 10min do segundo tempo


ÚLTIMAS NOTÍCIAS
03/09/2007
Mais Notícias