! Nervoso, São Paulo perde e se distancia do líder - 05/03/2006 - UOL Esporte - Futebol
UOL EsporteUOL Esporte
UOL BUSCA


  05/03/2006 - 20h13
Nervoso, São Paulo perde e se distancia do líder

Da Redação
Em São Paulo

Nervoso e desorganizado, o São Paulo perdeu a invencibilidade de dez jogos que ostentava na temporada. Na noite deste domingo, em Sorocaba, a equipe foi derrotada por 2 a 0 pelo São Bento, em partida válida pela 13ª rodada do Campeonato Paulista.

Wander Roberto/Vipcomm
Lugano é o retrato do nervosismo do São Paulo; zagueiro é expulso e encara adversário
A idéia do técnico Muricy Ramalho era poupar alguns jogadores por causa da disputa da Libertadores. E também para evitar suspensões para o duelo contra o Corinthians no próximo domingo. Mas depois de muito mistério, deixou apenas Josué e André Dias fora.

Mesmo com a maioria dos titulares, o São Paulo se mostrou desorganizado em campo e com pouco poder ofensivo. Além disso, o nervosismo tomou conta de Lugano no segundo tempo e ele foi expulso de campo - o camisa 5 está fora do clássico.

A derrota, além de acabar com a invencibilidade tricolor - não perdia desde o dia 25 de janeiro -, evitou que o time colasse no líder Santos. O São Paulo segue na vice-liderança, mas agora a cinco pontos do primeiro colocado.

"Agora ficou complicado. Neste momento do campeonato ficar a cinco pontos do líder não é bom. Mas temos de levantar a cabeça e pensar nos próximos jogos", comentou o atacante Thiago ao final da partida.

SÃO PAULO FORA DE CASA
AdversárioDataPlacar
Santo André18/010x1
Marília01/022x0
Portuguesa Santista12/025x0
Bragantino15/023x3
Ponte Preta25/022x1
Caracas01/032X1
São Bento05/030x2
O São Bento, por sua vez, deixou a zona de rebaixamento da competição estadual e impediu o adversário de melhorar ainda mais o seu retrospecto como visitante - agora com 15 pontos, a equipe do interior ganha fôlego no certame.

Até aqui, o time do Morumbi fez sete jogos fora de casa. A campanha é de quatro vitórias, duas derrotas e um empate. O outro tropeço havia sido contra o Santo André, no estádio Bruno José Daniel, no ABC paulista.

O próximo desafio do São Paulo é pela Copa Libertadores da América. Na quarta-feira, às 21h45, no estádio do Morumbi, o time tricolor recebe o Cienciano, do Peru. A equipe do técnico Muricy Ramalho é líder do Grupo 1, com três pontos somados.

Pelo Campeonato Paulista, o clube retorna a campo no domingo, dia 12, também no Morumbi. O adversário será o arqui-rival Corinthians, às 16h, pela 14ª rodada do certame. O São Bento joga no mesmo dia, às 18h10, contra o Noroeste, em Sorocaba.

O jogo
"Temos de adotar uma postura ofensiva desde o início se quisermos vencer e continuar na briga pelo título". A frase foi dita pelo zagueiro Diego Lugano, do São Paulo, antes do início do confronto com o São Bento. Mas o time de Sorocaba é que seguiu a dica.

Assim que o árbitro José Henrique de Carvalho autorizou o começo da partida, o São Bento partiu para cima do São Paulo, que foi salvo duas vezes por impedimento dos atacantes da equipe do interior. Sem força, o time tricolor criou pouco.

LIMA: 'REI DOS ESTADUAIS'
O atacante Lima, que na noite deste domingo fez sua estréia com a camisa do São Paulo, está em busca do seu quarto título estadual consecutivo. Desde 2003, o jogador conquista um campeonato desses por onde passa.

Em 2003, o jogador venceu o Campeonato Paranaense com o Coritiba. No ano seguinte, pelo Cruzeiro, ganhou o Mineiro. E no ano passado, atuando pelo Atlético-PR, conquistou mais um Estadual no Paraná.

"Estou confiante e empolgado com a minha chegada ao São Paulo", declarou o atacante, momentos antes de estrear pela equipe do Morumbi.
A postura ofensiva do clube de Sorocaba no início do confronto foi premiada aos 20min. André Leonel aproveitou sobra na entrada da grande área e chutou colocado no canto direito de Rogério Ceni, que se esticou e não conseguiu evitar o gol adversário.

Em desvantagem, o São Paulo acordou em campo. E teve duas ótimas chances de empatar. A primeira aos 23min, em cobrança de falta que Souza acertou no travessão. Depois aos 28min, quando Thiago, sem marcação, tocou para fora na saída do goleiro.

"O time deles está nos atacando muito bem. Precisamos de um pouco mais de paciência no último passe porque estamos errando demais", analisou o lateral-esquerdo Júnior, do São Paulo, ao término do primeiro tempo em Sorocaba.

Para o segundo tempo, o técnico Muricy Ramalho resolveu colocar sangue novo no ataque tricolor. Ele promoveu a estréia do atacante Lima, que substituiu Alex Dias. O jogador chegou recentemente ao São Paulo, vindo do Al-Ittihad, da Arábia Saudita.

A entrada de Lima, porém, não foi o suficiente para o São Paulo melhorar em campo. Aos 20min, então, o treinador tricolor colocou o atacante Leandro na vaga do zagueiro Alex - junto com essa alteração, ele tirou Júnior e escalou Richarlyson.

E no primeiro lance de Leandro na partida quase o gol de empate saiu. Aos 23min, o camisa 12 deu bom passe para Lima na grande área. Ele dominou no peito e chutou forte no travessão do goleiro Fabiano.

Mas a situação do São Paulo se complicou aos 26min, quando o zagueiro Lugano foi expulso. O uruguaio ficou inconformado com o cartão amarelo que levou e reclamou demais com o árbitro, que em seguida mostrou o vermelho - o camisa 5 está fora da partida de domingo, contra o arqui-rival Corinthians.

Depois disso, o time do Morumbi não se encontrou mais em campo e ainda viu o São Bento ampliar o placar nos acréscimos. Aos 48min, o atacante Celsinho recebeu livre e tocou para o fundo do gol de Rogério Ceni.

SÃO BENTO
Fabiano; Odirlei, Jeci, Márcio Santos e Júlio César (Luizinho); Emerson, Magal, Rincon e Marcos Aurélio; Evandro (Leandro Moreno) e André Leonel (Celsinho)
Técnico: Abelha

SÃO PAULO
Rogério Ceni; Edcarlos, Lugano e Alex (Leandro); Souza, Mineiro, Denílson, Danilo e Júnior (Richarlyson); Alex Dias (Lima) e Thiago
Técnico: Muricy Ramalho

Local: estádio Walter Ribeiro, em Sorocaba (SP)
Árbitro: José Henrique de Carvalho
Auxiliares: Nilson de Souza Monção e Everson Luiz Soares
Cartões amarelos: Rincon (SB), Magal (SB), Leandro Moreno (SB), Denílson (SP), Emerson (SB)
Cartão vermelho: Lugano (SP)
Gols: André Leonel, aos 20min do primeiro tempo; Celsinho, aos 48min do segundo tempo

Leia mais

Veja também


ÚLTIMAS NOTÍCIAS
03/09/2007
Mais Notícias