! São Caetano vence e complica o Guarani - 18/03/2006 - UOL Esporte - Futebol
UOL EsporteUOL Esporte
UOL BUSCA


  18/03/2006 - 20h07
São Caetano vence e complica o Guarani

Da Redação
Em São Paulo

Seria prematuro colocar o São Caetano como postulante ao título paulista. Mas após a vitória em casa sobre o Guarani, neste sábado, por 2 a 0 o time do ABC paulista aproximou-se do bloco principal.

A MISSÃO DO GUARANI
AdversárioDataLocal
Santo André25/03casa
Corinthians29 ou 30/03fora
São Bento01 ou 02/04fora
Mogi Mirim09/04casa
Com 27 pontos, o clube assumiu a quinta posição e está a sete pontos do líder Santos. Por outro lado, classificar o Guarani como potencial candidato ao rebaixamento faz sentido.

Estacionada nos 16 pontos, a equipe de Campinas não conseguiu embalar após o triunfo sobre o Santos na última rodada - duelo que marcou a estréia do técnico Toninho Cerezo - e tem mais quatro jogos para evitar a queda para a Série A-2.

"A chateação é normal pela situação em que a gente se encontra. Estamos correndo, mas falta o gol", lamentou o atacante Edmilson, que projeta de seis a sete pontos para evitar o descenso.

O primeiro desafio será no sábado, no Brinco de Ouro, contra o também ameaçado Santo André. Já o São Caetano entra em campo apenas no domingo, contra o Marília, fora de casa.

O jogo
Precisando da vitória para sair da zona de rebaixamento, o Guarani começou surpreendendo os mandantes. Aos 6min, Goeber avançou pela direita, rolou para trás e Gustavo chutou. Com elasticidade, Silvio Luiz espalmou.

Mas na primeira vez que foi à frente, o São Caetano abriu o placar, aos 12min. Marcel entrou na área, driblou Rogério, mas o zagueiro cortou com a mão. Atentamente, o árbitro Paulo Roberto Ferreira marcou pênalti. Na cobrança, Marcel acertou o canto direito de Fernando, que pulou para a esquerda.

A seguir, o jogo caiu de ritmo. Os jogadores exageraram nos passes errados e no individualismo. Outra chance de perigo apenas aos 41min, novamente com o São Caetano. Leandro Lima recebeu na área, girou em cima de um zagueiro e bateu cruzado, para fora.

Na primeira oportunidade do segundo tempo, Marcelinho se enrolou e perdeu o ângulo. Mesmo assim, ele ainda conseguiu rolar para trás, mas Leandro Lima chutou para fora. Embora com mais posse de bola, o Guarani teve dificuldade para entrar na zaga do São Caetano.

O anfitrião atacou com força aos 27min e quase ampliou após muita confusão na área. Na sobra, Marcelinho chutou colocado e Fernando salvou. Aos 31min, o Guarani teve a chance de empatar, mas Eder escorregou e perdeu o domínio da bola, dentro da pequena área.

Aos 34min, Thiago e Fabinho brigaram e receberam o cartão vermelho. No fim, o São Caetano ampliou. Neto Potiguar fez boa jogada, e rolou para Márcio Richards marcar.

SÃO CAETANO
Sílvio Luíz; Cleber, Thiago e Gustavo; Alessandro (Paulo Miranda), Zé Luís, Marabá, Leandro Lima (Márcio Richards) e Triguinho; Marcel (Neto Potiguar) e Marcelinho
Técnico: Nelsinho Baptista

GUARANI
Fernando; Nelsinho, Emerson (André Conceição), Rogério e Mariano; Goeber, Rodrigo Sá (Fabinho), Juca e Gustavo (Eder); Edmílson e Adeílson
Técnico: Toninho Cerezo

Local: estádio Anacleto Campanella, em São Caetano do Sul (SP)
Árbitro: Paulo Roberto Ferreira
Cartões amarelos: Silvio Luis (S), Marabá (S), Cleber (S), Marcel (S), Emerson (G), Juca (G), Triguinho (S), Rogério (G), Zé Luís (S)
Cartões vermelhos: Thiago (S) e Fabinho (G)
Gols: Marcel, aos 12min do primeiro tempo; Márcio Richards, aos 45min do segundo tempo

Veja também


ÚLTIMAS NOTÍCIAS
03/09/2007
Mais Notícias