! Palmeiras perde do Rio Branco em dia de testes - 01/04/2006 - UOL Esporte - Futebol
UOL EsporteUOL Esporte
UOL BUSCA


  01/04/2006 - 20h07
Palmeiras perde do Rio Branco em dia de testes

Da Redação
Em São Paulo

Pensando em reformulação para a seqüência da temporada e no jogo da Copa Libertadores da América na próxima terça-feira na Colômbia, o Palmeiras enfrentou o Rio Branco, neste sábado, no Parque Antarctica, e voltou a perder pelo Campeonato Paulista: 2 a 0. Agora, o time soma três jogos sem vencer no certame.

GADELHA NO SÃO CAETANO
O atacante Fabiano Gadelha se despediu em grande estilo do Rio Branco. Novo reforço do São Caetano, ele fez sua última partida pelo time de Americana na noite deste sábado. E o camisa 10 marcou os dois gols da vitória por 2 a 0 sobre o Palmeiras.

Artilheiro da equipe do interior no Campeonato Paulista, com nove gols marcados, Gadelha deve se apresentar ao clube do ABC paulista no começo da próxima semana. Lá, ele vai disputar a Série A do Campeonato Brasileiro.

Menos de 1.500 torcedores compareceram ao jogo, e não tiveram sorte. Querendo reforços e avisando que alguns jogadores devem ser dispensados do clube, Leão colocou vários reservas esperando mudança na atitude da equipe. Mas o que se viu foi o que marcou o Palmeiras durante a competição: deficiência na conclusão, e defesa muito fraca.

"É muito triste ver o estádio vazio. Mas isso só vai mudar se dermos uma resposta dentro do campo. Essa é a realidade. Precisamos melhorar. Só assim o torcedor vai encher a arquibancada", comentou o técnico Emerson Leão.

Com este resultado, a equipe de Leão segue com 33 pontos, na quarta colocação. O Rio Branco, por sua vez, aparece em sétimo lugar com 27.

O destaque da partida ficou por conta de Fabiano Gadelha. Artilheiro do Rio Branco no campeonato com nove gols marcados, o camisa 10 do time de Americana fez dois gols em sua última partida com a camisa do Rio Branco.

A equipe do Parque Antarctica viaja para a Colômbia neste domingo. Na próxima terça-feira, o time alviverde precisa ganhar do Atlético Nacional, em Medellín, para assumir a liderança do Grupo 7. Se vencer, fica tranqüilo para decidir a vaga nas oitavas contra o Cerro Porteño, em casa, na rodada final da fase de grupos.

Na última rodada do Campeonato Paulista, no próximo domingo, o Palmeiras vai ao estádio Bruno José Daniel pegar o Santo André, e o Rio Branco recebe a Portuguesa Santista, no estádio Décio Vitta, em Americana.

O jogo
Sem nenhuma chance de ser campeão, o Palmeiras jogou com um time misto. Querendo mostrar serviço ao treinador, a equipe que entrou em campo foi para cima do Rio Branco, mas sem criar muitas chances de gol.

O time de Americana teve no contra-ataque sua maior arma. Logo aos 3min, Vander entrou livre pelo meio e bateu para o gol. Nunes só completou, mas a arbitragem marcou impedimento.

Aos 7min, o Rio Branco abriu o placar. Depois de falha de Marcinho Guerreiro, Fabiano Gadelha recebeu cruzamento de Vander, da direita, e fez de cabeça.

Depois do gol do Rio Branco, o Palmeiras começou a pressionar, fazendo com que o time de Americana se fechasse na defesa. Sem conseguir furar o bloqueio do adversário, o time alviverde tentou chagar ao empate por meio das jogadas aéreas.

Aos 18min, Leonardo Silva desviou de cabeça e levou perigo ao gol de Marcelo Bonan. Dez minutos depois, Correa escorou cruzamento da direita e Marcinho Guerreiro, que vinha de trás, cabeceou para fora.

Pelo chão, a jogada mais perigosa aconteceu aos 25min. Ricardinho cobrou falta, a bola sobrou livre para Cristian, que desperdiçou chutando em cima da zaga.

Depois de ficar praticamente 30 minutos sem chegar ao gol adversário, Fabiano Gadelha recebeu a bola na intermediária, avançou, e chutou para o gol, fazendo um belo gol para o Rio Branco, aos 36min. Depois disso, o Palmeiras não conseguiu criar mais nada no primeiro tempo.

Na volta do intervalo, o técnico do Palmeiras colocou Reinaldo no lugar de Marcinho Guerreiro, e Enílton no lugar de Cláudio. O atacante foi quem levou mais perigo ao gol adversário. Aos 8min, ele recebeu cruzamento da esquerda, mas se atrapalhou com a bola e perdeu grande chance. Aos 18min, cabeceou na risca da pequena área, mas acertou no travessão.

Enquanto isso, o Rio Branco continuou assustando os poucos torcedores que estiveram no Parque Antarctica. Aos 10min, Leonardo Silva se atrapalhou com a bola e deu de graça para Nunes. O atacante invadiu a área e tocou para o meio, por onde chegava Fabiano Gadelha. Correa cortou para escanteio. Dois minutos depois, Thiaguinho bateu falta da entrada da área, obrigando Diego a fazer bela defesa.

Depois da metade do segundo tempo, o Palmeiras começou a pressionar. Aos 26min, Amaral cruzou da direita e Enílton não alcançou. Dois minutos depois, o mesmo Enílton cabeceou para fora mais uma vez. Aos 29min, Thiago Gomes aproveitou cruzamento de Cristian e chutou na trave.

A equipe da capital paulista atuou boa parte da etapa final com um jogador a menos. Isso porque o volante Reinaldo foi expulso depois de levar o segundo cartão amarelo.

PALMEIRAS
Diego; Amaral, Leonardo Silva, Thiago Gomes e Márcio Careca; Correa, Marcinho Guerreiro (Reinaldo), Ricardinho e Cristian; Washington e Cláudio (Enílton)
Técnico: Emerson Leão

RIO BRANCO
Marcelo Bonan; Thiaguinho, Ozéia, Luís Henrique e Maurinho; Bruno (Agnaldo), Edimar, Diogo e Vander; Fabiano Gadelha (Pio) e Nunes
Técnico: Ruy Scarpino

Local: estádio do Parque Antarctica, em São Paulo (SP)
Árbitro: Rodrigo Braghetto
Auxiliares: Everson Luiz Soares e João Bourgalber Chaves
Cartões amarelos: Thiago Gomes (P) e Cristian (P)
Cartão vermelho: Reinaldo (P)
Gols: Fabiano Gadelha, aos 7min e aos 36min do primeiro tempo

Leia mais

Veja também


ÚLTIMAS NOTÍCIAS
03/09/2007
Mais Notícias