! Corinthians ignora animação e só empata - 09/04/2006 - UOL Esporte - Futebol
UOL EsporteUOL Esporte
UOL BUSCA


  09/04/2006 - 17h54
Corinthians ignora animação e só empata

Da Redação
Em São Paulo

A empolgação causada pela vitória por 3 a 2 sobre a Universidad Católica, na última quinta-feira, limitou-se à Copa Libertadores. No retorno ao Campeonato Paulista, o Corinthians não mudou apenas os jogadores. A equipe alvinegra, atuando com seus suplentes, foi apática e apenas empatou com o Paulista por 2 a 2.

MARADONA CORINTIANO
O ex-jogador argentino Diego Armando Maradona esteve no Brasil no último sábado para representar seu país em um desafio de futebol. E surpreendeu ao revelar que tem um carinho especial por uma equipe brasileira.

"Sou Corinthians até a morte. Como torcedor do Boca, comemoro quando o Corinthians vence. Por Carlitos, somos todos corintianos", declarou o maior ídolo da história do futebol argentino.

Fã de Tevez e do Corinthians, Maradona revelou ter planos até para treinar o time paulista. "Se me convidarem, aceito na hora", garantiu.
O resultado e o desempenho do Corinthians neste domingo apenas ratificaram o desinteresse da equipe do Parque São Jorge no Campeonato Paulista. Desde o início do torneio, o time alvinegro optou por uma formação reserva sempre que precisou privilegiar a disputa da Copa Libertadores.

Neste domingo, os reservas voltaram a campo. Mais do que um objetivo na tabela, os atletas do Corinthians foram movidos por ambição particular. Afinal, o técnico Ademar Braga pode trocar três peças entre os jogadores inscritos na Copa Libertadores caso o time alvinegro alcance as oitavas-de-final.

Até o momento, a única dessas três vagas que está definida é a do zagueiro Rodrigo, que já fez exames médicos e deve ser apresentado como reforço do Corinthians nos próximos dias. Neste domingo, os outros candidatos a fazer parte do grupo da Libertadores decepcionaram e não saíram de uma igualdade com o Paulista.

O resultado representa a sexta partida consecutiva do Corinthians sem uma derrota. O time alvinegro não é superado desde o dia 19 de março, quando o América-SP fez 2 a 1 no rival do Parque São Jorge. Desde então, os comandados de Ademar Braga angariaram três vitórias e três empates.

Com campanha mais modesta, o Paulista chegou neste domingo a 25 pontos ganhos no Estadual. Assim, o time de Jundiaí finaliza o torneio de 2006 na 12ª colocação da tabela.

Agora, livres da disputa do Estadual, Corinthians e Paulista podem se concentrar exclusivamente na disputa da Copa Libertadores. Na reta final da fase de grupos, as duas equipes têm chances de classificação para as oitavas-de-final.

A situação mais confortável é a do Corinthians, vice-líder do Grupo 4. O time alvinegro tem dez pontos e pode garantir vaga na próxima fase sem sequer entrar em campo. Para isso, precisa torcer para o lanterna Deportivo Cali superar o Tigres na próxima terça-feira, em Cali.

O Paulista, que conquistou seu primeiro triunfo na Libertadores na última quarta (2 a 1 sobre o River Plate, em Jundiaí), tem dois jogos para tentar avançar na competição. A equipe do interior de São Paulo somou cinco pontos até agora e aparece na terceira colocação da chave, atrás do líder Libertad (oito pontos) e do próprio River (que tem seis).

CORINTHIANS
Marcelo; Eduardo, Wendel, Marquinhos e Carlão (George); Xavier, Edson, Bruno Octávio (Élton) e Renato; Carlinhos (Marcelo Oliveira) e Akai
Técnico: Ademar Braga

PAULISTA
Victor; Kenta, Marcus Vinícius, Nivaldo e Eduardo; Abraão, Bosco, Fernandinho (Paulinho) e Diogo (Wesley Brasília); Luiz Henrique e Neto Baiano (Thiago Gama)
Técnico: Vágner Mancini

Local: estádio do Pacaembu, em São Paulo
Árbitro:Otávio Corrêa da Silva
Assistentes: Marcelo Carvalho Van Gasse e Marcelino Tomaz de Brito Neto
Cartão Amarelo: Nivaldo, Abraão e Kenta (P); Renato (C)
Gols: Nivaldo, aos 15seg, Akai, aos 42min e Neto Baiano, aos 44min; Élton, aos 2min do segundo tempo

Veja também


ÚLTIMAS NOTÍCIAS
03/09/2007
Mais Notícias