! Santos vence Gimnasia y Esgrima e segue 100% na Libertadores - 14/03/2007 - UOL Esporte - Futebol
UOL EsporteUOL Esporte
UOL BUSCA


  14/03/2007 - 23h48
Santos vence Gimnasia y Esgrima e segue 100% na Libertadores

Da Redação
Em São Paulo

Mais uma vez, o Santos mostrou eficiência e conseguiu assegurar os 100% de aproveitamento na Copa Libertadores. Além disso, disparou na liderança do Grupo 8. Nesta quarta-feira, o time alvinegro mostrou total superioridade e venceu o Gimnasia y Esgrima (ARG) por 3 a 0, na Vila Belmiro, com direito a um belo gol do meia Zé Roberto, aos 25min do segundo tempo.

PRINCIPAIS LANCES
Folha
Marcos Aurélio comemora ao abrir o placar
Folha
Zé Roberto sela vitória com gol de placa
PRIMEIRO TEMPO
6min - GOOOOOLLL DO SANTOS!!!!! Kléber dá belo passe em velocidade para Marcos Aurélio. Da entrada da área, o atacante toca para o gol, e a bola ainda desvia em Basualdo antes de entrar.
20min - Após cobrança de falta da direita, Gentiletti desvia de cabeça dentro da área, mas Fábio Costa espalma para frente e afasta a jogada.
40min - Kléber avança pela esquerda, invade a área e cai pedindo pênalti, após tentar chapéu sobre o zagueiro. O árbitro, no entanto, não marca nada.
SEGUNDO TEMPO
7min - GOOOOLL DO SANTOS!!!! Zé Roberto avança pela esquerda, ganha jogada do zagueiro e rola para o meio. Cléber Santana arrisca de primeira de dentro da área e manda no canto direito para fazer o segundo.
25min - GOOOOOLLL DO SANTOS!!!! Zé Roberto avança em velocidade pela esquerda, invade a área e encobre o goleiro argentino, para marcar um lindo gol.
48min - Zé Roberto recebe passe dentro da área, corta para o lado direito e é derrubado pelo goleiro Kletnicki. Pênalti para o Santos. Rodrigo Tabata bate no canto direito, mas o camisa 12 do Gimnasia faz a defesa.
VEJA FOTOS DA RODADA
"Para passar pelas dificuldades, é preciso tentar sempre. Eu tentei o chute na hora do gol, mesmo sem ângulo, pois não tinha outra opção. Fazia tempo que arriscava essas jogadas nos treinamentos, e hoje [quarta] ela saiu. Fico feliz em receber o carinho dos torcedores", comemorou o meia, ovacionado pela torcida após balançar as redes.

Com o resultado desta noite, o Santos chegou aos nove pontos na tabela, assumindo a primeira posição com folga. Assim, tornou-se a única equipe brasileira a obter triunfos em todos os seus jogos na competição. O segundo colocado, Defensor Sporting (URU), tem seis pontos a menos, assim como Gimnasia y Esgrima, que possui um jogo a mais que o clube uruguaio.

Além de melhorar consideravelmente sua situação no torneio, o clube da Baixada conseguiu repetir uma marca que não era atingida desde 1965. Na ocasião, o time liderado por Pelé também venceu seus três primeiros confrontos na Libertadores, o que levou mais de quatro décadas para ser repetido pela equipe alvinegra.

Desde o início, o Santos demonstrou preocupação em superar a retranca do time argentino, que foi para a partida com uma equipe repleta de reservas graças ao confronto que terá contra o Boca Juniors, neste fim de semana, pelo Campeonato Argentino. E quando o jogo começou, os anfitriões obtiveram sucesso frente à marcação rival e abriram o placar logo aos 6min, com Marcos Aurélio.

Depois disso, o clube brasileiro diminuiu o ritmo, mas seguiu criando boas jogadas no ataque, sem conseguir ampliar na primeira metade da partida. "A equipe está jogando bem. Só falta um pouco mais de concentração no ataque para acertarmos o arremate final", comentou Zé Roberto, no intervalo.

Assim como na etapa inicial, o Santos aproveitou os primeiros minutos do segundo tempo para marcar. Aos 7min, Cléber Santana aumentou a vantagem para o time de Vanderlei Luxemburgo. Ainda assim, a equipe alvinegra seguiu armando bons lances ofensivos e ampliou com lindo gol de cobertura de Zé Roberto, decretando o resultado final. O meia ainda sofreu um pênalti nos acréscimos, desperdiçado por Rodrigo Tabata - o goleiro Kletnicki defendeu.

Agora, o Santos volta a campo pela Copa Libertadores no dia 22 de março, quando enfrenta novamente o Gimnasia y Esgrima, desta vez em La Plata, Argentina. Antes, o time alvinegro tem compromisso pelo Campeonato Paulista, contra o Ituano, neste domingo, em Itu.

SANTOS
Fábio Costa, Denis, Adaílton, Antônio Carlos e Kléber; Maldonado, Rodrigo Souto, Cléber Santana (Pedrinho) e Zé Roberto; Marcos Aurélio (Rodrigo Tabata) e Rodrigo Tiuí (Ávalos)
Técnico: Vanderlei Luxemburgo

GIMNASIA Y ESGRIMA
Carlos Kletnicki; Gustavo Semino, Jorge San Esteban, Santiago Gentiletti e Germán Basualdo; Alvaro Ormeño, Matías Escobar (Romero), Roberto Cornejo (Dubarbier) Antonio Pacheco; Sergio Leal (Silva) e Antonio Piergüidi
Técnico: Pedro Troglio

Local: estádio Vila Belmiro, em Santos (SP)
Árbitro: Ricardo Grance (PAR)
Assistentes: Atilio Invernizzi e Manuel Bernal (ambos do PAR)
Cartões amarelos: Semino (GE), Rodrigo Tiuí (S), San Esteban (GE), Antônio Carlos (S), Fábio Costa (S) e Adaílton (S)
Gols: Marcos Aurélio, aos 6min do primeiro tempo; Cléber Santana, aos 7min, e Zé Roberto, aos 25min do segundo tempo

Libertadores da América

Veja também


ÚLTIMAS NOTÍCIAS
03/09/2007
Mais Notícias