! Santos vence Gimnasia no sufoco e está classificado - 22/03/2007 - UOL Esporte - Futebol
UOL EsporteUOL Esporte
UOL BUSCA


  22/03/2007 - 20h57
Santos vence Gimnasia no sufoco e está classificado

Da Redação
Em São Paulo

O Santos teve dificuldades, mas cumpriu seu objetivo de maneira emocionante em La Plata, na Argentina. Nesta quinta-feira, o time alvinegro venceu o Gimnasia y Esgrima por 2 a 1, com um gol de Zé Roberto aos 45min do segundo tempo. Com isso, manteve os 100% de aproveitamento na Copa Libertadores e assegurou a classificação para a próxima fase de maneira antecipada.

PRINCIPAIS LANCES
Reuters
Marcos Aurélio comemora gol do Santos após falha de zagueiros do time argentino
PRIMEIRO TEMPO
2min - GOOOOOOLL DO SANTOS!!!!!! Rodrigo Tiuí realiza cruzamento da esquerda para a área. A bola passa pela defesa e sobra para Marcos Aurélio, que só tem o trabalho de completar para o fundo das redes.
26min - Piatti arrisca forte chute cruzado de dentro da área e obriga Fabio Costa a fazer grande defesa para evitar o gol.
35min - Rodrigo Tiuí recupera jogada na entrada da área, dribla o goleiro e cai pedindo pênalti, que o juiz marca. Cléber Santana cobra forte no canto esquerdo, mas acerta a trave de Kletnicki e desperdiça a cobrança.
39min - Dubardier avança pela esquerda e cruza para a área. Perguidi completa de cabeça, e Fabio Costa faz boa defesa no canto esquerdo.
SEGUNDO TEMPO
5min - Pacheco cobra falta da entrada da área direto para o gol e acerta a trave direita de Fabio Costa.
43min - GOOOOOLL DO GIMNASIA!!! Após cruzamento da direita, Leal cabeceia forte e empata o jogo depois de muita insistência.
45min - GOOOOOOLL DO SANTOS!!!!! Zé Roberto recebe lindo passe de calcanhar de Pedrinho e chuta forte dentro da área para marcar o segundo e decretar a vitória alvinegra.
VEJA MAIS IMAGENS DA PARTIDA
FÁBIO COSTA SE DESTACA
PEDRINHO CHEGA A 400 JOGOS
"Tive a infelicidade de perder um pênalti, mas estamos de parabéns porque nos classificamos. A equipe lutou e, mesmo sem fazer uma grande apresentação, ganhamos na raça, o que é muito importante. Esse tipo de vitória também é muito boa", comemorou o meia Cléber Santana após a partida.

O triunfo fora de casa deixou o Santos com 12 pontos, disparado no primeiro lugar do Grupo 8. O segundo colocado, Defensor Sporting (URU), tem a metade dos pontos. Já o Gimnasia y Esgrima permaneceu na terceira posição, com quatro pontos. Dessa maneira, o time brasileiro não tem mais como ficar fora das oitavas-de-final e precisa apenas de mais um empate para assegurar a ponta antecipadamente.

Além disso, o Santos sacramentou a condição de melhor equipe da competição intercontinental. O time venceu seus seis jogos no torneio (dois pela primeira fase e quatro pela fase de grupos) e levou apenas um gol. O Necaxa (MEX) também tem 100% de aproveitamento, mas tem um jogo a menos que o clube praiano.

Para o confronto desta noite, o técnico Vanderlei Luxemburgo não pôde contar com a presença do volante Maldonado, convocado pela seleção chilena. Sendo assim, optou pela entrada do zagueiro Leonardo e escalou o time no esquema 3-5-2.

Quando a partida começou, o Santos se aproveitou de falha da defesa rival e saiu na frente com Marcos Aurélio, logo aos 2min. Depois disso, conseguiu manter um bom ritmo no jogo até Cléber Santana desperdiçar cobrança de pênalti aos 35min. O lance renovou o ânimo dos anfitriões, que se lançaram ao ataque e só não chegaram ao empate graças às boas defesa do goleiro Fabio Costa.

No segundo tempo, o Gimnasia manteve forte pressão sobre a equipe da Baixada e conseguiu realizar boa troca de passes em volta da área do time visitante. O gol de empate só veio aos 43min, quando Leal marcou de cabeça. Mas Zé Roberto assegurou o triunfo brasileiro dois minutos depois.

O Santos volta a jogar pela Copa Libertadores no dia 5 de abril, quando enfrenta o Defensor Sporting, em Montevidéu (URU). Neste domingo, o time alvinegro se concentra no Campeonato Paulista e joga contra o Rio Claro, no Parque Antarctica.

GIMNASIA Y ESGRIMA
Carlos Kletnicki; Basualdo, Semino, Landa e Daniel Romero (Leal); Piatti, Reinaldo Alderete, Pacheco (Leguizamon) e Dubarbier; Piergüidi e Santiago Silva
Técnico: Pedro Troglio

SANTOS
Fábio Costa, Leonardo (Marcelo), Adaílton e Antônio Carlos; Denis (Pedro), Rodrigo Souto, Cléber Santana, Zé Roberto e Kléber; Marcos Aurélio (Pedrinho) e Rodrigo Tiuí
Técnico: Vanderlei Luxemburgo

Local: estádio Ciudad de La Plata, em La Plata (ARG)
Árbitro: Roberto Silvera (URU)
Assistentes: Olivier Viera e Edgardo Acosta (ambos do URU)
Cartões amarelos: Rodrigo Tiuí (S), Romero (GE), Alderete (GE), Rodrigo Souto (S), Pedro (S), Fabio Costa (S), Leguizamon (GE)
Gols: Marcos Aurélio, aos 2min do primeiro tempo; Leal, aos 43min, Zé Roberto, aos 45min do segundo tempo



ÚLTIMAS NOTÍCIAS
03/09/2007
Mais Notícias