! Visita indigesta, São Paulo vence Botafogo e dispara na tabela - 08/08/2007 - UOL Esporte - Futebol
UOL Esporte UOL Esporte
UOL BUSCA

08/08/2007 - 23h51

Visita indigesta, São Paulo vence Botafogo e dispara na tabela

Da Redação
Em São Paulo
O melhor rendimento como visitante fez o São Paulo consolidar a liderança do Campeonato Brasileiro, mesmo o Botafogo tendo uma partida a menos na competição. Depois de vencer o Grêmio em Porto Alegre no último fim de semana e assumir a ponta, a equipe paulista venceu o rival carioca por 2 a 0 nesta quarta-feira, no Rio.

PRINCIPAIS LANCES
Vipcomm/Divulgação
Alex Silva comemora o primeiro gol do São Paulo ante o Botafogo. Leandro fez o outro
Marcos D'Paula/Agência Estado
Leandro, do São Paulo, disputa a bola com o volante Leandro Guerreiro, do Botafogo
PRIMEIRO TEMPO
12min - Lúcio Flávio domina bola na entrada da área e arrisca chute de pé direito. Rogério Ceni faz a defesa sem dificuldades.
39min - Jorge Henrique realiza cruzamento da esquerda para a área. Rogério Ceni sai do gol e afasta a jogada de soco.
40min - Alex Silva cruza para a área e encontra Borges livre de marcação. Entretanto, o juiz paralisa o lance e anota impedimento do atacante.
SEGUNDO TEMPO
2min - Lúcio Flávio realiza cruzamento em cobrança de falta na entrada da área. Juninho cabeceia forte e obriga Rogério Ceni a fazer boa defesa no canto esquerdo.
18min - GOOOLLL DO SÃO PAULO!!! Jorge Wagner cobra escanteio da esquerda, e Alex Silva sobe mais alto que a marcação para cabecear no canto esquerdo de Marcos Leandro e abrir o placar.
25min - CARTÃO VERMELHO!!! Após cometer falta em Leandro na lateral direita, Túlio, do Botafogo, acerta o pé no rosto do rival e é expulso.
28min - GOOOLLL DO SÃO PAULO!!! Em jogada de contra-ataque, Leandro recebe passe na entrada da área, livre de marcação, e chuta cruzado, anotando o segundo gol.
42min - Juninho cobra falta rasteira da meia-direita. Rogério Ceni não consegue agarrar, e Richarlyson afasta pela linha de fundo.
MAIS FOTOS DA PARTIDA NO RIO
LEIA COMENTÁRIO DE JUCA KFOURI
VEJA OS GOLS DA PARTIDA
MAIS NOTÍCIAS DO BOTAFOGO
MAIS NOTÍCIAS DO SÃO PAULO
Com esse resultado, os comandados do técnico Muricy Ramalho chegaram aos 37 pontos e abriram cinco de vantagem para o vice-líder Botafogo, que voltou a tropeçar no estádio do Maracanã depois de 25 jogos sem perder - se não tivesse perdido, o time de Cuca igualaria recorde do Flamengo em 1979.

Além de superar o bom aproveitamento do Botafogo no estádio do Maracanã, o São Paulo aumentou a sua soberania como visitante. Agora são nove jogos como tal, com seis vitórias, dois empates e apenas uma derrota: 74% dos pontos disputados.

Segundo melhor ataque do Campeonato Brasileiro, o Botafogo atacou mais do que o São Paulo, melhor defesa, no primeiro tempo. Tanto que ao final da etapa o time carioca havia finalizado nove vezes a gol (a maioria de fora da área) contra apenas três da equipe paulista, que praticamente não viu Dagoberto e Borges em ação.

Embora tenha chegado mais ao campo de ataque do que o adversário, o Botafogo teve dificuldades para entrar na área tricolor. Com Dodô sofrendo forte marcação de Miranda e André Lima apagado, a solução foram os chutes de longa distância. Joílson, Lúcio Flávio e o próprio Dodô arriscaram mais.

O São Paulo, por sua vez, pouco atacou. E ainda perdeu o lateral-direito Reasco no primeiro tempo. Aos 28min, ele sofreu falta dura do botafoguense Luciano Almeida. Hernanes entrou no seu lugar. Segundo o departamento médico do clube do Morumbi, o equatoriano fraturou a tíbia da perna esquerda e provavelmente voltará a jogar no próximo ano.

No segundo tempo, o São Paulo recuou e sofreu pressão do Botafogo no começo da etapa, mas fez a diferença na bola parada e abriu o placar aos 18min. Após cobrança de escanteio de Jorge Wagner, o zagueiro Alex Silva marcou de cabeça.

Aos 25min, os paulistas ficaram com a vantagem também no número de jogadores em campo. Após falta em Leandro na lateral direita, o volante Túlio acertou um chute na cara do são-paulino e levou o cartão vermelho.

Três minutos depois, o próprio Leandro aumentou a vantagem tricolor no placar. O Botafogo perdeu a bola no meio, e o camisa 9 apareceu na entrada da grande área para chutar cruzado e marcar. Os jogadores do time carioca reclamaram muito com o árbitro Carlos Eugênio Simon de uma falta em Juninho na hora do desarme do são-paulino Júnior.

Na próxima rodada do Campeonato Brasileiro, o Botafogo encara o Figueirense, domingo, às 16h, no estádio Orlando Scarpelli, em Florianópolis. O São Paulo, por sua vez, recebe a visita do Atlético-PR, no estádio do Morumbi, sábado, às 18h10.

BOTAFOGO 0 X 2 SÃO PAULO

BOTAFOGO
Marcos Leandro; Juninho, Renato Silva e Luciano Almeida (Adriano Felício); Joílson, Túlio, Leandro Guerreiro, Lúcio Flávio (Ricardinho) e Jorge Henrique (Alessandro); André Lima e Dodô
Técnico: Cuca

SÃO PAULO
Rogério Ceni; Alex Silva, Breno e Miranda; Reasco (Hernanes), Josué, Richarlyson, Leandro (Diego Tardelli) e Jorge Wagner; Dagoberto (Júnior) e Borges
Técnico: Muricy Ramalho

Local: estádio do Maracanã, no Rio de Janeiro (RJ)
Árbitro: Carlos Eugênio Simon (Fifa-RS)
Auxiliares: José Javel Silveira e Marcelo Bertanha Barison (ambos do RS)
Público: 47.925
Cartões amarelos: Jorge Wagner (SP), Luciano Almeida (B), Lúcio Flávio (B), Juninho (B), Leandro Guerreiro (B)
Cartão vermelho: Túlio (B)
Gols: Alex Silva, aos 18min, Leandro, aos 28min do segundo tempo

Hospedagem: UOL Host