! No 'fundo do poço', Paysandu aposta em volta às origens para renascer - 17/08/2007 - Pelé.Net - Revista
UOL Esporte UOL Esporte
UOL BUSCA

17/08/2007 - 09h01

No 'fundo do poço', Paysandu aposta em volta às origens para renascer

Arnaldo Gonçalves, especial para o Pelé.Net

SÃO PAULO - O atual momento do Paysandu não lembra nem um pouco o time que há apenas quatro anos surpreendeu e atingiu seu ápice ao bater o Boca Juniors-ARG na temida Bombonera, pelas oitavas-de-final da Copa Libertadores da América. Eliminado na primeira fase do Campeonato Brasileiro da Série C com uma campanha pífia, a diretoria do clube bicolor aposta em uma volta às origens para manter o time ativo no segundo semestre deste ano e ainda dar início a um renascimento.

Como o Paysandu deixou precocemente a terceira divisão do Nacional, e não tem nenhuma competição oficial a disputar até o fim do ano, o presidente Miguel Pinho decidiu criar uma equipe B, o Time Negra Carajás Clube [em parceria, o Carajás cede a estrutura para treinamentos], para jogar amistosos e a divisão de acesso do Campeonato Paraense. A competição estadual tem início previsto para novembro, e poder preparar jovens atletas para reforçarem o clube de Belém em 2008.

ANTIGOS ÍDOLOS
AFP
AFP
Autor de gol contra o Boca, Iarley, hoje no Inter, representa melhor fase do Paysandu
Reuters
Reuters
Já Robgol, mesmo ídolo e artilheiro da equipe, participou da derrocada do clube
O mais curioso do projeto, inovador no Pará, é o nome adotado para esse time alternativo. Time Negra era o apelido do Norte Club, que após divergências com a diretoria da Liga Paraense de Futebol, deu origem ao Paysandu no início de 1914.

"Como o Paysandu saiu da Série C, nós fizemos uma fusão entre o clube e o Carajás. É uma parceria para nós rodarmos nossos jogadores da base e os testarmos para o Paraense e a terceira divisão de 2008. Foi um trabalho planejado pela diretoria e já começamos com essa garotada que estamos procurando pelo estado e alguns jogadores que ficaram. Quem se destacar, vai atuar pelo Paysandu no ano que vem", declarou ao Pelé.Net Carlos Alberto Mancha, coordenador das categorias de base do clube da Curuzu e um dos responsáveis pela parceria.

Mancha indica ainda que boa parte do elenco do Time Negra deve ser aproveitado na equipe principal em 2008. "Só ficaram uns dez ou 12 jogadores que estiveram na Série C, e vão sair mais porque os maiores salários não irão ficar. É uma política de reestruturação que o clube necessita. Não adianta ficar com os jogadores que o Paysandu não pode pagar", disse.

O principal problema do projeto são os locais de treinamentos do time alternativo. Inicialmente, foi estabelecido que a equipe faria os trabalhos no campo do São Pedro-PA, mas devido às péssimas condições do local, com gramados esburacados, os jogadores foram transferidos para um clube da cidade de Ananindeua-PA. No início de setembro, o local de preparação passará a ser o Carajás, conforme combinado na parceria.

Neste ano, o time será dirigido por Samuel Cândido, campeão do último Paraense pelo arqui-rival Remo. Será contratado em novembro, entretanto, um novo técnico para a equipe principal. Em 2008, o Time Negra Carajás continuará suas atividades independentemente do Paysandu, embora não possa atuar na mesma divisão de seu parceiro.

Derrocada
O Paysandu conquistou a Copa dos Campeões de 2002 e assegurou o direito no ano seguinte de disputar a primeira Libertadores de sua história. Mesmo debutantdo na competição internacional, o clube bicolor não fez feio. Classificou-se às oitavas-de-final. Venceu o Boca em Buenos Aires por 1 a 0, com gol de Iarley, mas no Mangueirão perdeu por 4 a 2 e deixou o torneio.

Nos anos seguintes, o time não teve boas atuações no Campeonato Brasileiro, e em 2005 foi rebaixado à Série B. Logo no ano seguinte, o clube fez campanha ruim na segunda divisão nacional e somou um outro descenso.

Em 2007, o desempenho do Paysandu na Série C até surpreendeu negativamente. Na primeira fase, em um grupo com Imperatriz-MA, Araguaína-MA e Ananindeua-PA, o time perdeu cinco vezes, empatou uma e, sem nenhum triunfo, foi eliminado da disputa pelo acesso.

Hospedagem: UOL Host