! Kléber Pereira brilha, Santos vence Guarani e deixa zona de risco - 21/02/2008 - UOL Esporte - Futebol
UOL Esporte UOL Esporte
UOL BUSCA

21/02/2008 - 22h32

Kléber Pereira brilha, Santos vence Guarani e deixa zona de risco

Bruno Thadeu
Em Santos
Kléber Pereira havia atraído os holofotes na véspera de Santos x Guarani, quando perdera um dente após dividida com seu colega Domingos. O atacante novamente virou notícia nesta quinta-feira, desta vez por participar dos três gols do time na vitória sobre o adversário por 3 a 1, na Vila Belmiro, resultado que tirou o Santos da zona de risco.

ASSISTA AOS GOLS DA VITÓRIA SANTISTA
Para espantar boatos sobre uma eventual desavença com Domingos, Kléber Pereira tratou de destacar a amizade entre ambos. Em tom irônico, Pereira disse depois do jogo que Domingos não precisará pagar o dentista.

"O Domingos é um irmão que eu tenho no clube. Sempre o ajudo e o mesmo acontece com ele. Sobre o dentista, a conta é do Santos", disse o goleador da noite.

Com esta vitória, o Santos fica um posto acima da zona de rebaixamento e ameniza as críticas da torcida ao técnico Emerson Leão.

Precisando vencer para se livrar da incômoda posição na tabela, o time da Baixada entrou em campo com a formação 4-3-3. O Santos abriu o marcador, aos 16 min, com Kléber Pereira, que recebeu um bonito passe em profundidade de Denis. O atacante se jogou para colocar a bola no canto do goleiro Gisiel.

Estreante no Santos, Mariano "Leão" Tripodi fez jus à fama de batalhador, se movimentando bastante no ataque. Aos 40 min, o argentino cabeceou ao gol do Bugre, levando perigo.

LANCES DA PARTIDA
Ricardo Nogueira/Folha Imagem
Kléber Pereira marcou dois dos três gols do Santos contra o Guarani na Vila Belmiro
Ricardo Nogueira/Folha Imagem
Wesley (e) chora com Carleto ao marcar seu primeiro gol como profissional do Santos
Ricardo Nogueira/Folha Imagem
Apesar da vitória, a torcida organizada
do Santos não poupou o técnico Leão
TORCIDA PROTESTA CONTRA LEÃO
VEJA FOTOS DA PARTIDA
LEIA MAIS NOTÍCIAS DO SANTOS
PÁGINA DO CAMPEONATO PAULISTA
Nos acréscimos da etapa inicial, Pereira arrumou espaço na área para criar a jogada do segundo gol alvinegro. O atacante bateu cruzado na pequena área. Livre, Wesley não teve trabalho para anotar seu primeiro gol como profissional. Na comemoração, o jovem chorou.

Definitivamente recuperado de lesão no joelho, Denis novamente apareceu bem na linha de fundo. Desta vez, o ala cruzou para Tripodi, que perdeu gol inacreditável de cabeça, livre na pequena área, aos 3 min do segundo tempo.

Jogador mais lúcido do ataque do Guarani, Juliano quase diminuiu o marcador, aos 7 min, mas a bola bateu no travessão. Três minutos depois, a equipe campineira chegou ao primeiro gol. Paulo Santos acertou no canto direito de Fábio Costa cobrança de pênalti, cometida por Marcinho Guerreiro.

Muito mais presente no ataque em comparação a jogos anteriores, o Santos abusou dos erros de finalização. Assim como Tripodi, Adaílton também perdeu gol na pequena área, furando após passe do argentino, aos 17 min.

De tanto tentar, o Santos chegou ao terceiro gol novamente com Kleber Pereira, em uma jogada espetacular, driblando marcador e o goleiro, tocando sem ninguém para a meta bugrina.

SANTOS
Fábio Costa; Dênis, Adaílton, Betão e Carleto; Marcinho Guerreiro, Rodrigo Souto e Molina (Paulo Henrique); Tripodi (Tiago Luís), Wesley (Michael Jackson) e Kléber Pereira.
Técnico: Emerson Leão

GUARANI
Gisiel, Lucas (Henrique), Danilo Silva, Xandão e Roque (Jonatas); João Paulo, Roger Bernardo, Marcinho e Paulo Santos; Fábio Pinto (Andrezinho) e Luciano
Técnico: Jair Picerni

Local: estádio Vila Belmiro, em Santos
Árbitro: Rodrigo Guarizo Ferreira do Amaral
Assistentes: Mário Luiz Augusto e Alex Alexandrino
Cartões amarelos: Lucas (G), Roger Bernardo (G), Marcinho Guerreiro (S)
Gols: Kléber Pereira, aos 16 min e aos 28 do segundo tempo, Wesley, aos 46 min, Paulo Santos, 10 min da segunda etapa

Hospedagem: UOL Host