! São Paulo quebra invencibilidade do líder Flamengo no Maracanã - 14/06/2008 - UOL Esporte - Futebol
UOL Esporte UOL Esporte
UOL BUSCA

14/06/2008 - 18h05

São Paulo quebra invencibilidade do líder Flamengo no Maracanã

Do UOL Esporte
No Rio de Janeiro
Caiu o último invicto do Campeonato Brasileiro. Em jogo movimentado, o São Paulo venceu por 4 a 2 o Flamengo, na tarde deste sábado, no Maracanã, pela sexta rodada da competição. Borges (2), Aloísio e Éder Luís anotaram para o time paulista. Ibson assinalou os gols do Rubro-Negro.

ASSISTA AOS GOLS DA PARTIDA
VEJA AS IMAGENS DA PARTIDA
Apesar da derrota, o clube carioca segue na liderança da competição, com 13 pontos. O São Paulo, que obteve sua segunda vitória consecutiva, foi a nove e se aproximou da zona de classificação à Copa Libertadores.

O Tricolor volta a campo no sábado, quando encara o Sport, às 18h10, no Morumbi. O time da Gávea joga no dia seguinte contra o Ipatinga, às 16h, no Ipatingão, no Vale do Aço mineiro.

Empurrado pela boa presença da torcida, o Flamengo partiu para cima logo nos instantes iniciais. Contudo, errava muitos passes na intermediária e não conseguia criar nada de realmente perigoso. O São Paulo, com forte marcação no meio campo, esperava o momento certo para atacar.

E foi desta maneira que o Tricolor chegou ao gol. Aos 22 minutos, Jancarlos levantou na área, Hugo ajeitou caprichosamente e Borges, sem piedade, acertou boa cabeçada, estufando a rede rubro-negra. Aos 25, os donos da casa marcaram com Fábio Luciano, mas o zagueiro estava adiantado e a arbitragem assinalou impedimento corretamente.

Daí em diante, o jogo voltou ao ritmo anterior. O Rubro-Negro, um pouco nervoso, avançava de maneira desordenada. O São Paulo, experiente, cadenciava a partida e exercia forte marcação na zona central. Aos 40, Ronaldo Angelim quase igualou o marcador, mas Rogério Ceni, em ação espetacular, evitou o gol. Quatro minutos depois, Diego Terdelli chutou cruzado e assustou o goleiro são-paulino. Mas ficou por isso mesmo.

PRINCIPAIS LANCES DO JOGO
Rafael Andrade/Folha Imagem
Hugo e Borges comemoram gol do São Paulo sobre o Flamengo
PRIMEIRO TEMPO
12min - Souza aciona Leonardo Moura, que emenda de primeira, por cima do gol de Rogério Ceni.
22min - GOOOOLLLL DO SÃO PAULO!!!! Jancarlos cruza, Hugo ajeita com capricho e Borges, de cabeça, fuzila para o fundo do gol de Bruno.
25min - Juan levanta na área e Fábio Luciano, impedido, marca, mas a arbitragem anula o gol.
40min - Ibson cruza, Ronaldo Angelim completa e Rogério Ceni salva em cima da linha.
SEGUNDO TEMPO
11min - GOOOOLLLL DO FLAMENGO!!!! Ibson cobra com perfeição pênalti cometido por Jancarlos em Diego Tardelli.
16min - GOOOOLLLL DO SÃO PAULO!!!! Bruno e Fábio Luciano se atrapalham e Borges aproveita para marcar.
19min - GOOOOLLLL DO SÃO PAULO!!!! Richarlyson levanta na medida e Aloísio completa de cabeça para o fundo do gol.
24min - GOOOOLLLL DO FLAMENGO!!!! Ibson cobra pênalti sofrido por Obina e Rogério Ceni defende. Mas no rebote, o apoiador completa de cabeça para o fundo da rede.
47min - GOOOOLLLL DO SÃO PAULO!!!! Rogério Ceni acerta belo lançamento para Éder Luis, que corta o zagueiro e bate no canto direito de Bruno.
PÁGINA DO FLAMENGO
PÁGINA DO SÃO PAULO
TABELA DO BRASILEIRO 2008
"Temos de caprichar mais. Estamos chegando lá perto e pecando no passe. Precisamos de tranqüilidade. Temos que continuar pressionando que o gol vai sair", avaliou o meia rubro-negro Marcinho.

Autor de único gol na partida até aquele momento, Borges saiu de campo satisfeito. "É natural isso, que a gente jogue no contra-ataque e eles partam para cima. No Maracanã, tem de jogar assim mesmo. O importante que a gente conseguiu fazer um gol", frisou o atacante.

Na volta do intervalo, Toró, com uma lesão na coxa esquerda, deu lugar a Jônatas. O Flamengo, com mais qualidade no toque de bola, iniciou dominando as ações. E a pressão surtiu efeito aos 10 minutos, quando Diego Tardelli recebeu e foi derrubado por Jancarlos, dentro da área. Pênalti. Na cobrança, Ibson deslocou Rogério Ceni e deixou tudo igual.

A festa dos donos da casa, porém, não durou muito. Aos 16, Fábio Luciano e Bruno se atrapalharam. Borges, esperto, aproveitou a bobeira e recolocou o São Paulo na frente. Festa tricolor. No rosto dos rubro-negros, decepção estampada.

E tinha mais. Três minutos depois, Richarlyson levantou e Aloísio subiu para ampliar a vantagem. O abatimento dos flamenguistas se multiplicou. Irritado, Caio Júnior sacou o inoperante Souza e promoveu a entrada de Obina. E a estrela do Xodó voltou a brilhar.

Em seu primeiro lance, o atacante dividiu com Alex Silva e foi derrubado. Pênalti. Na cobrança de Ibson, Rogério Ceni fez boa defesa, mas deu rebote, que o meia aproveita para diminuir: 3 a 2. Aos 30, Obina marcou, mas estava impedido. A comemoração da torcida nas arquibancadas foi em vão.

Com o placar apertado, o Flamengo partiu para o tudo ou nada. Obina e Maxi criaram algumas boas chances, mas o São Paulo soube suportar. Para fechar com chave de ouro, Éder Luis recebeu lançamento de Rogério Ceni e anotou o quarto. Após a traumática eliminação para o Fluminense na Libertadores, o Tricolor paulista provou que está de volta e, agora, entrou definitivamente na briga.

FLAMENGO
Bruno; Leonardo Moura, Fábio Luciano, Ronaldo Angelim e Juan; Toró (Jônatas), Cristian, Ibson e Marcinho; Diego Tardelli (Maxi Biancucchi) e Souza (Obina).
Técnico: Caio Júnior

SÃO PAULO
Rogério Ceni; Alex Silva, André Dias e Miranda; Jancarlos (Richarlyson), Zé Luis, Joilson, Hugo e Jorge Wagner; Borges (Éder Luis) e Aloísio.
Técnico: Muricy Ramalho

Data: 14/06/2008 (sábado)
Local: Maracanã, Rio de Janeiro (RJ)
Árbitro: Leonardo Gaciba da Silva (RS/FIFA)
Auxiliares: Altemir Hausmann (RS/FIFA) e Alessandro Álvaro Rocha de Matos (BA/FIFA)
Público 55.228 pagantes
Cartões amarelos: Jancarlos, Aloísio e Jorge Wagner (SÃO); Leonardo Moura (FLA)
Gols: Borges, aos 22 minutos do primeiro tempo; Ibson, aos 11 minutos, Borges, aos 16 minutos, Aloísio, aos 19 minutos e Ibson, aos 24 e Éder Luis, aos 47 minutos do segundo tempo.

Hospedagem: UOL Host