! Corinthians vacila, empata com a Ponte e já não é mais 100% - 21/06/2008 - UOL Esporte - Futebol
UOL Esporte UOL Esporte
UOL BUSCA

21/06/2008 - 18h05

Corinthians vacila, empata com a Ponte e já não é mais 100%

Do UOL Esporte
Em São Paulo
Durante a semana, o técnico Mano Menezes afirmou que a manutenção de 100% na Série B do Campeonato Brasileiro era uma "utopia". Ele tinha razão. Após seis vitórias consecutivas, o Corinthians conheceu seu primeiro tropeço. Vencia por 1 a 0 até aos 40min do segundo tempo, mas sua defesa falhou e a Ponte Preta conseguiu empatar por 1 a 1, em Campinas. Apesar disso, permanece com folga na liderança da segunda divisão nacional.

ASSISTA AOS GOLS DA PARTIDA
Com esse empate, o elenco de Parque São Jorge sobe para 19 pontos e fica com seis de vantagem sobre o segundo colocado, o Avaí. Terá a possibilidade de reencontrar o caminho das vitórias na próxima quarta-feira, contra o Bragantino, em Ribeirão Preto.

O tropeço ocorre num local que, segundo seus jogadores, representava um "perigo" real. Neste ano, a Ponte Preta havia perdido apenas três vezes em seu estádio, sendo um contra o próprio Corinthians. O excelente retrospecto como mandante foi fator determinante para se classificar para a decisão do Paulistão-08.

PRINCIPAIS LANCES DO JOGO
Mastrangelo Reino/Folha Imagem
Julio Cesar defende pênalti cobrado por Luís Ricardo no primeiro tempo
PRIMEIRO TEMPO
5min - GOOOLLL DO CORINTHIANS!!! Após cobrança de escanteio de Elias, o atacante Herrera sobe mais alto do que a defesa rival e abre o placar para o time de Parque São Jorge.
21min - Elias faz bela jogada pela direita e bate forte contra o gol de Aranha. Quase o segundo gol corintiano.
27min - Dentinho domina na direita e cruza rasteiro. Herrera divide com a zaga e não consegue completar para o fundo das redes.
35min - Carlos Alberto comete falta em César. O juiz dá pênalti. Julio Cesar defende cobrança feita por Luís Ricardo e evita o empate.
SEGUNDO TEMPO
3min - Eduardo Arroz tenta o cruzamento para a área, mas bola no travessão e assusta o goleiro Julio Cesar.
23min - Acosta recebe na entrada da área, corta para o meio e bate forte. Aranha, atento, evita o segundo.
32min - Numa tabela com Douglas, André Santos entra pela esquerda, ergue a cabeça e cruza para Lulinha. O jovem meia chega atrasado e não consegue definir.
40min - GOOOLLL DA PONTE PRETA!!! Depois de cruzamento de Vicente, Danilo Neco aproveita vacilo da defesa adversária e toca para o fundo do gol.
NOTÍCIAS DA PONTE PRETA
NOTÍCIAS DO CORINTHIANS
COMENTE O RESULTADO
CLASSIFICAÇÃO DA SÉRIE B
O resultado, aliás, poderia ser até pior para o time de Parque São Jorge. Não foi por causa do goleiro Júlio César, que mostrou muita mostrou competência em seu segundo jogo seguido em que substitui o até então titular Felipe, afastado por falta de empenho, segundo o treinador corintiano. Ele defendeu uma cobrança de pênalti batida por Luís Ricardo. Na ocasião, estava 1 a 0.

Felipe foi apenas um dos jogadores que não atuaram nessa rodada pelo time corintiano. Fabinho e William, suspensos, e o lateral-direito Alessandro, vetado pelo departamento médico, também não estiveram em campo.

Para a Ponte Preta, o resultado encerra uma seqüência de três derrotas seguidas, sobe para sete pontos e deixa a zona de rebaixamento da competição na estréia do técnico Paulo Bonamigo.

Voltará a jogar pela Série B, na terça-feira, contra o Santo André, novamente no estádio Moisés Lucarelli. O meia Renato e volante Deda, que estavam suspensos, devem voltar ao time titular.

O jogo

Mesmo sabendo da dificuldade de jogar em Campinas, o Corinthians precisou de pouco tempo para abrir o marcador. Logo aos 5min, após cobrança de escanteio de Elias, Herrera subiu mais alto do que a defesa rival e deixou o time de Parque São Jorge em vantagem no duelo.

O tento logo de cara deixou o jogo nervoso. Muita discussão e sete cartões amarelos foram distribuídos ao longo entre os jogadores, sendo cinco para os corintianos e dois para o time de Campinas. Assim, a qualidade caiu. Poucos lances perigosos foram criados.

Apesar disso, a Ponte Preta teve a oportunidade de igualar o placar. Aos 35min, Carlos Alberto derrubou César dentro da área. O juiz Phillippe Lombard anotou pênalti. Na cobrança feita por Luís Ricardo, o goleiro Julio Cesar segurou firme e evitou o empate.

O estreante Paulo Bonamigo decidiu mudar o esquema dos donos da casa para a segunda etapa. Colocou mais um atacante em campo. Danilo Neco entrou no lugar do meia Leandrinho. Mas pouco se viu. Seu único lance que levou perigo para o gol corintiano ocorreu no início. Eduardo Arroz tentou cruzar, mas a bola bateu na trave. E foi só.

Era visível a ausência do meia Renato, que estava suspenso. Não bastasse isso, o Corinthians criava boas oportunidades no contra-ataque. Aos 23min, por exemplo, Acosta bateu cruzado e exigiu uma difícil defesa de Aranha. Depois, aos 32min, André Santos tabelou com Douglas e cruzou para Lulinha. O jovem meia chegou atrasado e não conseguiu ampliar.

Não fez e ainda viu o empate da Ponte Preta. Aos 40min, Danilo Neco aproveitou vacilo da defesa corintiana e fez o gol que evitou mais uma derrota do time de Campinas.

PONTE PRETA
Aranha; Jean, César (Rafael Ueda) e João Paulo; Eduardo Arroz, Ricardo Conceição, Bilica, Leandrinho (Danilo Neco) e Vicente; Luís Ricardo (Wanderley) e Leandro.
Técnico: Paulo Bonamigo

CORINTHIANS
Julio Cesar; Carlos Alberto, Fábio Ferreira, Chicão e André Santos; Nilton, Elias, Eduardo Ramos (Carlão) e Douglas; Dentinho (Lulinha) e Herrera (Acosta).
Técnico: Mano Menezes

Data: 21/06/2008 (sábado)
Local: estádio Moisés Lucarelli, em Campinas (SP)
Árbitro: Phillippe Lombard (SP)
Auxiliares: Márcio Luiz Augusto (SP) e Anderson Moraes Coelho (SP)
Cartões amarelos: Fábio Ferreira, Douglas, Chicão, Eduardo Ramos, Herrera, André Santos, Carlão e Júlio César (Corinthians); Danilo Neco, Leandrinho e Leandro (Ponte Preta)
Gols: Herrera, aos 5min do primeiro tempo; Danilo Neco, aos 40min do segundo tempo.

Hospedagem: UOL Host