! Grêmio vence o Cruzeiro, de virada, e é campeão da Taça BH - 02/08/2008 - UOL Esporte - Futebol
UOL Esporte UOL Esporte
UOL BUSCA

02/08/2008 - 21h19

Grêmio vence o Cruzeiro, de virada, e é campeão da Taça BH

Do UOL Esporte
Em Belo Horizonte
Com um belo gol do habilidoso meia Douglas Costa, aos 38min do segundo tempo, em cobrança de falta, o Grêmio venceu o Cruzeiro, de virada, por 2 a 1, na noite deste sábado, no Estádio Independência, na capital mineira, e conquistou pela primeira vez o título da Taça Belo Horizonte de Futebol Júnior.

Os jogadores do Grêmio, que comemoraram muito o título, não esconderam a satisfação ainda maior por terem se vingado do Cruzeiro. "Demos o troco neles, que foram a Porto Alegre e ganharam o título do Campeonato Brasileiro da categoria. Agora, ganhamos a Taça BH na casa deles", afirmou o goleiro Fernando.

Na outra vez que havia chegado à final da Taça BH, em 1985, logo na edição inaugural do torneio, o Grêmio tinha sido derrotado pelo mesmo Cruzeiro na decisão. Já o clube celeste, que não conseguiu confirmar sua sexta conquista, tinha sido campeão em 1985, 1993, 1995, 2001 e 2004.

Para chegar à decisão do título, Cruzeiro e Grêmio superaram, respectivamente, a Madureira e América-MG, por vitórias de 3 a 1 e 3 a 2, em jogos válidos pelas semifinais da tradicional competição de juniores, realizados na noite da última quinta-feira.

O primeiro tempo da final foi muito truncado, disputado quase sempre no meio-campo e com poucas chances de gols para os dois lados. As duas equipes marcaram forte e os sistemas defensivos levaram vantagem. O Grêmio esteve ligeiramente superior, mas sem criar problemas para o goleiro celeste Douglas.

"Foi um jogo muito truncado. O Cruzeiro, que teve boa posse de bola, marcou bem da mesma forma que a gente", comentou Tiaguinho, um dos destaques gremistas. "O nosso time teve dificuldade para segurar a bola lá na frente", avaliou, por sua vez, o atacante Eliandro.

No segundo tempo, o jogo teve outra dinâmica. Desde o começo da etapa final, a partida foi mais aberta e o Cruzeiro esteve melhor. Logo aos 5min, Eliandro abriu o placar, marcando o seu primeiro gol na Taça BH e o 16º do time cruzeirense. A alegria celeste, no entanto, durou pouco, já que Paraíba empatou quatro minutos depois.

Durante a maior parte da etapa final, o Cruzeiro buscou o ataque, pressionando o Grêmio, que mais se defendeu, tentando esporádicos contra-ataques. Em um deles, Douglas Costa, 17 anos, sofreu falta, que ele mesmo cobrou, com categoria, para deixar o seu time campeão. O camisa 10 tricolor, com sete gols, é o artilheiro do torneio. Foi a segunda derrota consecutiva do Cruzeiro na final da Taça BH, já que, ano passado, havia perdido nos pênaltis para o Flamengo.

Hospedagem: UOL Host