UOL Esporte Futebol
 
24/01/2009 - 11h02

Morre Fernando Cornejo, ex-meia do Chile na Copa do Mundo de 1998

Das agências internacionais
Em Santiago (CHI)
Fernando Cornejo, ex-meio-campo da seleção chilena, que participou da Copa do Mundo da França de 1998 com seu país, faleceu na madrugada deste sábado por conta de um câncer gástrico, que o manteve um mês internado.

Cornejo, que completaria 40 anos no próximo dia 28, foi internado no Hospital Clínico da Universidad Católica em 17 de dezembro e no dia 26 do mesmo mês foi submetido a uma operação para remover um tumor cancerígeno no estômago. A cirurgia foi realizada com sucesso, e os médicos passaram a tratar o câncer com quimioterapia.

No entanto, o tratamento foi suspenso, pois o câncer foi diagnosticado de forma muito avançada, causando dias depois, a morte do ex-jogador chileno. Cornejo iniciou sua carreira no O'Higgins de seu país natal, em 1985. Ele atuou ainda no Cobreloa e no Universidad Católica.

Pela seleção do Chile jogou 36 partidas, marcando dois gols, o mais importante em um empate contra a Argentina por 1 a 1, em pleno Estádio Monumental de Buenos Aires, em 1996, pelas eliminatórias da Copa do Mundo de 1998.

No Mundial da França, dois anos depois, Cornejo estava entre os 22 convocados, e atuou alguns minutos nas partidas contra Camarões e Itália. Na ocasião, o Chile se classificou para a fase de oitavas-de-final, mas perdeu para o Brasil por 4 a 1.

Fernando Cornejo havia encerrado sua carreira no futebol no dia 3 de setembro de 2005, atuando pelo Cobreloa, clube onde se tornará um grande ídolo.

Compartilhe:

    Placar UOL no iPhone

    Hospedagem: UOL Host