UOL Esporte Futebol
 
14/03/2009 - 20h23

No sufoco, Ponte vence o Ituano e encerra sequência negativa

Do UOL Esporte
Em São Paulo
A Ponte Preta, enfim, reencontrou o caminho das vitórias. No segundo jogo sob o comando do técnico Marco Aurélio, a equipe de Campinas alcançou uma suada vitória sobre o Ituano por 2 a 1, no estádio Moisés Lucarelli, e colocou ponto final numa sequência de quatro rodadas sem vencer pelo Campeonato Paulista.

RESULTADOS DO SÁBADO
Palmeiras 3 x 0 Barueri
Bragantino 5 x 1 Guaratinguetá
Ponte Preta 2 x 1 Ituano
Botafogo 1 x 3 Noroeste
São Caetano 0 x 1 Portuguesa
PÁGINA DO PAULISTA
O resultado é um alívio para a Ponte Preta. Para se ter ideia, nesse período de "jejum", a equipe chegou a empatar contra o Mogi Mirim, em casa, e foi derrotado pelo Noroeste, equipes que convivem com o fantasma do rebaixamento. Com isso, sobe para 19 pontos, ainda distante da zona de classificação para a fase semifinal, e se desgarra do próprio Ituano, que estaciona em 16 pontos.

Esse equilíbrio, aliás, foi a tônica de boa parte da partida. No primeiro tempo, poucas oportunidades foram criadas. A Ponte Preta tinha até mais posse de bola, mas se mostrou afobado no momento da conclusão. Quando conseguiu criar algo produtivo, falhou. É o caso de Danilo Neco, que driblou o goleiro, mas bateu fraco.

No entanto, pouco tempo depois, o próprio Danilo Neco se redimiu do erro e abriu o marcador para os donos da casa. Aos 33min da etapa inicial, o atacante foi lançado e bateu forte. 1 a 0. "Não posso desperdiçar um gol como aquele. Ainda bem que consegui fazer o primeiro. Precisamos ter tranquilidade para aumentar o marcador", disse Danilo Neco ao Premiere FC.

Mas não foi o que aconteceu na etapa final. A Ponte não foi tão perigosa e, para piorar, ainda sofreu o gol de empate. Aos 22min, o árbitro viu Deda colocar mão na bola. Não pensou duas vezes e anotou pênalti. Alex Afonso cobrou e igualou o marcador. Após isso, a partida caiu de produção e caminhava para a igualdade.

No entanto, Valmir tentou cortar cruzamento de Leandrinho, aos 38min, e acabou marcando contra o gol da vitória da Ponte Preta. No final, Leandrinho ainda recebeu cartão vermelho. O time de Campinas volta a jogar no próximo sábado, diante do Barueri, novamente em casa. Um dia depois, o Ituano pega a Portuguesa, em Itu.

Compartilhe:

    Placar UOL no iPhone

    Hospedagem: UOL Host