UOL Esporte Futebol
 

Neymar marcou seu primeiro gol como profissional no Santos

15/03/2009 - 21h00

Em dia de festa, Neymar marca, Santos vence e volta ao G-4

Do UOL Esporte
Em São Paulo
NEYMAR ESTREIA NAS REDES
Estreia de Neymar como titular, retorno de Lúcio Flávio após oito jogos e reencontro de Giovanni com o ex-time. O jogo contra o lanterna Mogi Mirim, na noite deste domingo, no Pacaembu, foi cheio de atrativos para a torcida santista. E a maior promessa da Vila, do alto de seus 17 anos, ofuscou o ídolo, marcando seu primeiro gol como profissional na fácil vitória por 3 a 0, no Pacaembu.

O resultado recolocou o time de Vagner Mancini no G-4 do Campeonato Paulista: chegou à quarta colocação, com os mesmos 27 pontos da Portuguesa, levando a melhor no saldo de gols (7 a 5).

PRINCIPAIS LANCES DO JOGO
PRIMEIRO TEMPO
17min - Neymar corta o zagueiro e bate de esquerda nas mãos de Marcelo Cruz
33min - Neymar recebe na área e bate rasteiro, mas a bola desvia na zaga e sai
43min - Neymar dá linda enfiada para Paulo Henrique Lima, que bate em cima do goleiro Marcelo Cruz
SEGUNDO TEMPO
2min Lúcio Flávio tenta cruzar da esquerda e acerta o travessão
5min - Lúcio Flávio levanta na área e Roni cabeceia na trave direita
12min - GOOOOL DO SANTOS!!!! Mesmo caído, Paulo Henrique Lima desvia chute de Germano e marca
23min - GOOOOL DO SANTOS!!!! Luizinho cruza da direita e Roni cabeceia com estilo para ampliar
39min GOOOOL DO SANTOS!!!! Roni cruza da esquerda e Neymar mergulha para cabecear
MAIS NOTÍCIAS DO SANTOS
Sem Rodrigo Souto, Roberto Brum e Madson, todos suspensos, Mancini surpreendeu ao escalar Paulo Henrique Lima na armação e deslocar o lateral-direito Pará para a cabeça-de-área, ao lado de Germano.

Apesar da falta de experiência, Neymar e Paulo Henrique Lima não decepcionaram e protagonizaram as principais chances do primeiro tempo. Entrosada desde as categorias de base, a dupla compensou a inibição de Lúcio Flávio, que, sem ritmo, pouco participou do jogo. Irritada com o futebol discreto do meia, a torcida gritou por Molina antes mesmo do fim do primeiro tempo.

Mancini insistiu com o camisa 10 e acertou. Lúcio Flávio voltou acordado para a etapa final e ajudou a equipe a acertar duas bolas na trave em pouco mais de cinco minutos.

A pressão surtiu resultado: aos 12min, Paulo Henrique Lima redimiu-se de uma chance perdida frente a frente com o gol no primeiro tempo e desviou um chute de Germano para a rede.

Com toques rápidos e muita movimentação, o Santos envolvia facilmente a zaga do Mogi. E pelo segundo jogo consecutivo Roni mostrou que, apesar do 1,71m, sabe resolver pelo alto. Como no empate com o Paulista, ele recebeu cruzamento, desta vez de Luizinho, entre os zagueiros e cabeceou com estilo, ampliando.

ANÁLISE DE JUCA KFOURI
Juca
Neymar também faz história.... Faz?
BLOG DO JUCA KFOURI
Ficou fácil demais. Aos 27min, mudou o lado, mas a jogada foi a mesma: Roni levantou da esquerda e Neymar mergulhou de cabeça para marcar. Era o que faltava para tornar completa a festa no Pacaembu.

O próximo compromisso da equipe de Mancini no Paulista será o clássico contra o Corinthians, domingo, novamente no Pacaembu. Antes disso, há o confronto com o Rio Branco-AC, quarta-feira, na Vila Belmiro, pela primeira fase da Copa do Brasil. Vencedor do primeiro jogo por 2 a 1, o Santos pode até perder por 1 a 0 que se classifica.


SANTOS 3 X 0 MOGI MIRIM

Santos
Fábio Costa; Luizinho, Fabão, Fabiano Eller e Triguinho; Pará, Germano, Lúcio Flávio e Paulo Henrique Lima (Molina); Roni (André) e Neymar (Bolaños)
Técnico: Vagner Mancini

Mogi Mirim
Marcelo Cruz; Anderson, Neguette, Thiago Couto (William) e Júlio César; Luís Henrique, Luciano Sorriso, Joelson (Rick) e Giovanni; Marcelo Régis (André Luís) e João Sales
Técnico: Paulo Campos

Data: 15/03/2009 (domingo)
Local: estádio do Pacaembu, em São Paulo
Árbitro: Márcio Roberto Soares
Auxiliares: Jumar Nunes Santos e Fabio Aparecido Gomes Ribeiro
Cartões amarelos: Bolaños (Santos), Luís Henrique, Neguette, Giovanni (Mogi Mirim)
Gols: Paulo Henrique Lima, aos 12min; Roni, aos 23min; Neymar, aos 27min do segundo tempo

Compartilhe:

    Placar UOL no iPhone

    Hospedagem: UOL Host