Esporte

Treinador de futsal morre após ser atingido na cabeça em briga na Argentina

Reprodução/Clarin
Fernando Pereiras tinha um filho em quadra Imagem: Reprodução/Clarin

Do UOL, em São Paulo

01/04/2017 10h50

Fernando Pereiras, treinador do time infantil de futsal do Clube Union de Munro, na Argentina, morreu na última sexta-feira. Ele foi atingido na cabeça durante uma briga no jogo do seu time e não resistiu ao ferimento.

Depois de começar uma briga na quadra, Pereiras tentou evitar a confusão. No momento, ele foi atingido na cabeça. De acordo com a polícia, o agressor foi Sergio Adrián Baldauf, de 40 anos. Ele seria tio de um dos atletas do time rival da vítima.

Na sequência, o treinador foi levado para a clínica La Divina Providencia e ficou em coma por alguns dias até ter a morte confirmada.

Segundo informações da imprensa argentina, como o jornal Clarin, o filho do treinador jogava na equipe que ele treinava quando foi agredido.

Pereiras, de 37 anos, chegou ao clube aos sete anos quando ainda era jogador de futsal e tinha virado treinador depois de desistir de jogar.

ID: {{comments.info.id}}
URL: {{comments.info.url}}

Ocorreu um erro ao carregar os comentários.

Por favor, tente novamente mais tarde.

{{comments.total}} Comentário

{{comments.total}} Comentários

Seja o primeiro a comentar

{{subtitle}}

Essa discussão está encerrada

Não é possivel enviar novos comentários.

{{ user.alternativeText }}
Avaliar:
 

* Ao comentar você concorda com os termos de uso. Os comentários não representam a opinião do portal, a responsabilidade é do autor da mensagem. Leia os termos de uso

Escolha do editor

{{ user.alternativeText }}
Escolha do editor

Facebook Messenger

Receba as principais notícias do dia. É de graça!

Mais Esporte

Topo