UOL Esporte Ginástica
 
24/03/2010 - 17h38

Brasileiras conquistam o ouro por equipes nos Jogos Sul-Americanos

Do UOL Esporte
Em São Paulo
  • Leticia Costa se apresenta na disputa por equipes dos Jogos Sul-Americanos; o Brasil levou o ouro

    Leticia Costa se apresenta na disputa por equipes dos Jogos Sul-Americanos; o Brasil levou o ouro

A seleção brasileira feminina de ginástica artística seguiu o exemplo do time masculino e também ficou com o título por equipes dos Jogos Sul-Americanos de Medellín, na Colômbia. Bruna Leal, Priscila Cobello, Ana Claudia Silva, Ethiene Franco, Anna Caroline Cardoso e Letícia Costa somaram 209.300 pontos após a participação nos quatro aparelhos (solo, trave, salto e barras), e subiram no lugar mais alto do pódio, deixando a Colômbia (201.350) e a Venezuela (201) em segundo e terceiro, respectivamente.

As brasileiras também foram destaque do campeonato no individual geral. Bruna Leal, que foi a ginasta brasileira mais regular, ficou com a medalha de prata, atrás apenas da venezuelana Jéssica Lopez, e Priscila Cobello foi a terceira colocada. Uma das técnicas da seleção feminina, Iryna Ilyashenko comemorou o resultado conquistado pelo Brasil.

“Esperávamos por esse resultado, pois nos preparamos para isso, mas não tivemos uma competição fácil, nem tranquila. Competimos em um clima tenso, com a presença de um grande público e a torcida da Colômbia fazendo uma pressão muito grande sobre as nossas ginastas. Mas o importante é que elas conseguiram um grande desempenho e conseguimos o título”, disse a ucraniana.

Esse foi o primeiro campeonato da seleção brasileira em 2010. “Tivemos um período curto de treinamentos antes dos Jogos Sul-Americanos, mas, mesmo assim, nos preparamos muito. Por ter sido apenas a primeira competição, nos saímos muito bem, mas ainda temos bastante para crescer”, destacou Iryna Ilyashenko.

"Esse resultado é muito importante para o nosso grupo. Estamos carregando uma pressão de continuar com os resultados e mostramos que temos potencial. Por se tratar da primeira competição do ano, ainda podemos evoluir muito", avaliou Bruna Leal.

A jovem ginasta de 16 anos, considerada grande promessa da ginástica brasileira para os próximos anos, também se destacou nas finais por aparelhos, faturando a prata na trave e no solo e o bronze nas barras assimétricas. Já Letícia Costa ficou em segundo lugar na decisão de saltos.

Com estes resultados femininos, a ginástica brasileira encerra sua participação na Colômbia em primeiro lugar na modalidade, com 15 medalhas (cinco de ouro, seis de prata e quatro de bronze).

*Atualizada às 19h19

Compartilhe:

    Placar UOL no iPhone

    Hospedagem: UOL Host