Topo

Esporte


Clube afasta ex-treinador da seleção de ginástica após acusações de abuso

RicardoBufolin/CBG
Imagem: RicardoBufolin/CBG

Do UOL, em São Paulo

2018-04-30T11:55:39

30/04/2018 11h55

O clube Mesc, de São Bernardo do Campo (SP), disse através de nota oficial que decidiu afastar Fernando de Carvalho Lopes, ex-técnico da seleção brasileira de ginástica artística após denúncias de abuso sexual divulgadas em matéria jornalística do Fantástico, da Rede Globo, no último domingo (29)

"Considerando a gravidade das acusações que recaem sobre o colaborador Fernando de Carvalho Lopes, veiculadas pela mídia na data de ontem, o clube MESC, por meio de sua administração, resolveu reforçar as cautelas anteriormente adotadas e determinou o afastamento do colaborador em questão de todas suas atividades nas dependências do clube, até o final da apuração dos fatos pelas autoridades competentes. Reiteramos nosso compromisso com a segurança e bem-estar de nossos associados e visitantes", diz o comunicado. Fernando exercia funções administrativas no local. 

A primeira vítima a denunciar o caso tinha nove anos quando começou a treinar com Fernando no Mesc, clube da cidade de São Bernardo do Campo (SP). Aos 13 anos, em 2016, contou aos pais o que vinha acontecendo. A denúncia afastou da seleção brasileira o treinador.

Fernando de Carvalho Lopes foi técnico da seleção brasileira de ginástica artística até pouco antes da Olimpíada de 2016, quando acusações de abuso sexual por parte do treinador começaram a aparecer. 

Na matéria do Fantástico, 40 ex-atletas e ginastas relatam abusos do treinador quando ainda eram crianças. As vitimas contam as conversas do treinador e dizem terem sido tocadas em diversas ocasiões por Fernando.

Em defesa, o ex-treinador da seleção brasileira de ginástica afirmou que as pessoas que o acusam "terão de provar" que ele é culpado.  

Mais Esporte