UOL Esporte Ginástica
 
31/08/2009 - 15h58

'Fora de forma', Liukin desiste de disputar o Mundial de ginástica artística

Do UOL Esporte
Em São Paulo
Principal nome da ginástica artística nos Jogos Olímpicos de Pequim, a norte-americana Anastasia Liukin anunciou nesta segunda-feira que não participará das seletivas de seu país para o Mundial da modalidade em outubro, em Londres.

AP/Rob Carr
Escolhida como a ginasta mais completa do mundo nos Jogos de Pequim-2008, Nastia Likuin não disputará o Mundial de Londres
CAMPEÃ OLÍMPICA LANÇA CD POP
LIUKIN E SHAWN: CAMINHOS OPOSTOS
Em comunicado oficial divulgado pela Federação Norte-Americana de Ginástica, a campeã olímpica insinuou que não se sente fisicamente preparada para competir na Inglaterra.

"Eu venho pensando muito nisso desde o Campeonato Nacional [realizado no início do mês em Dallas]. Voltar a treinar e a competir era o meu maior objetivo neste verão [meio do ano, nos EUA], e eu trabalhei muito para equilibrar meus treinos e minhas obrigações. Este último ano foi maravilhoso e também muito atribulado", comentou Liukin. "Com o processo de seleção começando já na semana que vem, eu percebi que preciso de um tempo para chegar onde eu quero competitivamente".

Detentora de cinco medalhas em Pequim-2008, Liukin reiterou que sua grande meta é chegar bem aos Jogos de Londres, daqui a três anos. "As Olimpíadas de Londres, em 2012, ainda são um grande objetivo para mim. Eu ainda tenho muito a fazer neste esporte", declarou a ginasta, que conquistou um ouro (individual geral), três pratas (equipes, barras assimétricas e trave) e um bronze (solo) na China.

Apesar de desistir de participar do Mundial, Liukin avisou que pretende colaborar na preparação das demais atletas da equipe norte-americana. "Disputar um Mundial é uma experiência incrível, e eu vou apoiar minhas companheiras enquanto elas se prepararem para Londres".

O presidente da Federação Norte-Americana, Steve Penny, elogiou o comportamento da principal atleta do país. "Nós apoiamos totalmente a decisão de Nastia em não disputar o Mundial deste ano. Esse é mais um exemplo da integridade e do espírito esportivo que fazem parte dela", destacou o dirigente. "Nós esperamos que ela continue atuando em alto nível e estamos confiantes que ela tenha tomado uma decisão pelo bem dela e de todo o time".

SELETIVA DOS EUA TERÁ
15 ATLETAS. VEJA A LISTA:
Jana BiegerRebecca BrossMackenzie Caquatto
Kaitlyn ClarkOlivia CourtneyIvana Hong
Kytra HunterAlaina JohnsonMattie Larson
Chellsie MemmelSamantha PeszekSamantha Shapiro
Bridget SloanCassandra WhitcombKayla Williams
MAIS NOTÍCIAS DE GINÁSTICA
Nastia Liukin é, ao lado da já aposentada Shannon Miller, a maior recordista de medalhas dos Estados Unidos em Mundiais de ginástica artística. Até hoje, a atleta, com ascendência russa, soma nove insígnias.

Com o anúncio desta segunda-feira, os Estados Unidos não terão em Londres justamente os dois grandes nomes do país no último Mundial, disputado em Stuttgart, há dois anos. Além de Liukin, que conquistou três medalhas na Alemanha (ouro na trave, ouro por equipes e prata nas barras), o país também não contará com Shawn Johnson, que foi ao pódio outras três vezes (ouro no individual geral, no solo e por equipes). Johnson não compete desde Pequim-2008, e embora a ginasta não tenha anunciado aposentadoria, há quem acredite que ela não voltará mais aos tablados.

Sem Liukin e Johnson, a equipe norte-americana passará por duas baterias seletivas para definir o quarteto titular do Mundial de Londres. Na primeira sessão, as 15 ginastas já convocadas, entre elas as olímpicas Chellsie Memmel, Bridget Sloan e Samantha Peszek, passarão por treinamentos a partir do próximo dia 8. Ao menos oito atletas serão selecionadas deste grupo e serão submetidas a novos testes entre os dias 30 de setembro e 4 de outubro, quando o time será definido. As duas fases da seletiva serão realizadas no centro de treinamento do time norte-americano, no Texas.

Compartilhe:

    Placar UOL no iPhone

    Hospedagem: UOL Host