Topo

Esporte


Espanha conquista Mundial de handebol e dinamarqueses falam em "vergonha histórica"

Andreu Dalmau/EFE
Jogadores da seleção da Espanha comemoram título mundial após vitória sobre a Dinamarca Imagem: Andreu Dalmau/EFE

Do UOL, em São Paulo

2013-01-28T10:28:56

28/01/2013 10h28

A Dinamarca era a única equipe invicta no Mundial de handebol masculino e chegou à final contra a anfitriã Espanha como favorita a conquistar o sonhado primeiro título da competição. Mas os campeões europeus sofreram uma retumbante derrota por 35 a 19, que acabou sendo vista como uma humilhação.

A atitude em quadra da seleção dinamarquesa, dominada do início ao fim pelos “azarões” da Espanha, foi descrita pelo jornal Jyllands-Posten como uma “vergonha histórica”. O diário Sporten publicou que a derrota foi “a maior humilhação da história”.

Na semifinal do Europeu de 2012, a Dinamarca havia vencido a Espanha na caminhada rumo ao título, e por isso tinha grandes esperanças de finalmente conquistar o primeiro Mundial, depois de ficar com o vice em 1967 e também em 2011, quando perdeu para a França na prorrogação.

Mas a Espanha fez a festa da torcida em Barcelona e foi para o intervalo com uma vantagem de 18 a 10. Com o artilheiro dinamarquês Anders Eggert Jensen anulado pela defesa espanhola, os anfitriões comemoraram no banco junto com o público antes do encerramento quando a vantagem era de 17 gols nos momentos finais.

Foi o segundo título da Espanha no Mundial de handebol masculino. Os espanhóis já tinham sido campeões em 2005. “O time inteiro estava com a mentalidade de apenas curtir o jogo e não poderia ter dado mais certo. Todos jogaram bem, e ficamos convencidos de que poderíamos vencer”, declarou Victor Tomas, um dos destaques da decisão. 

Mais Esporte