Esporte

MP cobra devolução de R$ 10 mi gastos por governo em evento de hipismo

Vinicius Konchinski/UOL
Público acompanha competição de camarote na hípica; ingressos a R$ 370 por pessoa em 2012 Imagem: Vinicius Konchinski/UOL

Do UOL, no Rio de Janeiro

23/07/2013 19h47

O MP-RJ (Ministério Público do Rio de Janeiro) entrou na Justiça para recuperar cerca de R$ 10 milhões gastos pela Prefeitura do Rio e o governo do Estado com a organização do Oi Athina Onassis Horse Show. O torneio de hipismo realizado num clube da alta sociedade carioca foi organizado com a ajuda de dinheiro público ao menos em 2009, 2010 e 2011.

De acordo com promotores, o investimento de governos no torneio não se justifica. O Athina Onassis Horse Show é um evento fechado, que ganha dinheiro com venda de ingressos, comercialização de bebidas, alimentos e outros produtos. Além disso, é apoiado por empresas que expõem suas marcas na competição e nas transmissões de televisão.

Apesar disso, só a Prefeitura do Rio investiu R$ 2 milhões no Athina Onassis em 2009 e mais R$ 2 milhões em 2010. O dinheiro foi repassado por meio do Instituto Superar, que foi contratado para ajudar na organização do torneio.

O Superar também foi contratado pelo governo do Estado em 2009, 2010 e 2011. Em cada ano, também recebeu cerca de R$ 2 milhões vindos dos cofres fluminenses.

Para receber toda essas verbas de volta, o MP-RJ abriu duas ações judiciais: uma contra a Prefeitura e a Riotur (Empresa de Turismo do Município do Rio de Janeiro) e outra contra o governo do Estado e a SEEL (Secretaria Estadual de Esporte e Lazer).

Procurada, a Prefeitura informou que ainda não foi notificada sobre a ação. Já a SEEL não respondeu à reportagem.

No ano passado, a secretaria voltou a apoiar o Athina Onassis. O órgão concedeu R$ 10 milhões em crédito tributários ao evento. Por esse sistema, empresas que financiaram a organização do torneio de hipismo, deixaram de arrecadar impostos por autorização do próprio governo.

Na edição de 2012, o ingresso mais barato para um dia do Athina Onassis custou R$ 180 (R$ 90 a meia-entrada). O mais caro saiu por R$ 2.750. Dava acesso aos três dias de competição e a um camarote exclusivo, com serviço de buffet incluído.

Na época, a SEEL informou que o apoio se devia à importância do Athina Onassis. “O Athina Onassis é o principal torneio de hipismo da América Latina, com a presença de atletas de prestígio internacional. informou em nota. “O hipismo é um esporte olímpico que já trouxe três medalhas para o Brasil.”

MAIS R$ 10 MILHÕES EM CRÉDITOS TRIBUTÁRIOS EM 2012

  • Vinicius Konchinski/UOL

    No ano passado, o Athina Onassis Horse Show recebeu R$ 10 milhões em créditos tributários do governo do Rio de Janeiro por meio da Lei de Incentivo ao Esporte

ID: {{comments.info.id}}
URL: {{comments.info.url}}

Ocorreu um erro ao carregar os comentários.

Por favor, tente novamente mais tarde.

{{comments.total}} Comentário

{{comments.total}} Comentários

Seja o primeiro a comentar

{{subtitle}}

Essa discussão está encerrada

Não é possivel enviar novos comentários.

{{ user.alternativeText }}
Avaliar:
 

* Ao comentar você concorda com os termos de uso. Os comentários não representam a opinião do portal, a responsabilidade é do autor da mensagem. Leia os termos de uso

Escolha do editor

{{ user.alternativeText }}
Escolha do editor

Facebook Messenger

Receba as principais notícias do dia. É de graça!

Mais Esporte

Topo