Topo

MMA

"Cyborg" se oferece para ensinar artes marciais para "rapper encrenqueira"

Lucas Lima/UOL/Folhapress
Imagem: Lucas Lima/UOL/Folhapress

Ag. Fight

23/10/2018 06h00

Ciente de que um dos fundamentos das artes marciais é a disciplina, a campeã peso-pena (66 kg) feminino do UFC Cris 'Cyborg' convidou a 'rapper encrenqueira' Danielle Bregoli - mais conhecida como 'Bhad Bhabie' - para treinar MMA em sua academia. Aos 15 anos, a jovem já possui diversas músicas entre as mais tocadas mundialmente, no entanto ela também adquiriu fama por um comportamento rebelde, o que, de acordo com a lutadora brasileira, talvez possa ser resolvido com o treino e a prática do MMA.

Em entrevista ao site 'TMZ Sports', 'Cyborg', que recentemente participou de um dos clipes da jovem cantora, destacou que o MMA a ajudou a adquirir disciplina e respeito quando era mais nova. Deste modo, a lutadora brasileira possui a intenção de repassar os seus ensinamentos a 'Bhad Barbie', que, de acordo com Cris, já declarou ser fã de lutas, mas sem as regras das artes marciais mistas.

"Eu a convidei para ir na minha academia. Gostaria de treiná-la, demonstrar um pouco da disciplina das artes marciais mistas e mostrar meu trabalho para ela. Acho que é uma ótima oportunidade. Ela diz que gosta muito de brigas de rua. No primeiro dia em que a conheci, ela disse: 'Eu não gosto de luvas, gosto de brigas de rua'. Então, vou mostrar um pouco sobre artes marciais mistas para ela", ressaltou.

"Quando comecei a treinar, aprendi muito sobre respeito. Acho que você aprende muitas coisas e essa garotada deveria aprender artes marciais mistas para a disciplina. Se ela gosta de brigas de rua, talvez ela goste de lutar em um cage. Você pode fazer uma luta incrível e ainda ser pago", completou a campeã do Ultimate.

Aos 33 anos, 'Cyborg' tem o seu próximo compromisso no UFC marcado para o dia 29 de dezembro, quando colocará o seu título à prova contra Amanda Nunes. A paranaense possui apenas uma derrota na carreira profissional no MMA, que aconteceu em sua estreia, em 2005. Desde então, ela já acumulou uma sequência de 20 vitórias e uma luta sem resultado.