Topo

MMA


Lutador do UFC tem morte cerebral decretada após parada cardíaca

Do UOL, em São Paulo

2013-11-28T19:22:33

28/11/2013 19h22

O lutador peso-pesado Shane del Rosario morreu nesta quinta-feira após ter uma parada cardíaca na última terça-feira. A notícia do falecimento do atleta foi confimada por Colin Oyama, seu técnico.

Em seu Facebook, Oyama agradeceu aos fãs pelas mensagens de apoio enquanto o lutador esteve internado.

“A família Del Rosario e eu, e todos seus familiares, colegas e amigos agradecemos a todos pelas orações de apoio. Deus tem um caminho diferente para Shane e optou por tirá-lo de nós para colocá-lo com seus antepassados no céu. Por tudo isso, nossa fé em Deus permanece inabalável”, escreveu.

Dana White, presidente do UFC, usou seu perfil no Twitter para lamentar a morte do atleta e postou uma foto do lutador em ação.

De acordo com o site americano da ESPN, os médicos do Hoag Memorial Hospital Presbyterian, em Newport Beach, na Califórnia, tentaram baixar a temperatura do corpo do atleta até 21 graus para reiniciar as funções do corpo e do cérebro, mas a tentativa foi em vão.

O lutador chegou ao hospital na última terça-feira após sofrer um colapso cardiovascular e foi ressuscitado na sala de emergência.

Ian McCall, também lutador, foi responsável por chamar a ambulância, de acordo com o site Sherdog.com. Ele encontrou o colega de quarto caído. 

Aos 30 anos, Shane Del Rosário tinha uma luta programada para o último UFC do ano, no dia 28 de dezembro. Seu adversário seria o brasileiro Guto Inocente, mas o combate foi cancelado devido à lesão de ambos.

A última vez que Shane esteve em um combate do UFC aconteceu na final do TUF 16 em dezembro de 2012. Na ocasião, o atleta foi derrotado por Pat Barry.

Em seu cartel no MMA, o competidor contou com 11 vitórias e apenas duas derrotas, justamente suas últimas lutas da carreira, ambas pelo UFC.