MMA

Americano acusa Ronda de ser homem e pede ordem de restrição contra ela

PAUL CROCK / AFP
Imagem: PAUL CROCK / AFP

Do UOL, em São Paulo

08/01/2016 18h14

Um processo no mínimo curioso foi formalizado no estado da Flórida, nos Estados Unidos, e cita a ex-campeã dos galos-feminino do UFC, Ronda Rousey. A ação foi feita por um homem de nome G.B White, que pediu uma ordem de restrição da lutadora, com a alegação de que ela poderia representar perigo para sua integridade física.

Entre os argumentos utilizados, White diz que Ronda Rousey é na verdade um homem e que usa esteroides. Ele, inclusive, diz ter provas disso. O documento foi obtido pelo site especializado em MMA “Bloody Elbow”.

O outro argumento utilizado por White para dizer que sua vida corre perigo é a alegação de que ele teria um vídeo em que Ronda Rousey apareceria tendo relações sexuais com o ex-campeão dos meio-pesados do UFC Jon Jones.

Reprodução/Bloody Elbow
Processo na Flórida que cita o nome de Ronda Rousey Imagem: Reprodução/Bloody Elbow

A data da carta é de 31 de dezembro de 2015, mas ela foi anexada ao processo apenas no dia 4 de janeiro.

Ronda Rousey lutou pela última vez em 14 de novembro, no UFC 193. Na ocasião, ela foi nocauteada por Holly Holm e perdeu o cinturão dos galos-feminino da organização.

ID: {{comments.info.id}}
URL: {{comments.info.url}}

Ocorreu um erro ao carregar os comentários.

Por favor, tente novamente mais tarde.

{{comments.total}} Comentário

{{comments.total}} Comentários

Seja o primeiro a comentar

{{subtitle}}

Essa discussão está encerrada

Não é possivel enviar novos comentários.

{{ user.alternativeText }}
Avaliar:
 

* Ao comentar você concorda com os termos de uso. Os comentários não representam a opinião do portal, a responsabilidade é do autor da mensagem. Leia os termos de uso

Escolha do editor

{{ user.alternativeText }}
Escolha do editor

Redação
Ag. Fight
UOL Esporte - MMA
Na Grade do MMA
Blog do Ohata
Redação
Redação
Redação
Redação
Redação
Ag. Fight
Ag. Fight
UOL Esporte - Imagens
Ag. Fight
Ag. Fight
Ag. Fight
Ag. Fight
Ag. Fight
Ag. Fight
Redação
Blog do Ohata
Ag. Fight
Ag. Fight
Ag. Fight
Redação
Ag. Fight
Ag. Fight
Ag. Fight
Ag. Fight
Ag. Fight
Ag. Fight
Ag. Fight
Ag. Fight
Ag. Fight
Blog do Ohata
Redação
Redação
Ag. Fight
Ag. Fight
Ag. Fight
Ag. Fight
Ag. Fight
Ag. Fight
Ag. Fight
Ag. Fight
Ag. Fight
Ag. Fight
Ag. Fight
Ag. Fight
Ag. Fight
Ag. Fight
Topo