MMA

McGregor desafia Mayweather e diminui Rafael dos Anjos: "Trabalho fácil"

Do UOL, em São Paulo

08/01/2016 23h14

Conor McGregor perdeu a paciência depois que o multicampeão de boxe Floyd Mayweather afirmou que o motivo de o estilo do irlandês fazer sucesso era a prova da existência de racismo no esporte, já que o boxeador era condenado quando adotava a mesma postura. Nas redes sociais, o campeão do UFC rebateu a acusação e aproveitou para provocar Rafael dos Anjos, seu futuro adversário.

“Floyd Mayweather, nunca mais relacione meu sucesso à raça novamente. Sou irlandês. Meu povo tem sido oprimido desde sua existência. Entendo o sentimento do preconceito. É um sentimento profundo no meu sangue”, escreveu McGregor, em um longo texto no Facebook, em que falou de diversos assuntos.

Em entrevista ao site “Fight Hype”, Mayweather afirmou que o sucesso de Ronda Rousey e Conor McGregor tinha a ver com o racismo. Sobre a ex-campeã do UFC, ressaltou que ela teve muito mais apoio e patrocínio do que Laila Ali, filha de Muhammad Ali e multicampeã de boxe. Já sobre o irlandês, comparou o estilo de ambos e a forma distinta como os dois são tratados.

“Isso é muito maluco, eu não conheço de fato o McGregor, nunca o vi lutando. Eu ouvi seu nome de um dos funcionários da minha empresa, um garoto muito dedicado que faz tudo que é necessário. Ele é um bom garoto, eu gosto dele, e ele pratica MMA. Ele que me falou sobre o McGregor. Ele me disse que o McGregor fala um monte de besteira e as pessoas o exaltam e o aplaudem, mas quando eu fiz isso, eles disseram que eu era convencido e arrogante. Tão discrepante. Como eu disse antes, eu não sou racista, mas o racismo ainda existe”.

Conor McGregor é o atual campeão dos penas do UFC, depois de nocautear José Aldo em apenas 13 segundos no UFC 194. Seu próximo adversário deve ser o brasileiro Rafael dos Anjos, campeão dos leves da organização.

Confira a resposta de McGregor a Mayweather:

Floyd Mayweather, nunca mais relacione meu sucesso à raça novamente. Sou irlandês. Meu povo tem sido oprimido desde sua existência. Entendo o sentimento do preconceito. É um sentimento profundo no meu sangue.

Na longa história da minha família na guerra, chegou um também que apenas ter o nome ‘McGregor’ era punido com a morte.

Não me coloque nesse campo novamente. Se você quiser, podemos organizar uma luta, sem problemas.

Vou te dar uma justa divisão 80/20 da bolsa a meu favor, tendo em vista como sua última luta foi bombardeada em diversas áreas.

Aos 27 anos, eu tenho a chave do jogo agora. O jogo responde a mim.

A provocação a Rafael dos Anjos:

Minha próxima luta.

O que posso dizer é que é apenas outra noite de trabalho fácil para mim. Eu não apenas sou dono do jogo, eu o executo também.

ID: {{comments.info.id}}
URL: {{comments.info.url}}

Ocorreu um erro ao carregar os comentários.

Por favor, tente novamente mais tarde.

{{comments.total}} Comentário

{{comments.total}} Comentários

Seja o primeiro a comentar

{{subtitle}}

Essa discussão está encerrada

Não é possivel enviar novos comentários.

{{ user.alternativeText }}
Avaliar:
 

* Ao comentar você concorda com os termos de uso. Os comentários não representam a opinião do portal, a responsabilidade é do autor da mensagem. Leia os termos de uso

Escolha do editor

{{ user.alternativeText }}
Escolha do editor

Ag. Fight
Ag. Fight
Ag. Fight
Ag. Fight
Ag. Fight
Ag. Fight
Ag. Fight
Ag. Fight
Blog do Ohata
Redação
Redação
Ag. Fight
Ag. Fight
Ag. Fight
Ag. Fight
Ag. Fight
Ag. Fight
Ag. Fight
Ag. Fight
Ag. Fight
Ag. Fight
Ag. Fight
Ag. Fight
Ag. Fight
Ag. Fight
Ag. Fight
Ag. Fight
Ag. Fight
Ag. Fight
Ag. Fight
Ag. Fight
Ag. Fight
Ag. Fight
Ag. Fight
Ag. Fight
Ag. Fight
Ag. Fight
Redação
Ag. Fight
Ag. Fight
Ag. Fight
Ag. Fight
Ag. Fight
Ag. Fight
Redação
Ag. Fight
Ag. Fight
Ag. Fight
Ag. Fight
Ag. Fight
Ag. Fight
Topo