Topo

MMA

Aldo exige revanche e diz que enfrenta McGregor até sem cinturão em jogo

Steve Marcus/AP
Aldo perdeu o cinturão dos pesos penas para McGregor no ano passado Imagem: Steve Marcus/AP

Do UOL, em São Paulo

27/01/2016 20h04

José Aldo deu nesta quarta-feira sua declaração mais contundente a respeito de uma possível revanche com Conor McGregor, que o derrotou no ano passado para ficar com o título dos pesos penas do UFC. O brasileiro cobrou a organização e exigiu enfrentar novamente o irlandês - mesmo que o cinturão não esteja em disputa.

"Fala, galera. Estava quieto até agora porque da maneira que a luta aconteceu eu já estava me preparando nos treinos pois tinha certeza que teria a revanche imediata. Porém acho que me enganei. Então queria deixar bem claro para o UFC que não aceito nenhuma luta que não seja pelo cinturão, por tudo que eu fiz nesses 8 anos, por tudo que eu aceitei e pela forma que a luta acabou. A única exceção seria uma luta a qualquer momento, em qualquer lugar, e já que ele está com medo de me devolver o cinturão, não precisa ser pelo cinturão, Conor McGregor", escreveu Aldo em seu Facebook.

"Espero que que vocês também cumpram a palavra de vocês, Dana White e Lorenzo Fertitta, pois ainda acredito na empresa em que trabalho", concluiu o lutador, citando o presidente do UFC e o dono da Zuffa, empresa que administra o Ultimate.

A revanche desejada por Aldo pode não acontecer tão cedo, já que McGregor vai subir de categoria para enfrentar o também brasileiro Rafael dos Anjos, pelo título dos pesos leves. O combate acontecerá no UFC 197, em 5 de março.

Facebook Messenger

Receba as principais notícias do dia. É de graça!