MMA

Jon Jones acusa de racismo policial que o multou por suposto racha

Reprodução/Internet
Jon Jones discute com o policial Jason Brown ao ser parado em 28 de março Imagem: Reprodução/Internet

Do UOL, em São Paulo

11/04/2016 18h06

O lutador Jon Jones usou as redes sociais para acusar o policial Jason Brown, que o parou no mês passado e o multou cinco vezes em Albuquerque, de ser racista. Em seu Instagram, o atleta publicou um vídeo de uma reportagem de TV que alega que Brown já foi denunciado antes por um suposto comportamento discriminatório.

"O oficial Brown está nas notícias em Albuquerque depois que repórteres descobriram quantas vezes ele já se envolveu em problemas por discriminação racial no passado", escreveu Jones. "Não estou surpreso sobre essa descoberta após a discussão que tive com ele".

 

Officer Brown all over the news in Albuquerque after reporters dig up how many times he has been in trouble for racial profiling in the past. Being a father of biracial children, I'm definitely not one to pull the race card. At the same time, I'm not necessarily surprised about this discovery after the run in I had with him. Having him stand there, look me in the eyes and start accusing me of several things him and I both know I didn't do made me feel let down by the community, made me feel powerless, he made me feel like what was actually true had no power over him. Now it's easier for me to understand why so many people hold resentment towards law enforcement. Officer brown almost single-handedly ruined my trust in law-enforcement. The sad thing about it is, I actually went to school for criminal justice, I wanted to be an officer myself. Fortunately I know better than to let one person ruin my views of a whole group. Just glad people are finally bringing light to who I was dealing with that night.

A video posted by Jon Bones Jones (@jonnybones) on

Na ocasião, Brown aplicou cinco multas em Jones - uma delas, por tirar rachas - enquanto o lutador, revoltado, discutia com o policial, chamando-o de "mentiroso" e "porco". Jones alegou que estava apenas acelerando o carro para fazer graça para alguns fãs na rua.

"Vê-lo ali, olhando nos meus olhos e me acusando de fazer coisas que eu e ele sabíamos que eu não tinha feito, me deixou decepcionado. Eu me senti impotente. Agora é fácil para mim entender por que tantas pessoas têm ressentimento da polícia", continuou Jones, que disse que queria ser policial na juventude.

"Ainda bem que eu não vou deixar uma pessoa arruinar minha visão sobre todo um grupo. Estou contente que as pessoas finalmente estão jogando luz sobre com quem eu estava lidando naquela noite", concluiu.

Segundo o site TMZ Sports, o departamento de polícia de Albuquerque negou que Brown tenha um histórico de discriminação racial em suas ocorrências.

Jon Jones voltará ao octógono no UFC 197, em 23 de abril, em Las Vegas, contra Ovince St. Preux. Ele enfrentaria o campeão dos meio-pesados, Daniel Cormier, mas o detentor do cinturão se lesionou de última hora.

ID: {{comments.info.id}}
URL: {{comments.info.url}}

Ocorreu um erro ao carregar os comentários.

Por favor, tente novamente mais tarde.

{{comments.total}} Comentário

{{comments.total}} Comentários

Seja o primeiro a comentar

{{subtitle}}

Essa discussão está encerrada

Não é possivel enviar novos comentários.

{{ user.alternativeText }}
Avaliar:
 

* Ao comentar você concorda com os termos de uso. Os comentários não representam a opinião do portal, a responsabilidade é do autor da mensagem. Leia os termos de uso

Escolha do editor

{{ user.alternativeText }}
Escolha do editor

Facebook Messenger

Receba as principais notícias do dia. É de graça!

Redação
Redação
Redação
Redação
Ag. Fight
Ag. Fight
UOL Esporte - Imagens
Ag. Fight
Ag. Fight
Ag. Fight
Ag. Fight
Ag. Fight
Ag. Fight
Redação
Blog do Ohata
Ag. Fight
Ag. Fight
Ag. Fight
Redação
Ag. Fight
Ag. Fight
Ag. Fight
Ag. Fight
Ag. Fight
Ag. Fight
Ag. Fight
Ag. Fight
Ag. Fight
Blog do Ohata
Redação
Redação
Ag. Fight
Ag. Fight
Ag. Fight
Ag. Fight
Ag. Fight
Ag. Fight
Ag. Fight
Ag. Fight
Ag. Fight
Ag. Fight
Ag. Fight
Ag. Fight
Ag. Fight
Ag. Fight
Ag. Fight
Ag. Fight
Ag. Fight
Ag. Fight
Ag. Fight
Ag. Fight
Topo