MMA

Cormier descarta chance de ter Jones e McGregor no card do UFC 200

L.E. Baskow/Las Vegas Sun
Daniel Cormier descartou a chance de enfrentar Jon Jones e McGregor permanecer no card do UFC 200 Imagem: L.E. Baskow/Las Vegas Sun

Do UOL, em São Paulo

25/04/2016 15h59

O campeão linear meio-pesado do UFC, Daniel Cormier, está confiante de que poderá enfrentar Jon Jones no histórico card do UFC 200, que será realizado em Las Vegas, para unificar o cinturão da categoria. No entanto, isso poderá significar o fim da possibilidade de McGregor ser reintegrado ao card para enfrentar Nate Diaz.

Em entrevista ao programa The MMA Hour, Daniel Cormier afirmou que dificilmente o UFC fará a luta entre ele e Jon Jones e a revanche de McGregor contra Nate Diaz no mesmo dia por ser algo que não faria sentido.

“Se os fãs querem Conor naquele card, eles perderão eu e Jones. Eles não vão fazer no mesmo card. Isso não faz sentido. Se eu estiver liberado, eu adoraria lutar no UFC 200. Estou indo no médico agora, estou me sentindo muito bem. Eu não consigo fazer tudo 100% agora. Se eu tiver mais quatro semanas para me recuperar, acho que será tempo suficiente”, revelou o campeão.

Ainda segundo Cormier, ele precisaria de oito a dez semanas para fazer um camp completo e enfrentar Jon Jones, o que permitiria que ele se apresentasse no UFC 200, que será realizado em julho. O campeão ainda destacou que será ótimo lutar nesta data, pois seus companheiros de academia, Luke Rockhold e Cain Velásquez, também irão se apresentar em eventos próximos.

“O Jon ainda quer lutar (no UFC 200), é uma questão de saúde. Se estiver liberado, irei lutar com ele. O UFC tentou me dizer para pegar leve, não acelerar nada. Eles me disseram que isso iria acontecer, mas que eu não precisaria acelerar as coisas. Eles me pediram que eu tomasse cuidado para não me machucar novamente. Eu só quero lutar quando estiver saudável e esta é uma grande oportunidade.”

Daniel Cormier, que acabou derrotado na primeira luta contra Jones, avaliou o desempenho do campeão interino em seu retorno ao octógono. Segundo o campeão linear, a mudança física de Jones, que começou a fazer mais trabalhos de musculação, impactou em seu estilo de luta, tornando-o mais lento. Todavia, Cormier não quis afirmar se teria vencido Jones ou não caso tivesse o enfrentado no UFC 197.

“Ele não pareceu fisicamente maior, parecia até mais lento. Parecia que ele ficou cansado mais rápido, mas isso pode ter sido pelo nervoso de voltar ao octógono. Não me surpreendi, eu achei que ele estaria meio enferrujado. Desde abril de 2014, ele só lutou comigo e Glover Teixeira. Nos últimos dois anos e meio ele fez duas lutas, isso não é um cara muito ativo, como quando ele lutava com três caras por ano. Eu acho que tem alguns fatores que poderia ter aproveitado no sábado”, revelou Cormier, que acrescentou.

“As pessoas são realistas, ele estava um pouco enferrujado, mas elas acham que ele estará melhor na próxima vez. Eu não acho, esse é o novo Jon, com mais massa muscular, que gosta de levantar peso. Que está cortando peso e não pode reidratar por conta nas novas regras. Esse é o Jones no mundo real. Quando lutarmos, ele será o mesmo cara que lutou no sábado. Ele vai pra casa e vai pensar porque ele parecia assim: bem, é como você é agora”, concluiu. 

ID: {{comments.info.id}}
URL: {{comments.info.url}}

Ocorreu um erro ao carregar os comentários.

Por favor, tente novamente mais tarde.

{{comments.total}} Comentário

{{comments.total}} Comentários

Seja o primeiro a comentar

{{subtitle}}

Essa discussão está encerrada

Não é possivel enviar novos comentários.

{{ user.alternativeText }}
Avaliar:
 

* Ao comentar você concorda com os termos de uso. Os comentários não representam a opinião do portal, a responsabilidade é do autor da mensagem. Leia os termos de uso

Escolha do editor

{{ user.alternativeText }}
Escolha do editor

Facebook Messenger

Receba as principais notícias do dia. É de graça!

Ag. Fight
Ag. Fight
Ag. Fight
Ag. Fight
Ag. Fight
Blog do Ohata
Redação
Redação
Ag. Fight
Ag. Fight
Ag. Fight
Ag. Fight
Ag. Fight
Ag. Fight
Ag. Fight
Ag. Fight
Ag. Fight
Ag. Fight
Ag. Fight
Ag. Fight
Ag. Fight
Ag. Fight
Ag. Fight
Ag. Fight
Ag. Fight
Ag. Fight
Ag. Fight
Ag. Fight
Ag. Fight
Ag. Fight
Ag. Fight
Ag. Fight
Ag. Fight
Ag. Fight
Redação
Ag. Fight
Ag. Fight
Ag. Fight
Ag. Fight
Ag. Fight
Ag. Fight
Redação
Ag. Fight
Ag. Fight
Ag. Fight
Ag. Fight
Ag. Fight
Ag. Fight
Ag. Fight
Ag. Fight
Ag. Fight
Topo