Topo

MMA

Aldo diz que revés para McGregor foi como cometa Halley: "A cada 100 anos"

Reprodução/Youtube
José Aldo e Frankie Edgar lutarão pelo cinturão interino dos penas Imagem: Reprodução/Youtube

Do UOL, em São Paulo

27/04/2016 16h44

O ex-campeão peso pena do UFC, José Aldo, ainda não conseguiu esquecer a derrota sofrida para Conor McGregor, em 12 de dezembro de 2015, quando perdeu seu cinturão e uma invencibilidade de mais de 10 anos.

Em coletiva de imprensa para divulgar o UFC 200, quando enfrentará Frankie Edgar pelo cinturão interino da organização, José Aldo avaliou o que aconteceu na fatídica derrota, quando acabou nocauteado por Conor em apenas 13 segundos.

“O que aconteceu, acontece de 100 em 100 anos, só acontecerá se o cometa Halley passar de novo. Agora é uma nova luta (contra Frankie Edgar), vamos fazer uma nova história, nós estamos famintos querendo esse cinturão. Vocês não vão se arrepender, vai ser a melhor luta da noite”, projetou o brasileiro.

O brasileiro ainda destacou que segue sentindo-se como o campeão peso pena, já que será apenas uma questão de tempo até recuperar o cinturão que deteve por tanto tempo.

“O próximo passo para ser campeão é vencer o Edgar, sei que estarei mais perto do cinturão e vou vencer o título da categoria. Acho que tinha que ser a revanche (contra Conor McGregor), mas já que colocaram o Edgar, e vou fazer isso.”

Já o norte-americano Frankie Edgar, que vem de cinco vitórias consecutivas, também esperava uma oportunidade pelo cinturão linear da categoria. Em sua opinião, Conor McGregor não voltará a lutar no peso pena, já que tem dificuldade para bater o peso limite de 66 quilos.

“Eu e José pensamos igual. Nós queríamos o titulo, mas o Conor não veio defender. Eu espero vencer este cinturão. É o cinturão de desafiante numero um. Mas acho que Conor nunca voltará para a categoria, então ele se tornará o cinturão linear”, projetou Edgar, que apostou em uma luta diferente contra Aldo.

“Três anos se passaram desde a nossa luta, eu sou diferente, ele é diferente, eu estou vindo melhor agora. Acho que estou no momento de conquistar este cinturão. Eu estou tentando finalizar mais e mais lutas. Estou lutando com caras tops. Esse é o plano, ir lá, parar o Aldo e não ir para os jurados”, avaliou o ex-campeão dos leves.

Miesha Tate e Amanda Nunes trocam provocações

Reprodução/Youtube
Miesha Tate e Amanda Nunes posam para fotos em coletiva de imprensa do UFC 200 Imagem: Reprodução/Youtube

Miesha Tate conquistou seu cinturão há pouco tempo, mas já sabe como promover suas lutas para atrair mais interesse do público. Durante a coletiva de imprensa, a norte-americana, que enfrentará Amanda Nunes pelo título do peso galo, ressaltou que irá vencer a brasileira.

“Eu acho que tudo acontece por uma razão. Eu disse para todos que bateria Holly e fiz isso. Eu vou bater Amanda, seguir em frente, e então talvez eu me encontre com Ronda no Madison Square. Tomara que isso aconteça”, projetou Miesha.

No entanto, quem não gostou nada de ouvir a projeção foi Amanda Nunes, que garantiu saber como explorar falhas no jogo da atual campeã para sair com o cinturão no dia 9 de julho, em Las Vegas.

“Você acha que vai me bater, vamos ver. Eu tenho todas as ferramentas para te bater e vou mostrar a todos. Miesha tem muitos buracos em pé e no chão. Eu tenho todas as ferramentas para batê-la e vou mostrar pra vocês. Eu vou tomar meu tempo e vou bater a Miesha em qualquer área. O UFC 200 está chegando”, provocou Amanda.

ID: {{comments.info.id}}
URL: {{comments.info.url}}

Ocorreu um erro ao carregar os comentários.

Por favor, tente novamente mais tarde.

{{comments.total}} Comentário

{{comments.total}} Comentários

Seja o primeiro a comentar

{{subtitle}}

Essa discussão está encerrada

Não é possivel enviar novos comentários.

{{user.alternativeText}}
Avaliar:
 

* Ao comentar você concorda com os termos de uso. Os comentários não representam a opinião do portal, a responsabilidade é do autor da mensagem. Leia os termos de uso

Escolha do editor

{{ user.alternativeText }}
Escolha do editor

Facebook Messenger

Receba as principais notícias do dia. É de graça!