MMA

Empresas querem comprar UFC por até R$ 13,8 bi, diz TV; Dana White nega

Evelyn Rodrigues
Imagem: Evelyn Rodrigues

Do UOL, em São Paulo

10/05/2016 21h21Atualizada em 10/05/2016 23h43

Os donos do UFC conversam para vender a organização, de acordo com informações da “ESPN” dos Estados Unidos. Ao todo, quatro interessados estariam conversando com os irmãos Frank e Lorenzo Fertitta. O valor poderia chegar a US$ 4 bilhões (R$ 13,88 bilhões). Após a publicação da notícia, o presidente do UFC, Dana White, negou que o Ultimate esteja à venda. 

"O UFC não está à venda", White disse ao Review-Journal após a publicação da ESPN norte-americana. "A história da ESPN é exagerada. Darren Rovell (o jornalista da ESPN) não é um fã de fatos reais. Os fatos que ele dá não podem ser levados à frente", disse o presidente. 

Segundo a ESPN norte-americana, os interessados em comprar a organização seriam os grupos WME/IMG, China Media Capital, The Blackstone Group e Dalian Wanda Group. Todas elas estariam dispostas a fazer uma oferta vantajosa à organização.

“Como uma empresa privada, não discutimos especulações e rumores relacionados aos nossos negócios”, afirmou David Sholler, vice-presidente de relações públicas do UFC à “ESPN”.

O favorito no negócio seria o Dalian Wanda Group, que pertence ao milionário Wang Jianlin, o homem mais rico da China, com uma fortuna estimada em US$ 35 bilhões (R$ 121,45 bilhões), de acordo com a revista “Forbes”. Recentemente, ele adquiriu 20% das ações do Atlético de Madri por US$ 48 milhões (R$ 166 milhões).

De acordo com a revista "Forbes", cada um dos irmãos Fertitta tem uma fortuna avaliada em US$ 1,6 bilhão (R$ 5,5 bilhões). A dupla fundou, junto com Dana White, a Zuffa em 2001, justamente para adquirir o UFC. O valor pago na época foi de apenas US$ 2 milhões. No último ano, o lucro da companhia atingiu a marca dos US$ 250 milhões (R$ 867,5 milhões).

Além disso, um novo acordo de televisão, previsto para se iniciar em 2019, deverá adicionar US$ 250 milhões aos cofres da organização. Recentemente, em entrevista à "CNN", Lorenzo Fertitta afirmou que a arrecadação do UFC no último ano foi de US$ 600 milhões (R$ 2 bilhões).

Atualmente, a divisão dos donos do UFC é feita da seguinte forma: 40% das ações para cada um dos irmãos Fertitta, 10% para Dana White e 10% do Flash Entertainment, grupo de Abu Dhabi.

Depois de Dana White negar que a entidade esteja à venda, o jornalista da ESPN chegou a rebater o presidente do UFC sobre negar a venda. Ele chegou a rir de Dana White e dizer que há pelo menos três fontes independentes que confirmaram a alta chance de venda. 

ID: {{comments.info.id}}
URL: {{comments.info.url}}

Ocorreu um erro ao carregar os comentários.

Por favor, tente novamente mais tarde.

{{comments.total}} Comentário

{{comments.total}} Comentários

Seja o primeiro a comentar

{{subtitle}}

Essa discussão está encerrada

Não é possivel enviar novos comentários.

{{ user.alternativeText }}
Avaliar:
 

* Ao comentar você concorda com os termos de uso. Os comentários não representam a opinião do portal, a responsabilidade é do autor da mensagem. Leia os termos de uso

Escolha do editor

{{ user.alternativeText }}
Escolha do editor

Facebook Messenger

Receba as principais notícias do dia. É de graça!

Ag. Fight
Ag. Fight
Ag. Fight
Ag. Fight
Ag. Fight
Ag. Fight
Ag. Fight
Ag. Fight
Ag. Fight
Blog do Ohata
Redação
Redação
Ag. Fight
Ag. Fight
Ag. Fight
Ag. Fight
Ag. Fight
Ag. Fight
Ag. Fight
Ag. Fight
Ag. Fight
Ag. Fight
Ag. Fight
Ag. Fight
Ag. Fight
Ag. Fight
Ag. Fight
Ag. Fight
Ag. Fight
Ag. Fight
Ag. Fight
Ag. Fight
Ag. Fight
Ag. Fight
Ag. Fight
Ag. Fight
Ag. Fight
Ag. Fight
Redação
Ag. Fight
Ag. Fight
Ag. Fight
Ag. Fight
Ag. Fight
Ag. Fight
Redação
Ag. Fight
Ag. Fight
Ag. Fight
Ag. Fight
Ag. Fight
Topo