Topo

MMA

Miesha cogita luta com Cyborg. Mas só vale título se brasileira perder peso

Mark J. Rebilas/USA Today
Miesha Tate elogiou Cris Cyborg no Twitter e cogitou combate valendo cinturão Imagem: Mark J. Rebilas/USA Today

Do UOL, em São Paulo

16/05/2016 09h37

A americana Miesha Tate, campeã dos pesos galos do UFC, elogiou Cris Cyborg após a estreia avassaladora da brasileira na organização, com um nocaute sobre Leslie Smith no UFC 198, em Curitiba. A dona do cinturão disse que aceitaria enfrentar a paranaense, mas ela teria que perder mais peso para o combate valer o título da divisão.

"Desempenho impressionando de Cris Cyborg! Que mulher potente! Parabéns por ter chegado a 139 libras [63 kg]! Mais 4 [1,8 kg] e nós podemos lutar pelo título", escreveu Miesha em seu Twitter.

Miesha também disse que aceitaria enfrentar a brasileira em peso casado, mas aí a luta não valeria título. Ela afirmou isso em resposta a um internauta.

 

Campeã dos pesos pena (até 65,8 kg) pelo Invicta FC, Cyborg estreou no UFC em uma categoria de peso casado para enfrentar Smith (63,5 kg). Já Miesha Tate é campeã dos pesos galos (até 61,2 kg).

Cris Cyborg já afirmou que não pretende mudar de categoria e abandonar seu cinturão no Invicta. O UFC não tem a divisão dos pesos pena para mulheres - somente peso galo e peso palha (até 52,2 kg).

Facebook Messenger

Receba as principais notícias do dia. É de graça!