Topo

MMA

Técnico de Pacquiao ironiza, mas aceita "pedido" para treinar McGregor

AP Photo/John Locher
Técnico de Manny Pacquiao ironizou a possibilidade de McGregor derrotar Mayweather Imagem: AP Photo/John Locher

Do UOL, em São Paulo

30/05/2016 12h34

O boxeador Floyd Mayweather Jr. realmente está disposto a fazer o duelo contra o lutador de MMA, Conor McGregor, sair do papel. Durante as últimas semanas, o assunto foi bastante abordado por veículos especializados em artes marciais.

Nesta segunda-feira (30), o site norte-americano “MMA Fighting” publicou que Mayweather teria procurado Freddie Roach, treinador de boxe de Manny Pacquiao e uma das lendas do esporte, para que ele treinasse McGregor para o possível duelo entre eles.

“Existem rumores de que eu estaria recebendo ligações do Conor me pedindo para que eu o treinasse. Eles não são verdadeiros. Ele ainda não me ligou, mas o Mayweather passou na minha academia na semana passada e me pediu para aceitar o emprego caso ele seja oferecido para mim. Ele disse que a luta irá acontecer e que nós iremos ganhar muito dinheiro”, revelou o treinador.

Apesar da declaração, Roach ainda está relutante em relação ao possível duelo entre o lutador do UFC e o boxeador. A opinião do treinador vai de encontro a de muitos outros especialistas em lutas para dizer que o confronto não teria razões para acontecer: Conor McGregor não teria chance em uma luta de boxe contra Mayweather.

“É como eu disse pro Mayweather: ‘eu precisaria de, no mínimo, três anos para coloca-lo em condições de lutar contra você’. Eu realmente não acredito que seja possível um lutador de MMA enfrentar um boxeador e eu sequer acho que isso seja justo. Dependeria das regras que seriam estabelecidas para a luta, pois uma das pessoas leva uma vantagem muito grande. Mayweather conseguiria lidar com ele o dia todo. Conor até parece ser um cara duro e tudo mais, mas ser um cara duro não te ajuda no boxe”, explicou Roach, que acrescentou.

“McGregor treinou na Wild Card West, que é uma das minhas academias, acabou fazendo sparring com alguns dos boxeadores profissionais que temos lá e eu fiquei sabendo que ele não foi tão bem contra estes caras.”

Para embasar sua opinião sobre o desfecho de um possível confronto entre o irlandês e o norte-americano, Roach ainda citou o desempenho de Mayweather ao longo de sua carreira como boxeador.

“Mayweather é o melhor boxeador do mundo e acho que ele não perderia sequer um round contra um cara com a experiência do Conor. Quero dizer, ele parece um boxeador razoável, é um grande lutador de MMA, mas a questão é que estamos falando do boxe e é como se ele fosse um iniciante neste esporte. Provavelmente precisaria de três anos para deixa-lo pronto para lutar contra um cara como Mayweather”, concluiu Roach, sem descartar a chance de treinar o irlandês.

“Se eu pudesse ajuda-lo, definitivamente faria isso. Eu trabalho 12 horas por dia na academia, gosto de me manter ocupado lá. Eu acho que nós poderíamos ajuda-lo e, se ele realmente aparecesse e pedisse ajuda, eu amaria fazer isso.”

Facebook Messenger

Receba as principais notícias do dia. É de graça!