MMA

Lutador do UFC confessa ter matado mulheres e crianças no Iraque

Divulgação/Strikeforce
Imagem: Divulgação/Strikeforce

04/09/2016 16h44

O lutador do UFC e militar dos Estados Unidos, Tim Kennedy usou uma rede social para chocar o mundo com as experiências sinistras que passou durante a guerra do Iraque.

O sargento do exército americano revelou já ter matado mulheres e crianças, e que os treinos de MMA o ajudaram a evitar o estresse pós-traumático, comum em militares que participaram em guerras.

"Sou questionado diariamente sobre como eu não sofro com estresse pós-traumático. Provavelmente eu sou a última pessoa na Terra para a qual você deve perguntar essas coisas. Já matei crianças e mulheres na guerra, já vi meus amigos e colegas serem queimados vivos. Minha vida adulta está preenchida de coisas que só aparecem em filmes de terror. Eu poderia ter pesadelos toda noite se eu não escolhesse fazer a diferença diariamente para mim e para os homens que morreram ao meu redor. Você precisa acordar todo dia cedo e treinar. Treine tão duro até que suas mãos sangrem, que até você transpire ácido. Treine duro até que você tenha um colapso e veja estrelas", escreveu o americano.

Tim Kennedy não luta desde setembro de 2014, quando foi derrotado pelo cubano Yoel Romero e o Ultimate planeja casar uma luta entre o militar e o e-campeão Rashad Evans para o UFC 205, programado para dia 12 de novembro, em Nova York (EUA).

ID: {{comments.info.id}}
URL: {{comments.info.url}}

Ocorreu um erro ao carregar os comentários.

Por favor, tente novamente mais tarde.

{{comments.total}} Comentário

{{comments.total}} Comentários

Seja o primeiro a comentar

{{subtitle}}

Essa discussão está encerrada

Não é possivel enviar novos comentários.

{{ user.alternativeText }}
Avaliar:
 

* Ao comentar você concorda com os termos de uso. Os comentários não representam a opinião do portal, a responsabilidade é do autor da mensagem. Leia os termos de uso

Escolha do editor

{{ user.alternativeText }}
Escolha do editor

Facebook Messenger

Receba as principais notícias do dia. É de graça!

Ag. Fight
Ag. Fight
Ag. Fight
Ag. Fight
Ag. Fight
Redação
Blog do Ohata
Ag. Fight
Ag. Fight
Ag. Fight
Redação
Ag. Fight
Ag. Fight
Ag. Fight
Ag. Fight
Ag. Fight
Ag. Fight
Ag. Fight
Ag. Fight
Ag. Fight
Blog do Ohata
Redação
Redação
Ag. Fight
Ag. Fight
Ag. Fight
Ag. Fight
Ag. Fight
Ag. Fight
Ag. Fight
Ag. Fight
Ag. Fight
Ag. Fight
Ag. Fight
Ag. Fight
Ag. Fight
Ag. Fight
Ag. Fight
Ag. Fight
Ag. Fight
Ag. Fight
Ag. Fight
Ag. Fight
Ag. Fight
Ag. Fight
Ag. Fight
Ag. Fight
Ag. Fight
Ag. Fight
Redação
Ag. Fight
Topo