MMA

McGregor diz que só exército lhe tiraria os 2 cinturões e ataca Aldo

John Locher/AP
Imagem: John Locher/AP

Do UOL, em São Paulo

27/09/2016 20h02

Conor McGregor, um dos maiores nomes do UFC na atualidade, foi mesmo a grande estrela da entrevista de apresentação do UFC 205, evento histórico da franquia, a ser disputado em Nova York depois de duas décadas de batalhas judiciais para que o MMA voltasse ao estado norte-americano. O irlandês, nesta terça-feira (27), aproveitou até para provocar José Aldo. 

McGregor, já campeão peso pena da organização, disputará no dia 12 de novembro, em NY, o cinturão peso leve da franquia. Dana White, pelo menos por hora, afirma que o lutador, caso vença, terá de escolher um dos títulos e abrir mão de outro. O astro, no entanto, recusa-se a aceitar essa ordem. 

"Teriam de chamar o exército para tirar um dos cinturões de mim", disse, em fala que levantou o público presente no Madison Square Garden. Na sequência, foi perguntado sobre José Aldo, atual campeão interino dos penas que lhe espera para disputar o título regular. "Eu não posso pensar no Aldo agora. Já lutamos e eu o nocauteei em 13 segundos. Choquei o mundo. Se ele fosse bom o bastante, estaria lutando com ele aqui pelo cinturão dos penas", afirmou. 

Aldo reagiu em entrevista ao site do Combate, na qual anunciou pedido de fim de contrato com o UFC: "Não quero ser empregado do McGregor". 

Na encarada com Álvarez, McGregor foi tranquilo. Até chamou o adversário "para a porrada", mas o norte-americano deu risada. Eddie, aliás, se saiu muito bem durante toda a coletiva, aguentando a provocação do irlandês, que se disse "dono de Nova York" e afirmou que vale "R$ 13 bilhões" ao UFC

Card do evento

Com a maioria das lutas anunciadas desde a última segunda-feira, restou ao UFC anunciar apenas um duelo na entrevista: Michael Johnson x Khabib Nurmagomedov, pelos pesos leves. Confira o card do evento:

  • Peso leve: Eddie Alvarez x Conor McGregor
  • Peso meio-médio: Tyron Woodley x Stephen Thompson
  • Peso palha: Joanna Jedrzejczyk x Karolina Kowalkiewicz
  • Peso pena: Michael Johnson x Khabib Nurmagomedov
  • Peso médio: Chris Weidman x Yoel Romero
  • Peso meio médio: Donald Cerrone x Kelvin Gastelum
  • Peso pena: Frankie Edgar x Jeremy Stephens
  • Peso galo: Miesha Tate x Raquel Pennington
  • Peso médio: Tim Kennedy x Rashad Evans
  • Peso médio: Tim Boetsch x Rafael Natal
  • Peso galo:  Katlyn Chookagian x Liz Carmouche
  • Peso leve: Jim Miller x Thiago Pitbull
  • Peso meio-médio: Lyman Good x Belal Muhammad

ID: {{comments.info.id}}
URL: {{comments.info.url}}

Ocorreu um erro ao carregar os comentários.

Por favor, tente novamente mais tarde.

{{comments.total}} Comentário

{{comments.total}} Comentários

Seja o primeiro a comentar

{{subtitle}}

Essa discussão está encerrada

Não é possivel enviar novos comentários.

{{ user.alternativeText }}
Avaliar:
 

* Ao comentar você concorda com os termos de uso. Os comentários não representam a opinião do portal, a responsabilidade é do autor da mensagem. Leia os termos de uso

Escolha do editor

{{ user.alternativeText }}
Escolha do editor

Facebook Messenger

Receba as principais notícias do dia. É de graça!

Ag. Fight
Ag. Fight
Ag. Fight
Ag. Fight
Ag. Fight
Ag. Fight
Ag. Fight
Ag. Fight
Ag. Fight
Blog do Ohata
Redação
Redação
Ag. Fight
Ag. Fight
Ag. Fight
Ag. Fight
Ag. Fight
Ag. Fight
Ag. Fight
Ag. Fight
Ag. Fight
Ag. Fight
Ag. Fight
Ag. Fight
Ag. Fight
Ag. Fight
Ag. Fight
Ag. Fight
Ag. Fight
Ag. Fight
Ag. Fight
Ag. Fight
Ag. Fight
Ag. Fight
Ag. Fight
Ag. Fight
Ag. Fight
Ag. Fight
Redação
Ag. Fight
Ag. Fight
Ag. Fight
Ag. Fight
Ag. Fight
Ag. Fight
Redação
Ag. Fight
Ag. Fight
Ag. Fight
Ag. Fight
Ag. Fight
Topo