MMA

Werdum perde emprego como comentarista do UFC após reclamar da Reebok

Do UOL, em São Paulo

28/10/2016 16h50

A polêmica causada por Fabrício Werdum na última terça-feira (25), quando postou uma montagem em que aparece com um uniforme do UFC, mas com a logomarca de uma empresa concorrente à principal patrocinadora do evento, trouxe problemas para o brasileiro. Apesar de não levar uma multa - já que não possui contrato com a Reebok -, o ex-campeão dos pesos-pesados perdeu o posto de comentarista da organização para a transmissão em espanhol.

"Estou aqui para esclarecer a polêmica que deu aquele dia. Não aconteceu nada, não tenho contrato com a Reebok no dia a dia, só no dia da luta. Já que não tenho contrato, não levei multa. No entanto, me tiraram das transmissões do UFC como comentarista, onde fiz um trabalho excelente pelos últimos três anos, sendo considerada a melhor transmissão em espanhol do mundo. Não estou feliz e achei um absurdo isso. Só queria que vocês ficassem sabendo disso", desabafou Werdum por meio de uma de suas redes sociais.

Reprodução / Instagram
Werdum provocou Reebok em uma montagem no Instagram Imagem: Reprodução / Instagram

O lutador brasileiro também reclamou do atual acordo com a Reebok, obrigatória aos atletas do UFC na semana da luta. "Não acho justo. Antes da Reebok entrar no UFC, eu ganha 100, 150, 180, até 200 mil... Agora ganho apenas cinco mil por luta, o que não acho justo. Ganhar isso depois de 20 anos como lutador de MMA... Não acho legal. Estou aqui para protestar", completou.

Na quarta-feira (26), ele já havia explicado um dos motivos de sua revolta com a marca. "Postei protestando. Na verdade, não sou obrigado a usar Reebok, não tenho contrato com eles. Para quem não sabe, eles patrocinam só na hora da luta. Tem que usar na semana da luta, tem no contrato. Mas eu não tenho contrato com ela fora do UFC, posso postar o que eu quiser. Antes podíamos usar o que quiséssemos. Hoje tem uma tabela com a Reebok. E não se compara com o que ganhávamos antes. Ninguém está contente, mas está no contrato. Tem que assinar e acabou. Mas não tem opção", narrou.

Quer receber notícias de MMA de graça pelo Facebook Messenger? Clique AQUI e siga as instruções.

ID: {{comments.info.id}}
URL: {{comments.info.url}}

Ocorreu um erro ao carregar os comentários.

Por favor, tente novamente mais tarde.

{{comments.total}} Comentário

{{comments.total}} Comentários

Seja o primeiro a comentar

{{subtitle}}

Essa discussão está encerrada

Não é possivel enviar novos comentários.

{{ user.alternativeText }}
Avaliar:
 

* Ao comentar você concorda com os termos de uso. Os comentários não representam a opinião do portal, a responsabilidade é do autor da mensagem. Leia os termos de uso

Escolha do editor

{{ user.alternativeText }}
Escolha do editor

Facebook Messenger

Receba as principais notícias do dia. É de graça!

Redação
Ag. Fight
UOL Esporte - MMA
Na Grade do MMA
Blog do Ohata
Redação
Redação
Redação
Redação
Redação
Ag. Fight
Ag. Fight
UOL Esporte - Imagens
Ag. Fight
Ag. Fight
Ag. Fight
Ag. Fight
Ag. Fight
Ag. Fight
Redação
Blog do Ohata
Ag. Fight
Ag. Fight
Ag. Fight
Redação
Ag. Fight
Ag. Fight
Ag. Fight
Ag. Fight
Ag. Fight
Ag. Fight
Ag. Fight
Ag. Fight
Ag. Fight
Blog do Ohata
Redação
Redação
Ag. Fight
Ag. Fight
Ag. Fight
Ag. Fight
Ag. Fight
Ag. Fight
Ag. Fight
Ag. Fight
Ag. Fight
Ag. Fight
Ag. Fight
Ag. Fight
Ag. Fight
Ag. Fight
Topo