MMA

Estrela discreta do UFC, "Joanna Campeã" tem meta ousada para se eternizar

Rigel Salazar/Ag. Fight
Joanna Jedrzejczyk é a melhor peso por peso feminina da atualidade Imagem: Rigel Salazar/Ag. Fight

Leandro Miranda

Do UOL, em São Paulo

10/11/2016 13h56

São 12 vitórias em 12 lutas, três defesas consecutivas de cinturão, um jogo de kickboxing que combina precisão e potência. Ela é a melhor lutadora peso por peso do UFC na atualidade. Mas por que Joanna Jedrzejczyk, polonesa de 29 anos e até agora imbatível no peso palha, não tem o status midiático de um Conor McGregor, uma Ronda Rousey, um Jon Jones?

"Eu não sei, eu apenas faço o meu trabalho, tento ser uma boa campeã, uma boa atleta. Estou feliz por ser a campeã", disse ela ao UOL Esporte, na reta final da preparação para enfrentar a compatriota Karolina Kowalkiewicz no UFC 205, no próximo sábado (12), em Nova York.

A resposta talvez esteja na própria personalidade da atleta. Apesar de soltar algumas frases de efeito e às vezes apostar no "trash talk", na maior parte do tempo Joanna é discreta e foge de polêmicas. Chegou até a reclamar da edição do reality show The Ultimate Fighter que disputou contra a brasileira Claudinha Gadelha, que a mostrava "como uma pessoa má", segundo ela.

Nada disso impede, porém, que "Joanna Campeã" – como os fãs se acostumaram a chamá-la, devido à dificuldade de pronunciar corretamente seu sobrenome – esteja no caminho de se consolidar como uma das maiores do UFC. O objetivo da polonesa, aliás, passa longe de ser discreto: terminar a carreira sem uma única derrota no cartel.

"Não sinto pressão, me sinto calma e preparada. Meu sonho é me aposentar invicta e campeã. Claro que será difícil, mas essa é a beleza do esporte. Nós sempre queremos vencer. Eu sempre visualizo minha vitória, e é isso que vai acontecer no Madison Square Garden em 12 de novembro", afirmou ela.

Se o objetivo é ousado, a evolução precisa ser constante. Acostumada a fazer a preparação de suas lutas na Polônia, Joanna se mudou para a Califórnia em setembro para treinar na American Top Team.

"Toda luta é difícil e Karolina é uma lutadora completa. Ela não tem nada a perder, mas eu tenho. Todos os olhos estão em mim. Minha oponente vai tentar um plano e eu não posso deixar isso acontecer. Sou muito humilde e qualquer um pode dizer que sou a que trabalha mais duro na academia", contou.

Ela já venceu Karolina antes, em uma luta amadora em 2012. Na carreira profissional, porém, Kowalkiewicz também está invicta, com 10 triunfos em 10 combates. Declarações recentes da desafiante, dizendo que Joanna estava com medo dela, irritaram a campeã. Mas a dona do cinturão diz que não tem ressentimentos. Se ela quiser manter seu sonho vivo – e também seu apelido –, terá que vencer Karolina novamente.

"Nós não somos amigas, mas nos conhecemos há cinco anos e lutamos em 2012. Somos lutadoras diferentes agora. A luta será boa, temos uma relação positiva e depois da luta vamos apertar as mãos".

ID: {{comments.info.id}}
URL: {{comments.info.url}}

Ocorreu um erro ao carregar os comentários.

Por favor, tente novamente mais tarde.

{{comments.total}} Comentário

{{comments.total}} Comentários

Seja o primeiro a comentar

{{subtitle}}

Essa discussão está encerrada

Não é possivel enviar novos comentários.

{{ user.alternativeText }}
Avaliar:
 

* Ao comentar você concorda com os termos de uso. Os comentários não representam a opinião do portal, a responsabilidade é do autor da mensagem. Leia os termos de uso

Escolha do editor

{{ user.alternativeText }}
Escolha do editor

Facebook Messenger

Receba as principais notícias do dia. É de graça!

Ag. Fight
Ag. Fight
Ag. Fight
Ag. Fight
Ag. Fight
Ag. Fight
Ag. Fight
Ag. Fight
Ag. Fight
Ag. Fight
Ag. Fight
Ag. Fight
Ag. Fight
Ag. Fight
Ag. Fight
Ag. Fight
Ag. Fight
Ag. Fight
Ag. Fight
Ag. Fight
Ag. Fight
Ag. Fight
Ag. Fight
Redação
Ag. Fight
Ag. Fight
Ag. Fight
Ag. Fight
Ag. Fight
Ag. Fight
Redação
Ag. Fight
Ag. Fight
Ag. Fight
Ag. Fight
Ag. Fight
Ag. Fight
Ag. Fight
Ag. Fight
Ag. Fight
Ag. Fight
Ag. Fight
Ag. Fight
Ag. Fight
Ag. Fight
Ag. Fight
Ag. Fight
Ag. Fight
Ag. Fight
Ag. Fight
Ag. Fight
Topo