MMA

Mayweather x McGregor será difícil, mas vai acontecer, diz chefão do UFC

Reprodução
Imagem: Reprodução

Do UOL, em São Paulo

16/03/2017 10h10

Presidente do UFC, Dana White acredita que a combate entre o boxeador Floyd Mayweather Jr. e o lutador de MMA Conor McGregor sairá do papel. Em entrevista ao programa de televisão americano “Conan”, Dana falou sobre as dificuldades de organizar a luta, mas espera um desfecho positivo.

“Eu acho. Eu acho que vai acontecer. Eu acho que vai ser um acordo difícil, há obviamente um monte de egos envolvidos neste negócio e isso sempre faz as coisas serem mais difíceis", disse.

“Por outro lado, há muito dinheiro envolvido, eu simplesmente não vejo como isso pode não acontecer", completou.

Recentemente, Mayweather anunciou que deixaria a aposentadoria e pressionou McGregor para acertar uma das lutas mais aguardadas dos últimos tempos. O boxeador inclusive sugeriu junho como o mês ideal para a disputa.

White, que a princípio era contra a realização do combate, acredita que McGregor tem condições de acabar com a invencibilidade de Mayweather no boxe. O americano tem 49 vitórias e nenhuma derrota na carreira profissional.

“McGregor é enorme. Tem 27 anos (28, na verdade), está no melhor momento de sua carreira. Floyd tem 40 anos, sempre teve problemas com os canhotos e Conor é um deles. Conor pega forte. Quando golpeia, os rivais costumam cair. Floyd não vai nocauteá-lo. Não digo que Conor vai ganhar um combate de boxe, mas sem dúvida é interessante”, disse.

É curioso lembrar que White era pessimista e previu uma "queda épica" de McGregor caso ele tentasse lutar boxe sem a permissão do UFC. Ele chegou a afirmar que as chances de a luta ser realizada eram as mesmas de ele ser o quarterback do New England Patriots no Super Bowl.

McGregor, de 28 anos, é o campeão do peso leve do UFC e tem contrato exclusivo com a organização presidida por White.

Além disso, o empresário também lembrou a demora de Mayweather para concordar em lutar com o campeão filipino Manny Pacquiao.

De acordo com White, o boxeador americano pode precisar de mais tempo antes fechar todos os termos do contrato para que McGregor possa assiná-lo.

Mas a realidade é que o combate, que foi definido como "único", pouco a pouco vai superando obstáculos burocráticos, que são os mais difíceis de solucionar.

Em dezembro do ano passado, McGregor conseguiu uma licença oficial de boxeador da Comissão Atlética da Califórnia.

White, porém, rejeitou os boatos sobre a luta já estar marcada para o dia 10 de junho em Las Vegas.

"McGregor não deve voltar às atividades em poucos meses, dado que tirou um tempo para descansar enquanto espera o nascimento de seu primeiro filho, previsto para o mês de maio", acrescentou White.

Com informações da EFE.

ID: {{comments.info.id}}
URL: {{comments.info.url}}

Ocorreu um erro ao carregar os comentários.

Por favor, tente novamente mais tarde.

{{comments.total}} Comentário

{{comments.total}} Comentários

Seja o primeiro a comentar

{{subtitle}}

Essa discussão está encerrada

Não é possivel enviar novos comentários.

{{ user.alternativeText }}
Avaliar:
 

* Ao comentar você concorda com os termos de uso. Os comentários não representam a opinião do portal, a responsabilidade é do autor da mensagem. Leia os termos de uso

Escolha do editor

{{ user.alternativeText }}
Escolha do editor

Ag. Fight
Ag. Fight
Blog do Ohata
Redação
Redação
Ag. Fight
Ag. Fight
Ag. Fight
Ag. Fight
Ag. Fight
Ag. Fight
Ag. Fight
Ag. Fight
Ag. Fight
Ag. Fight
Ag. Fight
Ag. Fight
Ag. Fight
Ag. Fight
Ag. Fight
Ag. Fight
Ag. Fight
Ag. Fight
Ag. Fight
Ag. Fight
Ag. Fight
Ag. Fight
Ag. Fight
Ag. Fight
Ag. Fight
Ag. Fight
Redação
Ag. Fight
Ag. Fight
Ag. Fight
Ag. Fight
Ag. Fight
Ag. Fight
Redação
Ag. Fight
Ag. Fight
Ag. Fight
Ag. Fight
Ag. Fight
Ag. Fight
Ag. Fight
Ag. Fight
Ag. Fight
Ag. Fight
Ag. Fight
Ag. Fight
Topo