MMA

Treinadora de Paolla Oliveira já venceu Cyborg, mas pausou MMA por novela

Reprodução/Instagram
Erica tem treinado Paolla Imagem: Reprodução/Instagram

Leandro Carneiro

Do UOL, em São Paulo

24/04/2017 04h00

Erica Paes tem um currículo de respeito no mundo das lutas. Campeã mundial de jiu-jítsu, ela foi a única lutadora a vencer Cris Cyborg. Os tempos passaram e Erica tem uma missão diferente em 2017. Agora, seu papel foi treinar Paolla Oliveira para a novela A Força do Querer, exibida na TV Globo.

Mas se engana quem acha que Erica abandonou as lutas. A pausa foi apenas para cumprir seu compromisso com a emissora na novela. Ela é quem tem inspirado a personagem vivido por Paolla na novela das 21h.

“A Gloria Perez me encontrou graças ao seu pesquisador, Fábio Fabrício Fabretti, que me indicou. Ela me contou que tinha uma lista com vários nomes e escolheu a mim. Já me sinto lisonjeada desde aí. É fabuloso poder ajudar uma profissional com tanta visibilidade como a Gloria. Estou me dedicando ao máximo e com muita expectativa”, disse ao UOL Esporte.

“Nunca deixei de lutar. Atualmente estou comprometida com a Globo, por conta da novela, e tenho me dedicado a isso. Mas adianto que lutar faz parte de mim, está no meu sangue, no ar que respiro, grudado na minha alma. Amo lutar, assim como amo viver. E quanto mais trabalhos realizar a respeito da luta, seja como lutadora, atriz ou instrutora, fico feliz”, completou.

Aos 36 anos, Érica teve seu primeiro grande desafio no MMA aos 24 anos. Logo no combate de estreia na modalidade foi contra Cris Cyborg. Aquela também foi a primeira vez que a lutadora do UFC ia para um confronto.

“Sou a única a vencer a Cyborg até hoje em uma luta. É uma honra para mim, principalmente pelo patamar que ela também conseguiu atingir. Tenho respeito e admiração por ela, afinal, somos duas atletas de grande referência e respeito no meio”, relembrou.

Quando fala sobre sua aluna, Erica é só elogios para a dedicação de Paolla Oliveira em viver o papel na novela.

“Paolla é uma mulher que também ama o que e faz e entrega o seu sangue. No início do trabalho nossa rotina era de quatro a cinco dias na semana. Agora nossos treinos, são de duas a três vezes na semana dependendo da agenda dela. Temos uma rotina intensa, mas séria e divertida, pois fazemos com prazer. Paolla é dedicada e disciplinada. Investe na sua personagem e para isso dispensa horas do seu tempo para os treinos”, falou.

“Ela foi graduada com dois graus na faixa branca, é completamente envolvida. Chegou a dizer que não pretende parar mais de treinar. Inclusive achamos engraçado quanto a polêmica criada em cima das marcas roxas deixadas nos membros da Paolla, no início. Tudo faz parte. Ela é intensa em tudo o que faz e está bem notável a sua estrutura muscular”, complementou.

Empoderamento feminino

Reprodução/Instagram
Imagem: Reprodução/Instagram

Paolla tem um papel importante para a sociedade na novela. Jeiza retrata uma mulher cheia de garra e atitude. É uma policial que sonha em ser lutadora.

Esse empoderamento feminino que Jeiza mostra na novela é uma das bandeiras levantadas por Erica em sua vida.

“O machismo existe desde que o mundo é mundo, e já foi até pior. Mas o mundo está mudando novamente, graças a Deus. Sofri muito com ele, assim como qualquer mulher sofre em sua vida nessa sociedade patriarcal. Fui vítima de tentativas de abusos sexuais e agressivos. É um dos motivos pelo qual levanto a bandeira do empoderamento feminino e do meu projeto ‘Eu sei me defender’, ensinando as mulheres a se defenderem da violência feminina. No mundo da luta nunca sofri um machismo diretamente, sempre fui respeitada e conquistei grandes amigos, mas o machismo pertence a todos os meios, infelizmente, ainda mais em um esporte que há pouco tempo era exclusivamente masculino”, exp´licou.

ID: {{comments.info.id}}
URL: {{comments.info.url}}

Ocorreu um erro ao carregar os comentários.

Por favor, tente novamente mais tarde.

{{comments.total}} Comentário

{{comments.total}} Comentários

Seja o primeiro a comentar

{{subtitle}}

Essa discussão está encerrada

Não é possivel enviar novos comentários.

{{ user.alternativeText }}
Avaliar:
 

* Ao comentar você concorda com os termos de uso. Os comentários não representam a opinião do portal, a responsabilidade é do autor da mensagem. Leia os termos de uso

Escolha do editor

{{ user.alternativeText }}
Escolha do editor

Ag. Fight
Ag. Fight
Ag. Fight
Ag. Fight
Redação
Redação
Redação
Redação
Na Grade do MMA
Redação
Ag. Fight
Ag. Fight
Ag. Fight
Ag. Fight
Ag. Fight
Ag. Fight
Ag. Fight
Ag. Fight
Redação
Redação
Ag. Fight
Redação
Ag. Fight
Ag. Fight
Ag. Fight
Ag. Fight
Na Grade do MMA
Ag. Fight
Ag. Fight
Ag. Fight
Ag. Fight
Ag. Fight
Ag. Fight
Ag. Fight
Ag. Fight
Ag. Fight
Ag. Fight
Redação
Ag. Fight
Ag. Fight
Ag. Fight
Ag. Fight
Ag. Fight
Ag. Fight
Ag. Fight
Ag. Fight
Blog do Ohata
Redação
Ag. Fight
Ag. Fight
Redação
Topo