Topo

MMA

Joanna entrega cinturão de papel a Jéssica; Cigano levanta o público

Brunno Carvalho

Do UOL, em Dallas (EUA)

12/05/2017 20h29

Joanna Jedrzejczyk colocou um ponto final no clima ameno que vinha tendo com Jéssica Andrade. Durante a pesagem protocolar do UFC 211, nesta sexta-feira (12), em Dallas (EUA), a polonesa entregou um cinturão de papel para a brasileira e se posicionou de maneira tensa no momento da encarada.

Jéssica, por sua vez, se manteve tranquila. Ao receber o cinturão de papel, a brasileira abriu um sorriso e fez o gesto de um coração com a mão. A atitude se repetiu no momento da encarada.

A mudança de postura de Joanna pode estar relacionada à dificuldade encarada por ela na manhã desta sexta-feira. Durante a pesagem oficial para o evento, a polonesa precisou tirar a roupa dentro de um biombo para conseguir bater os 52,2kg, peso máximo para que o combate contra Jéssica Andrade fosse confirmado como disputa de cinturão.

“Jéssica é meu próximo grande desafio, mas eu conquistei meu cinturão aqui, nesta mesma arena, há três anos. Vou defendê-lo pela quinta vez e serei campeã do UFC para sempre, baby”, disse Joanna.

“Estou muito bem preparada. Ela é a campeã, mas por enquanto. Vou dar meu máximo e vamos resolver essa história”, afirmou Jéssica.

Cigano e mexicanos levantam o público

Reprodução/UFC
Imagem: Reprodução/UFC

Assim como havia acontecido no treino aberto, Junior Cigano foi um dos queridinhos do público. Quando o brasileiro entrou no palco, os torcedores demonstraram forte apoio ao brasileiro, desafiante ao cinturão dos pesados.

Seu adversário, o norte-americano Stipe Miocic, também recebeu apoio do público, mas em quantidade menor ao brasileiro, chegando até a ouvir vaias. No momento da encarada, os dois “caras legais” adoraram uma postura mais séria.

Os lutadores mexicanos presentes no card também tiveram apoio maciço durante o evento. Como o Estado do Texas é próximo do México, a presença latina no ginásio se destacava. Tanto Jéssica Aguilar quanto Marco Polo Reyes subiram no palco com bandeiras do México.

O queridinho do público mexicano, no entanto, era Yair Rodríguez. Assim que o mexicano foi anunciado, os gritos e aplausos começaram. Por sua vez, quando o adversário Frankie Edgar apareceu, só ouvisse vaias no local.

CARD PRINCIPAL

Cinturão dos pesados: Stipe Miocic (111,6 kg) x Junior ‘Cigano’ (111,1 kg)
Cinturão dos palhas (52,2 kg): Joanna Jedrzejczyk (52,2 kg) x Jéssica ‘Bate-Estaca’ (51,9 kg)
Meio-médio (77,6 kg): Demian Maia (77,3 kg) x Jorge Masvidal (77,6 kg)
Pena (66,2 kg): Frankie Edgar (65,9 kg) x Yair Rodríguez (66,2 kg)
Médio (84,4 kg): Krzysztof Jotko (83,9 kg) x David Branch (83,9 kg)
Leve (70,8 kg): Chas Skelly (66,2 kg) x Jason Knight (66,2 kg)

CARD PRELIMINAR

Leve (até 70,8 kg): Eddie Alvarez (70,8 kg) x Dustin Poirier (70,8 kg)
Leve (70,8 kg): Marco Polo Reyes (69,8 kg) x James Vick (70,8kg)
Palha (52,6 kg): Jessica Aguilar (52,2 kg) x Courtney Casey (52,6 kg)
Pesado (até 120,7 kg): Chase Sherman (113,4 kg) x Rashad Coulter (109,3 kg)
Pena (66,2 kg): Gabriel Benítez (65,9 kg) x Enrique Barzola (66,2 kg)
Meio-pesado (93,4 kg): Joachim Christensen (92,7 kg) x Gadzhimurad Antigulov (92,5 kg)

Facebook Messenger

Receba as principais notícias do dia. É de graça!