Topo

MMA

Borrachinha esbanja confiança contra Hendricks: "não passa do 1º round"

Jeff Bottari/Zuffa LLC/Zuffa LLC via Getty Images
Paulo Borrachinha comemora vitória no UFC 212 Imagem: Jeff Bottari/Zuffa LLC/Zuffa LLC via Getty Images

Vanderson Pimentel

Do UOL, em São Paulo

03/11/2017 04h00

Uma das principais promessas do MMA brasileiro, Paulo 'Borrachinha' Costa está prestes a fazer a luta mais importante da sua carreira no UFC 217, no próximo sábado (4). O lutador, que venceu os 10 combates que disputou, está bastante confiante para a luta que irá abrir o card principal do evento contra Johny Hendricks.

Em entrevista ao UOL Esporte, o peso médio de 26 anos afirmou que o fato de oito das últimas dez lutas do norte-americano terem ido para a decisão dos juízes não  assusta.

"Eu estou extremamente bem preparado. Em todo esse camp eu treinei entre quatro e cinco rounds. Eu estou preparado para lutar três rounds com ele a todo vapor, a todo gás. Eu estou muito mais preparado (para lutar três rounds) do que ele, acho que a luta não vai passar do primeiro (round)", afirmou o lutador, que venceu nove de seus dez combates nos primeiros cinco minutos de luta.

Apesar de Hendricks ter perdido quatro de suas últimas cinco lutas, Borrachinha reconhece que o wrestling de Big Rigg é perigoso, mas vê o antigo dono do cinturão dos meio-médios em queda.

"Eu tenho que respeitá-lo porque é um ex-campeão. A palavra decadência é muito forte mas ele está decaindo mesmo. Acho que ele está na pior fase da carreira, mas é sempre muito perigoso", disse o mineiro, que aprimorou o seu jogo de wrestling com Henry Cejudo, lutador dos moscas do UFC e medalha de ouro da modalidade nos Jogos Olímpicos de Pequim-2008.

Franco favorito nas bolsas de aposta, o lutador brasileiro já ambiciona uma grande luta já em seu próximo combate. "Espero ver meu nome do ranking (após o combate contra o Hendricks). Eu gostaria de lutar contra um top 5, mas se tiver um top 10 vai ser bem recebido".

Facebook Messenger

Receba as principais notícias do dia. É de graça!