Topo

MMA


"É incrível e esperei a vida toda por isso", celebra a campeã Amanda Nunes

Josh Hedges/Zuffa LLC/Zuffa LLC via Getty Images
Amanda Nunes acerta soco em Cris Cyborg durante luta no UFC 232 Imagem: Josh Hedges/Zuffa LLC/Zuffa LLC via Getty Images

Vinicius Castro

Do UOL, em Inglewood (EUA)

2018-12-30T05:51:50

30/12/2018 05h51

Após nocautear Cris Cyborg no UFC 232, a brasileira Amanda Nunes entrou na sala de imprensa do The Forum, em Inglewood (EUA), com os dois cinturões nos ombros. Primeira mulher campeã em duas categorias ao mesmo tempo - galo e pena -, ela era só sorrisos e não escondeu a emoção ao responder as perguntas dos jornalistas.

"É incrível e esperei a minha vida toda por isso. Eu fiz história. Estou muito feliz", afirmou.

Questionada sobre o combate, Amanda recordou o momento em que sentiu que venceria Cris Cyborg. Foram necessários apenas 51 segundos para o feito que a colocou na prateleira mais alta do MMA feminino.

"Eu treinei bastante na minha academia. Estava pronta e querendo muito. O momento-chave foi quando a Cyborg conectou os primeiros golpes e me surpreendi. Treinei para esperar a agressividade dela. Ela é uma atleta forte e vem para decidir a luta mesmo. Quando conectou e senti, pensei que precisava colocar a minha estratégia e nada me pararia. O melhor soco dela não me parou. Estava preparada para absorver aquilo tudo", disse.

Outra pergunta foi se o resultado a colocou como a melhor lutadora em todos os tempos. Amanda Nunes não titubeou. "Sem dúvida nenhuma. Sou a melhor", comentou.

Os planos para o futuro, por enquanto, estão em compasso de espera. Amanda só quer saber de comemorar o feito histórico.

"Acho que vou lutar com o Daniel Cormier agora [risos]. Não vou desafiar ninguém. Só quero aproveitar. Tomar uma cervejinha, relaxar, falar com a minha família e ir ao Brasil comemorar com todo mundo. Tenho orgulho do meu país. Tive que sair para conquistar os meus sonhos. Espero que todos estejam felizes. Alguns podem estar tristes pela Cris. Mas faz parte do show", encerrou.