UOL Esporte Natação
 
22/10/2009 - 15h37

Cielo pede "forcinha" para manter técnico em competições e rejeita piscina curta

Maurício Dehò
Em São Paulo
Apesar de ter apenas uma competição importante em piscina longa no ano de 2010, este será o foco de César Cielo na próxima temporada. Apesar de ter o Mundial em piscina curta no calendário, o nadador espera conquistar um grande resultado no Pan-Pacífico. Um desafio, no entanto, será ter 100% de acompanhamento do técnico australiano Brett Hawke.

CIELO: "2016 E ATÉ UM POUCO MAIS"

  • FI

    Cielo diz que ainda não tem projeções de parar e quer competir nos Jogos do Rio-2016

    Campeão olímpico e mundial César Cielo tem pouco a atingir na carreira, mesmo tendo apenas 22 anos. No entanto, a vitória do Rio para sede dos Jogos Olímpicos de 2016 deu novo fôlego aos atletas e o nadador não fica para trás.

    Ele quer competir em casa e ainda não vê data para parar."A nova geração (da natação) que me desculpe, mas estarei lá", afirmou o paulista.

Hawke conseguiu sua cidadania nos Estados Unidos e, com isso, venceu o último obstáculo para conseguir um lugar treinando a seleção norte-americana. O impacto disso não será no dia a dia de Cielo, mas nas competições.

"Nós já sabíamos que isso ia acontecer. Ele é casado com uma norte-americana, tem quatro filhos lá. É um retorno que ele merecia lá", disse o brasileiro, que está em São Paulo após os ouros nos 50 m e 100 m livre no Mundial, mas voltará a trabalhar na Universidade de Auburn, nos Estados Unidos.

"O que muda com isso é em competição. Espero que a confederação faça uma forcinha para pegar ele vir às competições como técnico da seleção brasileira", afirmou o nadador.

Para 2009, Cielo ainda tem duas competições de menor expressão para competir. Ele estaria na etapa do Rio de Janeiro da Copa do Mundo de piscina curta, mas o evento foi cancelado. "O Brasil perdeu a etapa por má vontade ou falta de dinheiro. Ou um pouco dos dois", criticou. "Ainda mais no bom momento em que estamos, isso acabou tirando uma competição do planejamento. Esperamos mais competições, já que as de alto nível são todas fora do Brasil."

Cielo nadará nos dias 13, 14 e 15 de novembro o Paulista de natação. Em Dezembro, entre os dias 17 e 20, estará no Open de natação. Nas duas competições, nadará os 50 m e 100 m livre, além dos revezamentos 4 x 100 m livre e 4 x 100 m medley.

Novo patrocínio
Nesta quinta-feira, César Cielo foi apresentado como um dos atletas patrocinados da marca de bebidas energéticas TNT. Ele esteve em evento, em São Paulo, ao lado de um time com nomes como Minotouro e Minotauro, as gêmeas do nado Bia e Branca, Flávio Canto, Marcelo Giardi (o Marreco, campeão do wakebord no Pan), entre outros.

Este é o primeiro contrato de patrocínio fechado pelo atleta desde os Jogos de Pequim. "Minha vontade está ainda maior. É bom saber que estou com o apoio de uma empresa que não vai me cobrar apenas resultados, mas também me ajudará. E o pensamento é de longo prazo, até 2012."

Ele também tem o apoio da Arena, que lhe suporta com matérias esportivos e maiôs, dos Correios - por meio de convênio com a CBDA - e do clube Pinheiros.

Compartilhe:

    Placar UOL no iPhone

    Hospedagem: UOL Host