UOL Olimpíadas
BUSCA




RECEBA O BOLETIM
UOL ESPORTE
 

 
21/08/2004 - 15h57
Lituânia vence os EUA e garante primeiro lugar

Da Redação
Em São Paulo

Reuters 
Jogadores do Dream Team deixam a quadra derrotados; veja álbum de fotos
Demorou, mas finalmente a seleção masculina dos Estados Unidos jogou bem nas Olimpíadas. A Lituânia, porém, foi melhor. Depois de estar atrás por três períodos, os atuais campeões europeus viraram a partida nos dez minutos finais e ganharam seu quarto jogo em Atenas: 94 a 90.

O resultado, já esperado, foi muito comemorado na Lituânia. Com a festa pronta muito antes do início da partida, os lituanos tiveram de esperar até os últimos segundos para começar a comemorar. Mas, assim que o cronômetro zerou, torcedores saíram às ruas na capital Vilna.

O resultado garante que a Lituânia será a primeira colocada no grupo e vai enfrentar o quarto colocado da outra chave. Mesmo se perder para a Austrália na última rodada, leva vantagem sobre Porto Rico no desempate.

Os EUA também estão classificados, após a derrota da Austrália. Mesmo se perder para Angola na segunda-feira, eles levam vantagem sobre Austrália e Grécia em um possível desempate pela quarta posição.

Os Estados Unidos mudaram de postura em relação aos três primeiros jogos. Defendendo muito melhor do que nos três primeiros jogos, os americanos saíram atrás da Lituânia no primeiro quarto, mas, na metade do período, já estava na frente.

E, uma vez na liderança, mantiveram a vantagem até o quarto período. Os EUA venceram o primeiro quarto por 23 a 26, aumentaram a vantagem para 49 a 44 no final do primeiro tempo e chegaram a ter dez pontos na frente no terceiro.

O último quarto começou com os lituanos acertando a mão e igualando a partida. A dois minutos do final, o armador Jasikevicius, que, na semifinal de Sydney-2000 errou um arremesso de três pontos que derrotaria os EUA, fez a diferença.

Os Estados Unidos tinham três pontos de vantagem, mas o armador fez três bolas de três seguidas, com direito a um lance livre, após falta de Lamar Odom. A Lituânia passou no placar, abrindo quatro pontos, 91 a 87.

A defesa lituana, então, apareceu. Marbury penetrou no garrafão e quando soltou a bola em direção à cesta, levou um toco do pivô Zukauskas. Após levar dois pontos e ficar com seis pontos atrás, os norte-americanos contaram com Richard Jefferson, cestinha do time na partida, para manter viva a chance de vitória.

Com 30 segundos para o final e 93 a 87 contra no placar, o ala do New Jersey Nets, da NBA, acertou uma bola de três, diminui a vantagem para três pontos e ainda roubou a bola logo em seguida. Ele levou uma falta, mas, quando foi cobrar, errou o lance livre e o rebote ficou com os lituanos.

Na sequência, porém, os EUA demoraram para fazer a falta e só pararam Siskauskas a cinco segundos do final. O jogador errou o primeiro lance livre, mas acertou o segundo, abrindo quatro pontos. Já com a partida perdida, Marbury tentou um arremesso e errou.

Veja também



22/11/2004
10h36 - WADA tem orçamento acrescido em US$ 1,47 milhão

19/11/2004
20h13 - Brasileiro fica em 25º no Mundial de luge e soma ponto para Turim

18/11/2004
13h22 - Polícia faz diligência em empresa responsável por Turim-2006

12/11/2004
19h31 - COB anuncia indicados ao Melhor Atleta do Ano

10h20 - Jogos de Atenas custaram mais de 9 bilhões de euros à Grécia

05/11/2004
08h59 - Chineses adotam data "da sorte" para abertura dos Jogos de 2008

04/11/2004
14h38 - Presidente de comitê dos Jogos de Turim vai pedir demissão

13h51 - Putin recebe no Kremlin 182 medalhistas russos em Atenas 2004

09h06 - Barcelona ajudará candidatura de Madri às Olimpíadas de 2012

02/11/2004
10h09 - Governo dará a Paris 2,5 bilhões de euros para campanha olímpica

Mais notícias