UOL Olimpíadas
BUSCA




RECEBA O BOLETIM
UOL ESPORTE
 

 
21/08/2004 - 20h39
Massú e González vencem alemães e dão 1º ouro olímpico ao Chile

Da Redação
Em São Paulo

Nicolas Massú e Fernando González conseguiram mais um feito histórico para o Chile. Eles conquistaram, neste sábado, a primeira medalha de ouro olímpica do país sul-americano, ao ficar com o título da chave de duplas.

AFP 
Nicolas Massú e Fernando González (dir.) conquistam o 1º ouro da história do Chile
Na decisão, eles venceram uma partida emocionante contra os alemães Rainer Schuettler e Nicolas Kiefer por 3 sets a 2, com parciais de 6-2, 4-6, 3-6, 7-6 (9-7) e 6-4. Para chegar à vitória, a dupla chilena precisou salvar quatro match points no quarto set.

Além disso, o Chile vem fazendo campanha impressionante em Atenas. Neste domingo, Massú poderá conquistar mais uma medalha de ouro, já que disputa a final de simples contra o norte-americano Mardy Fish.

E, ainda neste sábado, o Chile ganhou medalha de bronze, com a vitória de Fernando González sobre o norte-americano Taylor Dent, também com um emocionante 16-14 no terceiro set.

Em 15 partidas, o Chile só perdeu uma, válida pela semifinal, entre González e Mardy Fish.

A final de duplas foi o jogo mais emocionante até agora nas Olimpíadas. De um lado, estava a força sul-americana do fundo de quadra e, do outro, a agressividade da dupla alemã, que buscava a rede na maioria dos pontos.

Os alemães demoraram para entrar no ritmo de jogo. Depois de perderem o primeiro set com duas quebras de saque, se recuperaram em seguida, fazendo 6-4. No terceiro set, também dominaram e, com uma quebra de saque, fecharam em 6 a 3.

O quarto set foi o mais equilibrado. Nenhuma das equipes perdeu seu serviço, e a decisão parou no tie-break. Jogando mal, os chilenos permitiram que Kiefer e Schuettler abrissem vantagem de 6 a 2, mas perderam a primeira chance após devolução errada.

Ainda com três match points à disposição, Kiefer foi para o saque, mas a força da devolução dos chilenos prevaleceu e eles encostaram. O saque voltou para Massú, que conseguiu a virada para 7-6.

Na seqüência, Schuettler errou um voleio e deu o primeiro set point para os chilenos, que, após bom saque de González, fecharam em 9-7.

No último set, as duas parcerias pareciam cansadas. O Chile obteve uma quebra de saque logo de cara, mas perdeu dois serviços e levou virada para 3 a 1. A equipe sul-americana ainda empatou em 3 a 3 e, posteriormente, em 4 a 4.

No nono game, os chilenos conquistaram a quebra decisiva. No décimo, abriram vantagem de 40-15, com dois match points, mas desperdiçaram as chances. Na terceira oportunidade, graças a um erro de Kiefer, fecharam a partida em 6-4.

A ascensão do tênis chileno começou em meados da década de 90, com a revelação de Marcelo Ríos. Depois de chegar à liderança do ranking mundial, ele começou a ter problemas de contusão, mas deixou seus "herdeiros".

Massú e González ainda não levaram o país à elite da Copa Davis, mas o Chile é o atual bicampeão da Copa do Mundo de Dusseldorf, que reúne as oito melhores equipes do mundo em um campeonato em quadra de saibro.

Veja também



22/11/2004
10h36 - WADA tem orçamento acrescido em US$ 1,47 milhão

19/11/2004
20h13 - Brasileiro fica em 25º no Mundial de luge e soma ponto para Turim

18/11/2004
13h22 - Polícia faz diligência em empresa responsável por Turim-2006

12/11/2004
19h31 - COB anuncia indicados ao Melhor Atleta do Ano

10h20 - Jogos de Atenas custaram mais de 9 bilhões de euros à Grécia

05/11/2004
08h59 - Chineses adotam data "da sorte" para abertura dos Jogos de 2008

04/11/2004
14h38 - Presidente de comitê dos Jogos de Turim vai pedir demissão

13h51 - Putin recebe no Kremlin 182 medalhistas russos em Atenas 2004

09h06 - Barcelona ajudará candidatura de Madri às Olimpíadas de 2012

02/11/2004
10h09 - Governo dará a Paris 2,5 bilhões de euros para campanha olímpica

Mais notícias