Esporte

Alerta de tuburão faz etapa feminina do Mundial de Surfe ser paralisada

Reprodução / WSL
Johanne Defay entrou no mar após a competição recomeçar Imagem: Reprodução / WSL

Do UOL, em São Paulo

12/09/2016 17h08

Um alerta de tubarão na água fez com que a Liga Mundial de Surfe (WSL) paralisasse a competição feminina realizada nesta segunda-feira (12) em Trestles, nos Estados Unidos. Depois de uma varredura no local, com salva-vidas e jet-skis, a organização deu o lugar como seguro, e decidiu iniciar as quartas de final das mulheres após 30 minutos de paralisação.

"Havia um tubarão perto da arrebentação. Nós seguramos os surfistas, nossos guarda-vidas foram verificar o local e nós passaram que agora está seguro para retomarmos a competição. A segurança dos surfistas é a prioridade da WSL", disse Jessy Miley-Dyer, comissária da entidade.

Apesar de a imagem do tubarão não ser registrada pelas câmeras de transmissão, a organização agiu rápido pedindo que as surfistas, que se preparavam para começar uma bateria, saíssem da água para que os salva-vidas entrassem para analisar a situação do mar.

 

 

ID: {{comments.info.id}}
URL: {{comments.info.url}}

Ocorreu um erro ao carregar os comentários.

Por favor, tente novamente mais tarde.

{{comments.total}} Comentário

{{comments.total}} Comentários

Seja o primeiro a comentar

{{subtitle}}

Essa discussão está encerrada

Não é possivel enviar novos comentários.

{{ user.alternativeText }}
Avaliar:
 

* Ao comentar você concorda com os termos de uso. Os comentários não representam a opinião do portal, a responsabilidade é do autor da mensagem. Leia os termos de uso

Escolha do editor

{{ user.alternativeText }}
Escolha do editor

Facebook Messenger

Receba as principais notícias do dia. É de graça!

Mais Esporte

Topo